Educadores

Ínicio : Geografia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (30)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Título (A a Z)

Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A Geografia do Atrito Dialética espacial e violência em Campinas-SP Popular Versão: 
Atualização:  9/5/2013
Descrição:
A Geografia do Atrito Dialética espacial e violência em Campinas-SP

Lucas de Melo Melgaço

A presente dissertação tem como objetivo central promover uma discussão a respeito do diálogo entre a Geografia e o estudo da Violência. Porém, diferentemente da maioria das pesquisas feitas na área de violência urbana, as quais têm no método analítico o seu principal referencial teórico, procura-se, aqui, trazer uma reflexão dialética à questão. No atual período técnico-científico e informacional, torna-se impossível entender esta prática espacial denominada violência se a considerarmos apenas como um recorte analítico da realidade. É por este motivo que não pretendemos fazer uma “geografia da violência” ou, muito menos, uma “geografia do crime”, e sim uma geografia dos usos do território e das suas relações com a temática do crime e da violência. Faz-se necessário, então, um método que entenda o espaço geográfico enquanto um todo em movimento, um sistema indissociável de objetos e ações (SANTOS, 1997c, 1998, 1999a). Nessa busca por uma compreensão das relações entre território e violência, o Geoprocessamento se mostrou uma ferramenta de fundamental importância, tanto por suas potencialidades, quanto por suas limitações enquanto instrumento de representação do espaço geográfico. Aliando a técnica do Geoprocessamento à profundidade do método dialético foi possível se perceber o potencial da Geografia enquanto modo de compreensão da violência e, mais amplamente, enquanto instrumento de planejamento territorial. Nesta reflexão, alguns conceitos e autores aparecem com contribuições fundamentais, dentre eles o de território usado (SANTOS et al. 2000a), solidariedades geográficas (SANTOS, 1994, 1998), cotidiano (CERTEAU, 1994), além das concepções de poder e violência trazidas por Hannah Arendt (1994). Conclui-se que a violência urbana é uma questão de caráter muito mais político que propriamente técnico, e que a violência em Campinas-SP é fruto dos usos corporativos do território e das escolhas históricas feitas por esta cidade e pela formação sócio-espacial na qual está inserida. Pôde-se ainda vislumbrar o quanto a Geografia pode se aproximar de uma ciência da ação.

Palavras-chave: Uso do Território. Violência. Segurança Pública. Planejamento Territorial. Dialética Espacial.

Downloads 1211  1211  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.usp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A geografia do atrito: dialética espacial e violência em Campinas - SP Popular Versão: 
Atualização:  9/5/2013
Descrição:
MELGAÇO, Lucas de Melo

A presente dissertação tem como objetivo central promover uma discussão a respeito do diálogo entre a Geografia e o estudo da Violência. Porém, diferentemente da maioria das pesquisas feitas na área de violência urbana, as quais têm no método analítico o seu principal referencial teórico, procura-se, aqui, trazer uma reflexão dialética à questão. No atual período técnico-científico e informacional, torna-se impossível entender esta prática espacial denominada violência se a considerarmos apenas como um recorte analítico da realidade. É por este motivo que não pretendemos fazer uma “geografia da violência” ou, muito menos, uma “geografia do crime”, e sim uma geografia dos usos do território e das suas relações com a temática do crime e da violência. É necessário, então, um método que entenda o espaço geográfico enquanto um todo em movimento, um sistema indissociável de objetos e ações (SANTOS, 1997c, 1998, 1999a). Nessa busca por uma compreensão das relações entre território e violência, o Geoprocessamento se mostrou uma ferramenta de fundamental importância, tanto por suas potencialidades, quanto por suas limitações enquanto instrumento de representação do espaço geográfico. Aliando a técnica do Geoprocessamento à profundidade do método dialético foi possível se perceber o potencial da Geografia enquanto modo de compreensão da violência e, mais amplamente, enquanto instrumento de planejamento territorial. Nesta reflexão, alguns conceitos e autores aparecem com contribuições fundamentais, dentre eles o de território usado (SANTOS et al. 2000a), solidariedades geográficas (SANTOS, 1994, 1998), cotidiano (CERTEAU, 1994), além das concepções de poder e violência trazidas por Hannah Arendt (1994). Conclui-se que a violência urbana é uma questão de caráter muito mais político que propriamente técnico, e que a violência em Campinas-SP é fruto dos usos corporativos do território e das escolhas históricas feitas por esta cidade e pela formação socioespacial na qual está inserida. Pôde-se, ainda, vislumbrar o quanto a Geografia pode se aproximar de uma ciência da ação.

