Educadores

Ínicio : Sociologia : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (6)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Alienação e estranhamento em Marx : dos Manuscritos Econômicos-Filosóficos de 1844 à Ideologia Alemã Popular Versão: PDF
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
RANIERI, Jesus Jose

Resumo: Não Informado

Palavras-chave: Trabalho. Alienação (Filosofia). Teoria do conheicmento.

Downloads 4410  4410  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000203844
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!"Sacando" o voleibol: do amadorismo à espetacularização da modalidade no Brasil (1970-2000) Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
MARCHI JR., Wanderley

Este estudo tem como ponto de partida uma história de vida envolvendo o Voleibol como uma prática educacional, esportiva e de pesquisa acadêmica. Nesse contexto, definimos a história do Voleibol brasileiro nas últimas três décadas como objeto de estudo.

Palavras-chave: Voleibol. História e sociologia do esporte. Amadorismo. Espetacularização.

Downloads 4349  4349  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Estadual de Campinas  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Florestan Fernandes e Guerreiro Ramos : para além de um debate  Popular Versão: 
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
MARTINS, Tatiana Gomes Martins

O objetivo central desta pesquisa consistiu em identificar o debate político entre Florestan Fernandes e Guerreiro Ramos expresso nas interpretações sociológicas realizadas pelos autores entre meados da década de 1950 e inícios dos anos 1960. Para isso, teve como ponto de partida os textos que tratavam diretamente de três temas específicos: papel da Sociologia, desenvolvimento e projeto de desenvolvimento. Procurou-se, então, apreender a relação desses temas, presentes no corpo da obra dos autores naquele período, com as respectivas propostas de construção da Sociologia Brasileira e de interpretação do Brasil. Trata-se de um recorte a partir do qual tais temas apareceram como partes "suficientemente autônomas", ou seja, com uma significação própria na obra desses autores. Não obstante, a nterpretação procurou ir além dos trabalhos dos autores buscando dois instrumentais analíticos complementares para aquele objetivo central. De um lado, a pesquisa se inclinou a identificar a presença dos temas, papel intelectual, desenvolvimento nacional e projeto nacional de desenvolvimento em outros autores procurando construir um contexto léxico. Isso permitiu, para fins desse trabalho, compreender o sentido da argumentação de Florestan Fernandes e Guerreiro Ramos frente ao debate estabelecido sobre esses temas. Em outras palavras, tratou-se, aqui de estabelecer as devidas distinções entre as terminologias e formulações que compunham o conjunto de respostas teóricas às questões colocadas pela sociedade brasileira naqueles anos. Por outro lado, como forma de destacar o caráter político dessas interpretações a análise procurou identificar os projetos políticos de transformação social que estavam por trás das mesmas e localizá-los frente às alternativas do cenário político e social.

Palavras-chave: Sociologia - Brasil. Mudança social.

Observação - Para baixar artigos, teses e monografias da Unicamp é necessário fazer um cadastro simples com e-mail e senha.

Downloads 3450  3450  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=000431725
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!"As múltiplas formas de violência no trabalho de enfermagem: o cotidiano de trabalho no setor de eme Popular Versão: 
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
COSTA, Aldenan Lima Ribeiro Corrêa da

O estudo teve como objetivo apreender e analisar as formas de violência operantes no mundo do trabalho de enfermagem em um serviço de emergência e urgência clínica de uma instituição hospitalar pública de Mato Grosso com 1200 trabalhadores, dos quais 400 são de enfermagem e desses, 42 são escalados nos 03 turnos de trabalho do setor pesquisado.

Palavras-chave: Urgência e emergência. Violência no local de trabalho. Violência. Enfermagem.

