Educadores

Ínicio : Geografia : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (10)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Título (A a Z)

Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geografia e ensino no Brasil e em Cuba: um estudo histórico-geográfico comparado Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
OLIVEIRA, Cesar Alvarez Campos de

O objeto de estudo desta tese é o desenvolvimento da Geografia como matéria escolar no Brasil e em Cuba, desde seu surgimento até os dias atuais. O objetivo principal é a ampliação do debate e da reflexão sobre as funções e sobre a utilidade da Geografia escolar atual, assim como sobre nossas práticas como professores da disciplina. Para atingir tal objetivo, analisamos, dentro de um enfoque comparativo, os percursos da Geografia nos dois países em questão, dando prioridade aos aspectos relacionados à história do pensamento geográfico, assim como à sua institucionalização, aos fatores que a influenciaram, às transformações sofridas ao longo do tempo, aos seus objetivos principais e à sua configuração nos diferentes períodos históricos abarcados pelo estudo. Nesse sentido, abordamos de forma particularizada os principais elementos que identificamos como responsáveis pela constituição da estrutura conceitual da disciplina, atrelando-os aos contextos espaciais e históricos específicos e aos processos singulares de formação territorial de cada país. Para tanto, desenvolvemos estudos relacionados aos fatores internos e externos à disciplina, articulando-os aos processos de construção e afirmação da Geografia escolar. A abordagem comparativa permite a ampliação da visão sobre temas pertinentes à Geografia como ciência e como disciplina escolar, especialmente aqueles relacionados aos seus objetivos, à seleção e organização dos conteúdos, à metodologia e à formação docente. Nessa perspectiva, apresentamos, também, os principais aspectos relacionados à organização dos sistemas de ensino nacionais dos dois países, assim como a inserção da Geografia nessa estrutura maior. A partir dessa base, nos debruçamos sobre a análise de temas que consideramos fundamentais para repensarmos o futuro da Geografia escolar, como a construção da identidade nacional e a doutrinação patriótica, os livros didáticos, os programas oficiais da disciplina e a formação de professores. Como resultado final, considerando-se que os sistemas de ensino, a escola e o próprio currículo são construções sociais e, por isso, sujeitos a constantes transformações, esperamos ter contribuído para um tipo de reflexão que possa ser útil para repensarmos os rumos da Geografia escolar de cada um dos países.

Palavras-chave: Ensino de Geografia. Estudo comparado. Geografia em Cuba. Geografia no Brasil. Institucionalização da Geografia.

Downloads 1330  1330  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geografia e ensino no Brasil e em Cuba: um estudo histórico-geográfico comparado Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
OLIVEIRA, Cesar Alvarez Campos de

O objeto de estudo desta tese é o desenvolvimento da Geografia como matéria escolar no Brasil e em Cuba, desde seu surgimento até os dias atuais. O objetivo principal é a ampliação do debate e da reflexão sobre as funções e sobre a utilidade da Geografia escolar atual, assim como sobre nossas práticas como professores da disciplina. Para atingir tal objetivo, analisamos, dentro de um enfoque comparativo, os percursos da Geografia nos dois países em questão, dando prioridade aos aspectos relacionados à história do pensamento geográfico, assim como à sua institucionalização, aos fatores que a influenciaram, às transformações sofridas ao longo do tempo, aos seus objetivos principais e à sua configuração nos diferentes períodos históricos abarcados pelo estudo. Nesse sentido, abordamos de forma particularizada os principais elementos que identificamos como responsáveis pela constituição da estrutura conceitual da disciplina, atrelando-os aos contextos espaciais e históricos específicos e aos processos singulares de formação territorial de cada país. Para tanto, desenvolvemos estudos relacionados aos fatores internos e externos à disciplina, articulando-os aos processos de construção e afirmação da Geografia escolar. A abordagem comparativa permite a ampliação da visão sobre temas pertinentes à Geografia como ciência e como disciplina escolar, especialmente aqueles relacionados aos seus objetivos, à seleção e organização dos conteúdos, à metodologia e à formação docente. Nessa perspectiva, apresentamos, também, os principais aspectos relacionados à organização dos sistemas de ensino nacionais dos dois países, assim como a inserção da Geografia nessa estrutura maior. A partir dessa base, nos debruçamos sobre a análise de temas que consideramos fundamentais para repensarmos o futuro da Geografia escolar, como a construção da identidade nacional e a doutrinação patriótica, os livros didáticos, os programas oficiais da disciplina e a formação de professores. Como resultado final, considerando-se que os sistemas de ensino, a escola e o próprio currículo são construções sociais e, por isso, sujeitos a constantes transformações, esperamos ter contribuído para um tipo de reflexão que possa ser útil para repensarmos os rumos da Geografia escolar de cada um dos países.