Palavras-chave: Dialética espacial. Planejamento territorial. Segurança pública. Uso do território. Violência.

Downloads 1257  1257  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A Geografia que se ensina e a abordagem da natureza nos livros didáticos Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
SILVA, Dakir Larara Machado da

O livro didático, frente às atuais condições de trabalho do professor de Geografia, torna-se cada vez mais instrumento, senão indispensável, pelo menos necessário como complemento às atividades didático-pedagógicas. Dessa forma, é relevante analisar a forma de abordagem, não só o conteúdo proposto por este estudo, bem como os demais conhecimentos e conteúdos que tangem o saber geográfico, sobretudo aqueles ligados à natureza. Nesse trabalho são analisadas a concepção e a forma de abordagem da natureza nos livros didáticos de Geografia, particularmente na quinta série do Ensino Fundamental. De maneira específica, investiga-se os conteúdos abordados e suas adequações aos conceitos mais atuais decorrentes do acúmulo e evolução do conhecimento científico no último século. É, também, objetivo desta dissertação apresentar uma estrutura que foge da apresentação acadêmica, mais especificamente nos capítulos 3 e 4, com o intuito de tornar mais dinâmica e interessante a leitura, não só para o público acadêmico, mas também aos professores do Ensino Fundamental e Médio que estão diretamente envolvidos nesta discussão e que necessitam de um estímulo à pesquisa e ao conhecimento de novos materiais a serem investigados. A elaboração dessa dissertação foi composta das seguintes etapas: escolha dos livros didáticos a serem trabalhados; elaboração da ficha de avaliação; mapeamento e apreciação dos livros, análise dos conceitos, identificação de erros e/ou lacunas e avaliação dos resultados encontrados. A análise feita nessa dissertação permite observar que os livros didáticos apresentaram uma melhoria na sua consistência em relação ao conteúdo e à forma de abordar a natureza, objetivo deste trabalho. Percebemos que os materiais didáticos atuais têm muita qualidade, embora apresentem alguns erros, em particular no âmbito da climatologia e geomorfologia do fundo dos oceanos. A estrutura proposta e a forma de abordagem dos conteúdos da natureza demonstram uma evolução e adequação destes às críticas feitas, ao longo dos anos 80, à Geografia, ao ensino de Geografia e em particular aos livros didáticos até então produzidos.

Palavras-chaves: Geografia. Educação. Ensino fundamental. Livro didático. Natureza.

Downloads 975  975  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul  Site http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/6780
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A ideia de América Latina nos livros didáticos de Geografia Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
DIAS, Wagner da Silva

A América Latina é um conteúdo trabalhado geralmente no oitavo ano do ensino fundamental, quando a Geografia escolar aborda a regionalização do espaço mundial. Os livros didáticos apresentam uma abordagem simplória e generalizante desse conteúdo, distanciando-se de uma proposta mais próxima da realidade, e favorecendo a criação de estereótipos. É marcante, nesses livros, a ausência de uma discussão mais aprofundada acerca do conteúdo América Latina, justificada através de uma pretensa unidade latino-americana, com base em contexto histórico e dados estatísticos. Os livros didáticos analisados invariavelmente situam a América Latina no Sul subdesenvolvido, apresentam determinadas características dessa condição e assumem como principais causas dela a colonização de exploração e o domínio externo. Um conjunto de 33 países estaria rotulado com o gentílico latino-americano, que se tornaria sinônimo das citadas características. Procuramos analisar em nosso trabalho o conteúdo referente à América Latina em três livros didáticos, além de suas referências e bases teóricas. O resultado comprovou que há um esforço para justificar uma determinada ideia de América Latina, apesar da grande quantidade de exceções para cada argumento assumido como verdadeiro e da simplificação dispensada nas justificativas. Verificamos ainda que, exatamente por se buscarem elementos unificadores para toda a região, estão ausentes discussões como: as origens do termo América Latina, a proposta inicial de sua formação e a pertinência dessa região para o conjunto de países que a integram, tendo em vista a diversidade aspectos físico-geográficos, níveis de desenvolvimento socioeconômico, nacionalidades e identidades étnicas que eles apresentam. Dessa forma, o presente trabalho constatou a necessidade de uma reformulação do conteúdo, menos simplificadora e mais questionadora da realidade latino-americana. Assim, ao contrário de continuar a busca por elementos que justifiquem a existência de uma região chamada América Latina, esperamos que se busquem outros critérios para uma regionalização menos generalizante, inclusive questionando se América Latina seria um recorte adequado para os estudos da geografia escolar.

