Educadores

Ínicio : Pedagogia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (92)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Notas (Do melhor para o pior avaliado)

Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Diretrizes curriculares para educacao escolar quilombola: o caso da Bahia e o contexto nacional Popular Versão: PDF
Atualização:  27/7/2017
Descrição:
OLIVEIRA, Suely Noronha de

Neste trabalho me proponho a refletir sobre o surgimento de uma nova modalidade de educação, a educação escolar quilombola, no cenário das políticas públicas de educação no Brasil, destacando o debate sobre o tema como uma nova pauta para os movimentos negros e para a luta anti-racista na educação. Mais especificamente, centro-me no estudo sobre a elaboração das diretrizes curriculares para a educação escolar quilombola no estado da Bahia e focalizo as motivações iniciais para construção dessa política estadual, os mediadores envolvidos, os espaços de mediação, o contexto organizativo-político e as demandas sociais relacionadas a esse processo. Durante a pesquisa, realizei entrevistas com lideranças e gestores, recolhi e analisei documentos produzidos em seminários e audiências públicas, das quais participo na condição de observadora desde 2010. O trabalho de campo aconteceu especificamente em Salvador (sede política do estado), e consistiu no acompanhamento e registro do processo de tramitação e de negociação do texto-base da política e das ações coletivas e individuais promovidas pelos envolvidos. A pesquisa construiu uma narrativa temporal analítica do processo de elaboração das diretrizes curriculares para a educação escolar quilombola no estado da Bahia e sua relação com a política nacional, identificando as continuidades e descontinuidades no seu desenvolvimento. Compreender a educação escolar quilombola como categoria recente, ainda em desenvolvimento, e a elaboração de tais diretrizes como aprendizado em processo - tanto para os quilombolas, quanto para os gestores da política se faz necessário para entendê-la enquanto um campo emergente da educação, o qual ainda tem muito a ser conhecido.

Palavras-chave: Educação escolar. Quilombos. Políticas educacionais. Políticas de diversidade.

Downloads 1232  1232  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-Rio  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Um Panorama da Capacitação de Professores em Processos de Formação Continuada: O caso do Curso de Co Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
LOBO, Márcia Eunice

Os baixos índices de rendimento escolar, a introdução de novas tecnologias de informação e comunicação, aliadas à emergência de um mercado, marcado pela competitividade e exigindo níveis mais elevados de formação profissional, propõem mudanças nas organizações e nos modelos educacionais. As melhorias propostas para a Educação Básica, sugerem desafios à formação dos professores. Na sociedade contemporânea, o papel do professor formado na escola tradicional tem sido questionado. Observa-se que, somadas à discutida má formação para a carreira docente e conseqüente desvalorização da mesma, está a falta de qualificação profissional, que contribui à acentuada deficiência na qualidade educacional. A busca de alternativas, que proporcionem condições de estudo aos professores e políticas que favoreçam a constituição de um corpo docente mais qualificado, traz a educação a distância como uma possibilidade de formação continuada, devido às sua características. A educação a distância vem se destacando como alternativa de atualização, capacitação e formação profissional, em todos os níveis e áreas do conhecimento. Este trabalho trata inicialmente de aspectos relacionados a formação continuada de professores, inferindo na educação continuada no ambiente empresarial, analisando a utilização da educação a distância nas ações de ensino e na melhoria da qualidade da educação. É apresentado como estudo de caso o Curso de Complementação para Licenciatura em Química, Física, Matemática e Biologia, implementado no Estado da Bahia, por um convênio entre a Secretaria de Educação do referido estado e a Universidade Federal de Santa Catarina.

Palavras Chave: Educação Continuada. Formação docente. Educação a Distância.