Downloads 3441  3441  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Cada um na sua mas entre nós o problema: família, instituição e práticas educativas não-formais Popular Versão: PDF
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
MUNIZ, Tétis Mori

Este trabalho tem como objeto de estudo uma entidade beneficente de educação não-formal localizada na região Norte do município de Campinas. Essa entidade atende crianças eadolescentes entre 7 e 14 anos moradores de bairros de tal região. Por meio de seu estudo analiso a inter-relação das práticas educativas de tal entidade com as expectativas das famílias cujos filhos são por ela atendidos. Fundamentalmente a pesquisa foi baseada em observação participante de diversos momentos do cotidiano da entidade (durante o ano de 2000), em entrevistas com a equipe de trabalho da entidade e com 9 famílias. Ao refletir sobre a inter-relação das práticas educativas e as expectativas das famílias surge a questão do trabalho como categoria contraditória, na medida que ele é considerado pelas famílias como parte fundamental da sua identidade e considerado pela entidade, ao pensar o trabalho infantil, como ilegal.

Palavras-chave: Não Informado

Downloads 3365  3365  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Ensino Policial Militar Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
LUIZ, Ronilson de Souza.

A presente tese investiga de que forma a capacitação profissional de policiais militares do Estado de São Paulo pode contribuir para uma melhor prestação do serviço de segurança pública. O cerne da tese nasce da necessidade de se abandonar, no que for necessário, o paradigma militarista e implantar um novo paradigma com base nos seguintes princípios: formação e qualificação profissional continuada, interdisciplinaridade, integração, abrangência e capilaridade, além da fundamental atualização permanente. Nesta direção, priorizou-se a tentativa de se compreender o não-investimento na capacitação profissional. Buscou-se analisar a relação entre a prática policial visível e o processo de se ensinar a ser policial. A tese foi construída a partir do questionamento da qualificação profissional, analisando o modo como são formados os policiais. Com as mudanças operadas no plano político e social, sobretudo a partir de 1988, o desafio está posto para a sociedade, que é elaborar políticas de segurança pública e de controle da criminalidade que não comprometam os avanços conquistados depois da redemocratização do país. Na busca da construção de uma segurança e de uma polícia cidadã, realizou-se entrevistas com três coronéis reformados que outrora dirigiram escolas de formação de soldados. A investigação deu-se também com base em documento do Ministério da Justiça, de 2004, denominado de Matriz Curricular Nacional. Como subsídio teórico, apoiou-se em pesquisadores que expressam o seu envolvimento com a proposta de uma formação mais humanizadora, especialmente Paulo Freire e de Luiz Eduardo Soares. A análise institucional e bibliográfica, além do estado da arte sobre polícia, corroboraram para a constatação da não valoração da formação acadêmica para exercício da atividade policial. São apresentadas propostas para uma formação profissional continuada, enquanto processo, é considerada um pré-requisito para busca de excelência na prestação do serviço de segurança pública. Acreditamos que todo policial militar naturalmente pode exceder positivamente seu papel, atuando também como educador, no que se refere a prevenção. O trabalho finaliza revelando uma urgente necessidade de se incentivar, investir e valorizar a capacitação profissional, buscando uma formação menos endógena e mais
humanizadora.

Palavras-chave: Polícia Militar. educação policial. Cidadania. matriz curricular nacional

Downloads 3352  3352  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUCSP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Imagens do candomblé e da umbanda: etnicidade e religião no cinema brasileiro nos anos 1970  Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
SANTIAGO JÚNIOR, Francisco das Chagas F.