Palavras-chave: Ensino de Geografia. Estudo comparado. Geografia em Cuba. Geografia no Brasil. Institucionalização da Geografia.

Downloads 3067  3067  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geografia e pedagogia: o professor dos anos iniciais do ensino fundamental em Catalão (GO) Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
ROSA, Odelfa

O presente trabalho faz uma abordagem teórica relacionando diferentes áreas do conhecimento como a Geografia; Cartografia; Psicologia e Pedagogia. A busca pela melhor forma de compreender as noções e conceitos espaciais nos levou ao contato com professores da Rede Municipal; atuantes em sala de aula e estudantes pedagogos que cursam o 7º período; partindo de aplicação de questionários e um diagnóstico inicial com representações espaciais. A partir desse diagnóstico foram desenvolvidas em um minicurso de 40 horas; oficinas que possibilitaram ampliar os conhecimentos; tanto para tentar resolver em parte as dificuldades com habilidades; noções e conceitos espaciais; como para associar às explicações teóricas aos conhecimentos apreendidos na prática. A pesquisa consistiu de questionamentos que nos levaram aos vários trabalhos de pesquisas de profissionais que estudam questões relacionadas à importância da alfabetização cartográfica, considerada como noções básicas para o aprendizado geográfico. Os dados da pesquisa foram obtidos através de instrumentos qualitativos tais como: conversas informais realizadas com a coordenadora do Curso de Pedagogia, coordenadora de estágio, análise de documentos como matriz curricular, ementas das disciplinas, conversas com as estudantes pedagogas, aplicação de questionários e desenvolvimento de oficinas relacionadas ao tema. Com isso, obtemos muitas informações que permitiram uma análise quantitativa dos resultados através de gráficos; tabelas e quadros. Esses dados foram sistematizados com a preocupação de conhecer a realidade dos profissionais do ensino fundamental e dos estudantes pedagogos em formação. A partir da análise percebeu-se que os resultados não foram significativos conforme esperávamos; mostrando certa deficiência de domínio dos profissionais em relação às etapas de alfabetização cartográfica; representação do espaço e aos componentes do mapa. Percebeu-se pela avaliação comparativa das atividades que as dificuldades apresentadas ocorrem durante o processo de formação e se dão em função de não ter uma disciplina de núcleo livre ou optativa no Curso de Pedagogia que proporcione um aprendizado mais direcionado a esse tema em discussão.

Palavras-chave: Ensino fundamental. Anos iniciais. Alfabetização cartográfica. Geografia. Pedagogia.

Downloads 18254  18254  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFU  Site http://www.dominiopublico.gov.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geografia Física: Balanço da sua produção em eventos científicos no Brasil  Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
SOUZA, Marcos Barros de

Discutir as tendências teóricas e conceituais da Geografia física é fundamental para que se possa visualizar trajetórias, abordagens, influências e debates que ocorreram na Geografia nos últimos 50 anos. Foi realizado um balanço dos trabalhos produzidos e publicados nos Anais e/ou Caderno de Resumos e Contribuições Científicas de eventos científicos, ocorridos no período de 1954 a 2004, tais como: Congresso Brasileiro de Geógrafos, Encontro Nacional de Geógrafos, Encontro Nacional de Estudos Sobre o Meio Ambiente, Simpósio Brasileiro de Geografia Física Aplicada, Simpósio Brasileiro de Climatologia Geográfica e Simpósio Nacional de Geomorfologia.

Palavras-chave: Geografia. Geografia física. Evolução do pensamento geográfico. Produção geográfica. História da geografia.