Downloads 851  851  Tamanho do arquivo 1.27 MB  Plataforma Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC  Site http://www.ufsc.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Formação Continuada e Desenvolvimento Profissional Docente: Representações de Professores PDE Popular Versão: PDF
Atualização:  24/5/2017
Descrição:
SIQUEIRA, Ana Paula de Moraes de

Esta dissertação tem como foco a formação continuada e desenvolvimento profissional docente. Considerando a história recente da formação de professores, destacamos que estes processos vêm sofrendo uma significativa reconfiguração para atender as indicações de organismos internacionais. Influindo sobre maneira no desenvolvimento profissional docente. Frente a esse cenário, tomamos como referência a proposta de formação continuada Programa de Desenvolvimento Educacional (PDE/PR) iniciativa do Estado do Paraná, para redimensionar as práticas docentes. O PDE se baseia na relação teoria-prática partindo do pressuposto de reconhecimento dos docentes enquanto produtores de conhecimento. Em pesquisa já realizada constatamos que os professores muitas vezes priorizam o PDE como avanço na carreira (SIQUEIRA, 2014). Nesse sentido, propomos como pergunta de pesquisa: Quais as representações sociais de professores PDE/2013, sobre formação continuada e sua relação com o desenvolvimento profissional docente? Nos apropriamos dos estudos sobre a Teoria das Representações Sociais, com foco na Teoria do Núcleo Central, apoiando-se nas pesquisas de Moscovici (2003, 2012), Jodelet (2001, 2011), Abric (1994, 2001), entre outros. A pesquisa qualitativa surgiu como metodologia apropriada. Bogdan, Biklen (1994) e Franco (2008), foram os principais aportes. Marcelo García (1999), Marcelo (2009), Roldão (2009); Imbernón (2009), foram referencias importantes para a discussão sobre desenvolvimento profissional. Realizamos o teste de evocação de palavras, o questionário sobre o PDE e de perfil. Participaram do estudo 38 professores, a maioria mulheres com mais de 46 anos e pelo menos 10 anos de contribuição ao Estado. Investigando a proposta do PDE, buscamos nos resumos dos artigos, proposta de finalização do PDE, os principais termos empregados. Destaca-se “aluno”, “educação”, “trabalho”, indicando que as propostas se focam nas dificuldades e nos desafios enfrentados pelos professores em seu trabalho docente. Analisando os termos evocados as palavras “conhecimento”, “estudo” e “experiência”, aparecem enquanto provável núcleo central das representações sobre formação continuada. Inferimos que os professores concebem a formação enquanto espaço de estudo para a construção de conhecimento, este respaldado pela experiência. Considerando essa formação ao longo do desenvolvimento profissional. Para reafirmar o provável núcleo central utilizamos o software Iramuteq para a análise de similitude. Nelas podemos destacar que “conhecimento” e “estudo”, se corporificam em dois blocos com alto grau de conexidade, reafirmando o provável núcleo central. As respostas obtidas pelo questionário sobre o PDE, foram processados pelo Método de Classificação hierárquica descendente (CHD). Seis classes foram formadas, essas classes serviram de base para a construção de cinco categorias de análise tendo em vista as características pontuadas por Marcelo (2009), para o desenvolvimento profissional docente: “prático-reflexivo”, “Universidade ? Escola”, “processo colaborativo”, “ser professor PDE” e “SEED” Observamos que as questões que apareceram no provável núcleo central são trabalhadas quando os professores falam sobre o PDE. Refletimos que a proposta de formação do PDE, traz elementos que podemos considerar que contribuem para o desenvolvimento profissional docente. Contudo, nas representações algumas questões aparecem, como a não oportunidade da formação para todos os professores, a questão do empoderamento do professor, categorizando sentimentos performativos no espaço escolar.

Palavras-chave: PDE. Formação continuada. Desenvolvimento profissional docente.

Downloads 1865  1865  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-PR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Grêmio Estudantil e participação do estudante: limites e possibilidades para o processo de emancipaç Popular Versão: PDF
Atualização:  5/12/2016
Descrição:
BOUTIN, Aldimara Catarina Brito Delabona.