A tese que se apresenta visa mostrar as diferentes disputas que se formaram ao redor das imagens do Candomblé e da Umbanda no cinema brasileiro dos anos 1970. Identificamos as instituições que forneceram sentido aos filmes e os principais debates culturais que se constituíram na relação da sociedade brasileira com as imagens das chamadas "religiões populares". Observamos que o campo cinematográfico partiu de sua tradição de reflexão sobre o nacional e o popular e começou a constituir clivagens nas identidades brasileiras quando propôs fazer filmes que contemplassem os "valores populares". Naquele período ocorreu uma mudança no foco da identidade nacional, antes tida como homogênea, e que seria fraturada em múltiplas facetas. Os filmes que mostravam a Umbanda e o Candomblé, as "religiões populares", se constituíram em conflagrações e disputas pela afirmação da etnicidade e da nacionalidade no Brasil setentista. Começou a emergir uma nova etnicidade, uma etnicização das imagens cinematográficas advinda das fraturas identitárias produzidas no debate cultural brasileiro. Nossa pesquisa acompanha os diversos agenciamentos que os filmes realizaram, bem como as maneiras como foram agenciados por membros do campo cinematográfico, tais como cineastas e críticos de cinema, e membros de outros campos sociais, como antropólogos, ativistas de movimentos sociais e outros críticos culturais. Observamos pela análise de cinco películas (O Amuleto de Ogum, Tendas dos Milagres, Cordão de Ouro, A Força de Xangô, Prova de Fogo) como a etnicidade e a religiosidade se aproximavam e se distanciavam.

Palavras-chaves: Religião Afro-brasileira. Cinema Brasileiro. História e Cinema. Etnicidade.

Downloads 3212  3212  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Vinho novo em odres velhos. Um olhar comunicacional sobre a explosão gospel no cenário religioso ev Popular Versão: 
Atualização:  15/7/2010
Descrição:
CUNHA, Magali do Nascimento

Uma análise comunicacional da explosão gospel e sua expressão entre os diferentes segmentos do cenário religioso evangélico contemporâneo no Brasil é o objeto deste trabalho. Inicialmente um movimento musical, o gospel explodiu na última década do Século XX entre os evangélicos e deu forma a um modo de vida configurado pela tríade música-consumo e entretenimento. Esse modo de vida se expressa, especialmente, em novas formas de culto religioso e na relativização da ética protestante restritiva de costumes. A referida tríade é caracterizada pelas transformações advindas do reprocessamento das culturas das mídias, urbana e de mercado entre os evangélicos e da busca de superação da crise entre protestantismo e sociedade que tem marcado a história deste segmento no Brasil. Entretanto, a análise embasada nos estudos culturais e nas ciências da religião revelou que esses traços de modernidade da cultura gospel estão entrecruzados com a tradição, com a conservação de traços da identidade protestante no Brasil como o dualismo Igreja V.S. mundo, o individualismo, o intimismo religioso, o sectarismo, a rejeição da diversidade de manifestações culturais e religiosas, o antiecumenismo e o antiintelectualismo. O estudo sobre este encontro do antigo com o novo, do tradicional com o moderno remete à compreensão da cultura gospel como uma cultura híbrida. Uma estratégia de adaptação à modernidade e suas expressões hegemônicas - seja o pentecostalismo, no campo religioso, ou o capitalismo globalizado no campo sócio-histórico -com a garantia de preservação da expressão cultural religiosa tradicionalista, já conhecida e aprovada no "coração das igrejas". O hibridismo é aqui compreendido como criação estéril, uma modernidade de superfície passível de tensões: "o vinho novo em odres velhos".

Palavras-chave: Estudos culturais. Hibridismo. Evangélicos. Sociologia da religião. Consumo. Mídia.

Downloads 2881  2881  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!A natureza da ideologia e a ideologia da natureza : elementos para uma Sociologia da educação ambien Popular Versão: 
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
LAYRARGUES, Philippe Pomier

Resumo: Essa tese de doutorado aborda a educação ambiental como objeto de estudo sociológico e apresenta a Teoria das Ideologias como referencial teórico. Tem como questão motivadora central das reflexões, a indagação de que tal qual a Educação estaria também a educação ambiental sujeita a constituir-se num instrumento ideológico de reprodução das condições sociais? Essa indagação, sociologicamente crucial, remete-nos à reflexão sobre a função social da educação ambiental, ou seja, remete-nos ao enquadramento analítico das relações estabelecidas entre a educação ambiental e a mudança social, deixando em segundo plano, as relações estabelecidas entre a educação ambiental e a mudança ambiental. Nesse sentido, percorremos alguns dos principais elementos do campo da educação ambiental, a exemplo da lei que rege a Política Nacional, da principal metodologia adotada e da principal atividade pedagógica, procurando identificar suas relações com a mudança social.