Downloads 2691  2691  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.usp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geografia física: balanço da sua produção em eventos científicos no Brasil Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
SOUZA, Marcos Barros de

Discutir as tendências teóricas e conceituais da Geografia física é fundamental para que se possa visualizar trajetórias, abordagens, influências e debates que ocorreram na Geografia nos últimos 50 anos. Foi realizado um balanço dos trabalhos produzidos e publicados nos Anais e/ou Caderno de Resumos e Contribuições Científicas de eventos científicos, ocorridos no período de 1954 a 2004, tais como: Congresso Brasileiro de Geógrafos, Encontro Nacional de Geógrafos, Encontro Nacional de Estudos Sobre o Meio Ambiente, Simpósio Brasileiro de Geografia Física Aplicada, Simpósio Brasileiro de Climatologia Geográfica e Simpósio Nacional de Geomorfologia.

Palavras-chave: Evolução do pensamento geográfico. Geografia. Geografia física. História da geografia. Produção geográfica.

Downloads 779  779  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Geotecnologias Digitais no Ensino Médio: Avaliação Prática de seu Potencial Popular Versão: pdf
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
DI MAIO, Angelica Carvalho

A informatização está sendo introduzida na educação básica; contudo, ainda são limitadas, no País, as análises objetivas sobre sua real contribuição no ambiente escolar. Esta pesquisa se insere neste contexto, obtendo, a partir de teste na área de Geografia, indicadores do desempenho e da aceitação da educação informatizada no âmbito formal do ensino médio. Dessa forma, este trabalho avaliou o ensino informatizado e pela Internet envolvendo geotecnologias, bem como gerou em ambiente digital o meio para esta avaliação. Foram desenvolvidas unidades instrucionais digitais, abrangendo cartografia, sensoriamento remoto e sistemas de informação geográfica, em consonância com os Parâmetros Curriculares Nacionais. Enfocou-se, por exemplo, aspectos da vegetação e ocupação urbana. Em tempo real, podem ser acessados dados de previsões meteorológicas e de queimadas, entre outros. Realizou-se a avaliação do material gerado junto aos professores e alunos de duas escolas públicas de São José dos Campos, SP, que indicou aproveitamento geral positivo e aceitação desta nova opção de ensino. O protótipo de Ensino Digital gerado, denominado GEODEM, utiliza versão simplificada do aplicativo SPRING na realização de exercícios. As informações dos alunos e professores forneceram indicadores e orientações quanto à incorporação de novas tecnologias para melhoria do ensino médio, em particular, na escola pública.

Palavras-chave: Geotecnologias na educação. Cartografia e SIG. Geografia e novas tecnologias.

Downloads 658  658  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unesp/Rio Claro  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Hosistesia - matriz integradora: promoção integral de famílias em situação de miséria u Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
ADAM, Roberto Sabatella

Hosistesia é uma matriz integradora: consciência, sociedade e natureza, que tem por base a não dualidade, isto é, a inseparabilidade sujeito e objeto. No estudo a matriz é investigada e discutida em termos de teoria e prática (ação), com o objetivo de elaborar um instrumento para observação ambiental. A pesquisa de tempo, desenvolvida em 2004, observa, analisa e debate a aplicação dessa visão integradora junto a uma Unidade de Promoção Integral (UPI), localizada no Bairro Alto em Curitiba-PR, Região Sul do Brasil; essa instituição tem por missão a promoção social de famílias em situação de miséria urbana, que habitam o bairro e o entorno.

Palavras-chave: Hosistesia. Matriz integradora consciência. Sociedade e natureza. Não-dualidade. Miséria. Pobreza. Família. Meio ambiente.


Downloads 741  741  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.ufpr.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Inundações urbanas em Curitiba/Pr: impactos, riscos e vulnerabilidade socioambiental no bairro Ca Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
ZANELLA, Maria Elisa

O tema desta tese é o estudo das inundações e seus impactos, dentro da perspectiva do Sistema Clima-Urbano de Monteiro, em uma área do bairro Cajuru, localizada às margens do rio Atuba, na cidade de Curitiba, e sujeita a riscos de inundações. Da mesma forma, contempla a percepção das comunidades atingidas, da imprensa e dos gestores públicos sobre os referidos problemas e sobre as modificações relativas à contenção das cheias no espaço das comunidades que lá residem. Num primeiro momento, é elaborado um referencial teórico sobre o processo de urbanização e o clima urbano, sobre risco ambiental e vulnerabilidade e sobre percepção, fundamentais para embasar a pesquisa. É feita, ainda, a leitura do sítio urbano e do processo de urbanização de Curitiba e do bairro Cajuru, destacando sua importância com relação às inundações.