O trabalho apresenta um estudo sobre os grêmios estudantis que atuam em escolas da rede estadual de ensino da cidade de Ponta Grossa, situadas em regiões de periferias. O objetivo da pesquisa foi analisar os limites e as possibilidades desses grêmios estudantis, enquanto instância colegiada de representação discente, para o processo de emancipação nas comunidades em que se inerem. A questão que norteou a pesquisa foi: Em que medida o grêmio estudantil pode contribuir para o processo de emancipação na atual sociedade capitalista? O objeto da pesquisa é composto por seis grêmios estudantis que atuam em escolas de Ensino Médio nas periferias e os objetivos específicos que nortearam as reflexões foram: a) Contextualizar os movimentos estudantis brasileiros que antecederam os grêmios estudantis; b) Identificar os objetivos, explícitos ou não, que orientam as atividades e projetos desenvolvidos pelos grêmios estudantis; c) Explicitar as concepções que norteiam a organização da atuação discente em grêmios estudantis das realidades pesquisadas. Para a coleta de dados foram utilizadas entrevistas semiestruturadas com os alunos que presidem os grêmios estudantis selecionados para a pesquisa, também foram analisados documentos como as atas dos grêmios e os Manuais e cartilhas de autoria da SEED-PR e do Instituto Sou da Paz. As entrevistas foram transcritas, analisadas e categorizadas, considerando: a autonomia dos alunos que atuam junto aos grêmios, os projetos desenvolvidos pelas agremiações, o processo eleitoral, a emancipação política e a emancipação humana. Como aporte teórico foi utilizado o Materialismo Histórico e Dialético, com a contribuição de autores como: Poermer (1979), Gramsci (1978, 2001), Mandel (1979), Marx (2001, 2010), Tonet (2005, 2010), Sanfelice (1986, 2008), os quais auxiliaram tanto para o estabelecimento do diálogo com o referencial teórico como para o entendimento de como se configurou o movimento estudantil até se chegar a estrutura atual dos grêmios estudantis. Os resultados da pesquisa evidenciam que os direcionamentos políticos expressos nos Manuais e cartilhas de produção da SEED, PR e do Instituto Sou da Paz, se refletem nos projetos e atividades desenvolvidas pelas agremiações. Também foi possível perceber que a equipe gestora limita e cerceia a participação dos alunos junto aos grêmios estudantis, contribuindo, dessa forma para inibir uma atuação estudantil comprometida por objetivos emancipadores. A pesquisa concluiu portanto, que os grêmios estudantis pesquisados não contribuem para o processo de emancipação e que o exercício da emancipação política é apresentado de forma fragilizada.


Palavras-chave: Grêmio Estudantil. Participação discente. Capitalismo. Emancipação humana. Emancipação Política.

Downloads 2192  2192  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Olhar de si e o olhar dos outros: um itinerário através das tradições e da identidade cigana Popular Versão: PDF
Atualização:  21/12/2018
Descrição:
CASTRO, Débora Soares

Esta Dissertação de Mestrado versa sobre a história, a identidade, as representações, as tradições e a cultura dos ciganos. O principal objetivo do trabalho consiste em analisar em que medida a longa tradição cultural cigana e sua condição de povo nômade, ágrafo e excluído social e politicamente de várias formas, em vários continentes, há vários séculos, se preserva na vida cotidiana de quatro grupos de ciganos que vivem em localidades diferentes do Rio Grande do Sul, no início do século XIX. Para isso, alguns questionamentos foram suscitados: qual a origem dos ciganos? Ao longo dos séculos, como foram vistos e representados no Brasil? Tais representações correspondem a sua identidade e tradições? Em que base se fundamenta a identidade cigana? Como os porto-alegrenses vêem os ciganos e como os ciganos vêem os porto-alegrenses? Existiriam motivos para a sua não integração na sociedade e cultura brasileira? Somente através de um estudo multidisplinar foi possível responder a tais questionamentos. Utilizou-se de revisões bibliográficas, do relato oral, bem como de observação do tipo participante, feitas com famílias de residência fixa ou nômades – durante o período da pesquisa – em Porto Alegre e na região metropolitana. Recorreu-se, ainda, à aplicação e análise de instrumentos capazes de analisar quantitativa e qualitativamente as questões propostas. Diante do exposto, pretende-se demonstrar que a trajetória histórica dos grupos ciganos está imantada de representações e estas contribuem, até hoje, para a permanência e a reprodução de estereótipos sobre os ciganos.