Palavras-chave: Ambientalismo. Educação ambiental. Sociologia. Mudança social.

Downloads 2395  2395  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000293110
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!A máquina automotiva em suas partes : um estudo das estratégias do capital nas autopeças em Campinas Popular Versão: 
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
PINTO, Geraldo Augusto

Resumo: A década de 90 trouxe grandes mudanças nas relações entre o Estado, as empresas e os trabalhadores no Brasil. Na indústria automotiva, a abertura comercial permitiu às montadoras aplicar estratégias globais no suprimento de autopeças, configurando uma cadeia de fornecimento hierarquizada, onde, nos primeiros níveis, estão as fabricantes de sistemas completos dos veículos (sistemistas), as quais também reproduzem estas relações com suas fornecedoras. Acompanhando este processo, mudanças na gestão do trabalho têm reformulado as estruturas de cargos nas plantas, exigindo novas competências aos assalariados e alterando o relacionamento que mantêm entre si nas esferas gerenciais e operacionais, fatos que se refletiram na própria organização do movimento sindical. Focando tais transformações no setor de autopeças da região de Campinas, os objetivos desta tese são compreender: (1) os principais aspectos das relações estabelecidas entre plantas filiais de grupos transnacionais com suas matrizes, bem como com suas clientes e fornecedoras, nos processos de hierarquização e redução da cadeia automotiva, cujo deslanchar no Brasil ocorreu em meio à desnacionalização deste setor; (2) como estes aspectos se relacionam com a implantação da gestão flexível do trabalho nestas plantas filiais, inclusive no tocante à conjugação de métodos dos sistemas taylorista/fordista e toyotista; (3) como tais mudanças têm afetado os trabalhadores, seja quanto aos perfis profissionais e educacionais exigidos e o montante de empregos ofertados, seja quanto às formas de mobilização e negociação sindicais construídas neste contexto. Para a consecução destes objetivos, revisamos a literatura sobre a reestruturação produtiva e sua difusão no Brasil após os anos 90, e realizamos um estudo de caso empírico numa empresa transnacional, situada na região de Campinas e fornecedora tanto de grandes sistemistas de autopeças quanto de montadoras. O Sindicato dos Metalúrgicos de Campinas também foi pesquisado, mediante entrevistas junto à sua direção e presidência, nas quais se abordaram as ações desta entidade em face da reestruturação produtiva nas empresas e das políticas neoliberais, suas concepções acerca das conseqüências destes processos sobre os trabalhadores, bem como o relacionamento que o sindicato vem tendo com a CUT. Os resultados mostram que a desnacionalização do setor de autopeças brasileiro teve profunda relação com as estratégias globais dos grupos transnacionais desta indústria, refletindo um embate entre corporações dos EUA e da Europa frente ao avanço da concorrência nipônica, liderada pela Toyota, embate no qual têm contado com a atuação dos Estados e das classes trabalhadoras. A implantação da gestão flexível nas plantas filiais de países periféricos, por sua vez, não apenas é parte desta luta mundial pela acumulação de capital, como a reproduz no próprio relacionamento cotidiano entre os assalariados, das gerências ao chão de fábrica, onde a hibridez do taylorismo/fordismo com o toyotismo tem configurado perfis de qualificação que fragmentam social, econômica e politicamente os trabalhadores. Por fim, a terceirização e o desemprego que emergiram destes processos têm imposto obstáculos à ação sindical, levando tensões e rupturas entre instâncias locais, estaduais e federais nos setores mais combativos, como ilustra o rompimento do Sindicato dos Metalúrgicos de Campinas com a CUT

Palavras-chave: Sociologia industrial. Teoria da organização . Indústria automobilística. Brasil. Trabalhadores da indústria automobilística. Efeito de inovações tecnologicas. Sindicatos. Metalúrgicos. Campinas.

Downloads 2346  2346  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000432287
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2) 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 »