Palavras-chave: Inundação. Risco. Vulnerabilidade socioambiental. Clima urbano. Percepção.


Downloads 3789  3789  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.ufpr.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Meio Ambiente e Prática Cultural na Comunidade Quilombola do Varzeão no Vale do Ribeira-PR Popular Versão: PDF
Atualização:  25/7/2017
Descrição:
SOUZA, Jurandir

A presente pesquisa se constitui numa reflexão acerca das práticas culturais na perspectiva das ciências ambientais. A Comunidade Remanescente de Quilombos do Varzeão, localizada no município de Dr. Ulysses no estado do Paraná, está submetida aos avanços do capital desenvolvimentista na região. A sua vulnerabilidade e dificuldade diante da imposição externa permitiu que novas praticas culturais e ações sociais fossem criadas na tentativa de se readaptarem, e ao mesmo tempo, resistirem às novas demandas socioambientais e econômicas no Vale do Ribeira. Desta forma, mesmo com a aproximação do capital hegemônico e alteração do seu cotidiano, muitos
preceitos e conhecimentos dos seus ancestrais foram mantidos, sobretudo, na utilização e na conservação dos recursos naturais presentes na comunidade, originando um comportamento resiliente a respeito do meio ambiente.

Palavras-chave: Quilombo. Resistência cultural. Vulnerabilidade. Resiliência.

Downloads 296  296  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Teses
Fazer Download agora!Memória e experiência de uma cidade do Paraná: a cidade de Maringá Popular Versão: 
Atualização:  23/9/2013
Descrição:
FIGUEIREDO, Lauro César

Este estudo Memória e Experiência de uma cidade do Paraná: a cidade de Maringá, examina o processo de apropriação do espaço urbano da cidade de Maringá no Estado do Paraná. Procura ainda investigar e elaborar algumas hipóteses sobre como esse processo levou à destruição de um tipo de referencial espacial que existia entre os trabalhadores desta urbe e que, em última instância, engendrava uma nova forma de viver a cidade. Como tema central do objeto de estudo, foram eleitas algumas “representações nostálgicas”. Os antigos moradores da cidade referem-se aos pontos de encontro da cidade como sendo lugares nostálgicos, ou seja, aquele tempo da juventude [as festas religiosas com suas “quermesses”, as festas cívicas e culturais, o cinema, as praças e os bailes que aconteciam no Aero Clube. Sob o ponto de vista nostálgico, esses espaços são lugares evocados de um tempo impreciso, pessoal e coletivamente vivido. São memórias que, a partir de um lugar, procuram unir o presente ao passado da cidade. São momentos vivenciados e construídos em uma determinada época, os quais pretende-se reconstituí-los através da história de vida desses trabalhadores. A justificativa aqui apresentada é invariavelmente a necessidade de preservar a “memória urbana”. Isso porque a falta de políticas públicas, que deveriam conciliar desenvolvimento e preservação, já foram substituídas por relações íntimas entre governos locais e o capital imobiliário. As memórias voltam-se ao “tempo dos começos”, caracterizando-se as várias dimensões e experiências próprias dos seus modos de vida, como o cultivo dos roçados, hábitos alimentares, os bailes, as festas populares, a convivência entre os vizinhos. São experiências que perpassam o conjunto das relações tanto sociais quanto com a natureza. Este universo lúdico, responsável pelo entrelaçamento de relações individuais e de grupo, de criação de redes de amizade, de solidariedade, de influência e poder constituídas em práticas cotidianas, revelou-se mais amplo e menos óbvio ao nosso olhar, quando relacionado às experiências de vida de antigos moradores.

Palavras-Chave : Cidade. Urbanização. Memória. Sociabilidade. Cultura. Relações sociais. Maringá. Paraná.

Downloads 1941  1941  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFSC  Site 
Avaliação: 6.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 (3) 4 5 »