Palavras-Chave: Ciganos. Cultura. História. Identidade. Representações. Tradição.

Downloads 514  514  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC - RS  Site http://repositorio.pucrs.br/dspace/bitstream/10923/3760/1/000433882-Texto%2bCompleto-0.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Formação para diretor escolar da Educação Básica: o Programa Nacional Escola de Gestores no Estado d Popular Versão: PDF
Atualização:  23/8/2013
Descrição:
TEIXEIRA, Marilza Aparecida Pereira

O objeto deste trabalho é a política de formação continuada nacional para diretores de escolas básicas públicas brasileiras, denominado pelo MEC como programa Escola de Gestores, na versão de curso de especialização, implementada pela Universidade Federal do Paraná a quatrocentos (400) diretores/as e diretores/as - auxiliares das redes municipais e estadual de educação paranaense, ofertado nos anos de 2008/2010, por meio da educação à distância. A discussão que este trabalho fomenta é a efetividade desse programa público de formação, ofertado pelo governo federal e o possível alcance dessa política no Paraná. O texto analisa a proposta e identifica que ele visa modificar a atuação dos diretores de escola básica, por meio de conhecimentos sobre a gestão democrática e o direito à educação, bem como constituir uma rede nacional de troca de experiências para os diretores. Para tal avaliação, esta dissertação cotejou a proposta do programa com a experiência paranaense e, para tanto,utilizou dados derivados de um questionário aplicado aos cursistas concluintes do programa, bem como dos trabalhos de conclusão de curso (TCC) entregues. Ao avaliar esse programa, a pesquisa concluiu que no caso paranaense, houve alcance parcial dos objetivos da proposta, uma vez que houve grande índice de evasão e um baixo rendimento na aprendizagem dos sujeitos. Isso, em alguma medida pode ter tido como causa, o período da realização, a dificuldade dos cursistas em manter disciplina para a realização do curso em EAD, bem como situações de organização do curso pela própria UFPR.

Palavras-Chave: Política de Formação Continuada. Políticas Educacionais. Diretor Escolar. Programa Nacional de Formação Escola de Gestores.

Downloads 1417  1417  Tamanho do arquivo 925.78 KB  Plataforma Universidade Federal do Paraná - UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!A Indisciplina Escolar na Perspectiva de Alunos Popular Versão: PDF
Atualização:  22/8/2013
Descrição:
GOLBA, Mônica Aparecida de Macedo

Esta dissertação apresenta uma investigação qualitativa sobre indisciplina escolar, na perspectiva de um grupo de alunos, da oitava série, do Ensino fundamental, de uma escola da Rede Pública Estadual, situada no município de Cândido de Abreu, Estado do Paraná. Os estudos sobre a indisciplina, na perspectiva de alunos, representam uma vertente fundamental a ser explorada, bem como um avanço necessário na pesquisa do tema. Na composição do referencial teórico, analisamos uma variedade de entendimentos conceituais sobre indisciplina escolar, destacando a perspectiva de alunos. Percorremos textos de pesquisas, realizadas tanto por teóricos brasileiros quanto por teóricos portugueses, considerando não só as distinções culturais, mas também a similaridade entre aqueles contextos escolares e o que apresentamos aqui. Em complemento à fundamentação teórica, realizamos investigação de campo, recorrendo ao método de pesquisa do tipo etnográfico. Ao longo da etapa de levantamento de dados, realizamos observações do cotidiano de sala de aula, na escola indicada, diálogos com professores, e entrevistas com o grupo de alunos, selecionados através de estratégia de amostragem intencional, por variação máxima. Entre os resultados obtidos, destacamos a perspectiva, entre os alunos, de que a indisciplina escolar seria expressão legítima, e que os significados atribuídos a ela seriam de natureza pedagógica. Haveria, pois, uma indisciplina legítima, diante de práticas inadequadas. Além disso, os alunos entrevistados atribuem sentidos distintos à indisciplina, em função do espaço onde ocorre. Em sala, a indisciplina teria o sentido de interromper o processo aula e de afrontar o professor, sinalizando a necessidade de se repensar o processo. A indisciplina fora da sala de aula refletiria conflitos e disputas entre alunos e turmas, assumindo o sentido de romper com a ordem e de gerar conflitos. Finalmente, observamos que a perspectiva dos alunos sobre indisciplina apresenta distinções em relação à perspectiva dos professores. Enquanto estes tendem a relacionar a indisciplina mais às suas causas, aqueles atribuem também sentidos à indisciplina, relacionados à fragilidade das práticas pedagógicas, exercidas pelos professores.

Palavras-chave: Educação, Práticas pedagógicas, Indisciplina escolar, Perspectiva de alunos.

Downloads 2541  2541  Tamanho do arquivo 506.19 KB  Plataforma Universidade Tuiuti do Paraná  Site http://tede.utp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Avaliação em Matemática: análise da produção escrita de alunos da 4ª série do Ensino Fundamental em  Popular Versão: PDF
Atualização:  22/8/2013
Descrição:
NEGRÃO DE LIMA, Roseli Cristina

A proposta deste trabalho é investigar a produção escrita de 50 alunos de 4ª série do Ensino Fundamental de escolas públicas do Paraná na Prova de Questões Abertas de Matemática – AVA 2002. Para tanto, buscou-se verificar como os alunos lidam com as informações contidas no enunciado e a utilização que fazem delas ao resolver as questões; inventariar os erros e os acertos mais frequentes e sua natureza; identificar as estratégias/procedimentos mais utilizados; identificar os possíveis fatores intervenientes. Esta é uma pesquisa qualitativa de cunho interpretativo que utiliza a análise de conteúdo como ferramenta para compreender as informações obtidas. Considerando-se a semelhança entre as produções, as provas foram agrupadas conforme o desempenho dos participantes e por bloco de resoluções a partir do acerto/erro. Com isso foi possível identificar algumas características da produção dos alunos, alguns dos saberes relativos aos conteúdos envolvidos nas questões. Esta investigação mostra que é possível utilizar a avaliação como prática de investigação a fim de identificar e superar dificuldades tanto dos alunos como dos professores nos processos de ensino e aprendizagem que ocorrem no ambiente escolar.

Palavras-chave: Educação matemática; Avaliação da aprendizagem em Matemática; Produção escrita em Matemática; Acerto e erro; Ensino e aprendizagem.

Downloads 588  588  Tamanho do arquivo 3.05 MB  Plataforma Universidade Estadual de Londrina - UEL  Site http://www.uel.br/pos/mestredu/index.php/dissertacoes-defendidas/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!A expressão da criatividade infantil em atividades lúdicas Popular Versão: PDF
Atualização:  22/8/2013
Descrição:
HOYER, Alice Rodrigues

A possibilidade de expressão da criatividade depende de uma articulação complexa entre as características do contexto e os recursos pessoais do sujeito. Tão importante quanto o estimulo ao desenvolvimento desses recursos desde a primeira infância é o incentivo à expressão criativa concreta da criança. Objetivando compreender como se expressa a criatividade infantil em atividades lúdicas de uma escola de ensino fundamental, buscamos identificar e analisar as formas de expressão da criatividade nas referidas atividades, os elementos contextuais que participam dessa expressão, assim como os elementos da subjetividade individual a ela relacionados. Para nortear o trabalho e atingir o referido objetivo, após ampla revisão bibliográfica optamos pela compreensão da criatividade na perspectiva histórico-cultural da subjetividade de Mitjáns Martínez pela concepção epistemológica e metodológica qualitativa elaborada por González Rey. A pesquisa empírica, realizada em um espaço lúdico de uma escola privada do ensino fundamental do Distrito Federal, foi dividida em duas fases, sendo a primeira caracterizada por um estudo geral para a identificação de expressões da criatividade e dos elementos contextuais que nelas participam, e a segunda pela realização de dois estudos de caso, utilizando uma diversidade de instrumentos como: observação, análise documental, dinâmica conversacional, entrevista, completamento de frases, além de outros elaborados por nós. Entre os principais resultados, encontramos que a criatividade infantil em atividades lúdicas se expressou fundamentalmente na mudança de regras dos jogos ou atividade; em uma nova utilização dos objetos ou inserção de ovos elementos na brincadeira; na criação de novas brincadeiras; na elaboração de projetos de sucata; na elaboração de personagens e/ou histórias imaginativas e na resolução de problemas nas atividades lúdicas. Entre os diferentes elementos contextuais encontrados estão a natureza livre e aberta da própria atividade lúdica; a existência de espaços estimulantes e favoráveis à criação e a valorização social dessa criação, seja pelos pais, colegas e/ou professores. A expressão da criatividade infantil é possível pela complexa inter-relação entre elementos da subjetividade individual e elementos dos contextos sociais, destacando para o importante papel da família e da escola no desenvolvimento dos recursos pessoais ligado à criatividade, assim como no incentivo e valorização dessa expressão concreta.



Palavras-chave: Criatividade Infantil. Expressão criativa. Subjetividade. Lúdico. Ensino fundamental.

Downloads 3429  3429  Tamanho do arquivo 2.01 MB  Plataforma  Universidade de Brasília - UnB  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações
Fazer Download agora!Formação para Diretor Escolar da Educação Básica: o Programa Nacional Escola de Gestores no estado d Popular Versão: PDF
Atualização:  23/8/2013
Descrição:
TEIXEIRA, Marilza Aparecida Pereira.

O objeto deste trabalho é a política de formação continuada nacional para diretores de escolas básicas públicas brasileiras, denominado pelo MEC como programa Escola de Gestores, na versão de curso de especialização, implementada pela Universidade Federal do Paraná a quatrocentos (400) diretores(as) e diretores(as) - auxiliares das redes municipais e estadual de educação paranaense, ofertado nos anos de 2008/2010, por meio da educação à distância. A discussão que este trabalho fomenta é a efetividade desse programa público de formação, ofertado pelo governo federal e o possível alcance dessa política no Paraná. O texto analisa a proposta e identifica que ele visa modificar a atuação dos diretores de escola básica, por meio de conhecimentos sobre a gestão democrática e o direito à educação, bem como constituir uma rede nacional de troca de experiências para os diretores. Para tal avaliação, esta dissertação cotejou a proposta do programa com a experiência paranaense e, para tanto, utilizou dados derivados de um questionário aplicado aos cursistas concluintes do programa, bem como dos trabalhos de conclusão de curso (TCC) entregues. Ao avaliar esse programa, a pesquisa concluiu que no caso paranaense, houve alcance parcial dos objetivos da proposta, uma vez que houve grande índice de evasão e um baixo rendimento na aprendizagem dos sujeitos. Isso, em alguma medida pode ter ido omo causa, o período da realização, a dificuldade dos cursistas em manter disciplina para a realização do curso em EAD, bem como situações de organização do curso pela própria UFPR.

Palavras-chave: Politica de formação Continuada. Políticas Educacionais. Diretor Escolar. Programa Nacional de Formação Escola de Gestores.

Downloads 627  627  Tamanho do arquivo 947.95 KB  Plataforma Universidade Federal do Paraná - UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 (6) 7 8 9 10 »