Palavras-chave: América latina. Geografia escolar. Livro didático. Espaço mundial. Países. Região.

Downloads 1086  1086  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 10.00 (2 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A paisagem como tema de estudo na 5ª série do ensino fundamental Popular Versão: 
Atualização:  9/5/2013
Descrição:
FARIA, Daniela Resende de

Esse estudo tem como objetivo a construção do conceito de paisagem, a partir de uma abordagem sociocultural, para crianças em uma quinta série do Ensino Fundamental. Como método de trabalho, escolhemos a pesquisa-ação, na qual, a professora atua como mediadora do processo de ensino-aprendizagem, viabilizando um diálogo entre os conceitos prévios que as crianças trazem consigo e os conceitos geográficos que desejamos construir. Para tanto, são analisados desenhos, discursos textuais e escritos antes e após o processo de mediação pedagógica, assim como diálogos, que foram transcritos durante todas as etapas. A partir desse material, elaboramos três categorias para o entendimento da paisagem: Paisagem Meio (na qual há a predominância da dicotomia homem meio-natural), Paisagem Bucólica (na qual encontramos o homem em perfeita harmonia com o meio) e Paisagem Humanizada (homem e meio em contraste, havendo a interferência humana em um sentido negativo). Entendemos, em uma abordagem sociocultural, que a paisagem deve ser estudada como uma categoria de entendimento da realidade presente, na qual os alunos vivem e convivem e, portanto, por onde acreditamos se iniciar um processo de ensino-aprendizagem da Geografia/Geociências mais capaz de oferecer ferramentas para o entendimento do mundo atual.

Palavras-chave: Geografia. Ensino - Aprendizagem. Paisagem. Pesquisa - Ação. Ensino de Geociências.

Downloads 10289  10289  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma http://libdigi.unicamp.br  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A paisagem e o potencial Turístico no município de Tibagi: A fazenda Santa Lídia do Cercadinho – um  Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
A paisagem e o potencial Turístico no município de tibagi: A
fazenda Santa Lídia do Cercadinho – um estudo de caso (PR)

HORNES, Karin Linete

O presente trabalho foi realizado no município de Tibagi com o intuito de estudar a paisagem local, sua compartimentação horizontal e vertical, a fim de se obter o potencial ecológico e o reconhecimento das áreas com maior disponibilidade para o desenvolvimento do ecoturismo. O reconhecimento da área envolveu o exame de bibliografia pertinente à análise de mapas: geológicos, geomorfológicos, hidrológicos, pedológicos, topográficos e biogeográficos, além da utilização de ortofotos, cartas imagem e fotos aéreas. Posterior ao embasamento teórico metodológico, deu-se início aos trabalhos de campo para a formalização do estudo paisagístico do município. A compartimentação paisagística permitiu o reconhecimento da estrutura vertical e horizontal da paisagem. Seu funcionamento e características são determinados por elementos que possuem maior influência. Desse modo, a interação dos elementos bióticos e abióticos proporcionou a formação de biomas e usos diferenciados que foram detalhados nos diferentes compartimentos paisagísticos encontrados no município. Esta aproximação permitiu a verificação dos potenciais e dos riscos que as unidades vêm sofrendo. Na Fazenda Santa Lídia do Cercadinho e na RPPN Itáytyba (Reserva Particular do Patrimônio Nacional Itáytyba) foram elaborados perfis geoecológicos a fim de investigar a distribuição da geologia, solos, vegetação, feições geomorfológicas e uso das vertentes. Estes perfis auxiliaram na verificação do desenvolvimento das atividades ligadas à prática do turismo rural e o ecoturismo, que são muito procuradas e utilizadas na região devido às belezas cênicas e formações bizarras existentes. Estas formações ocorrem principalmente sobre a primeira unidade, onde a Formação Furnas é dominante. A partir da análise paisagística do município pôde se reconhecer as potencialidades e riscos que cada unidade de paisagem possui e elaborar sugestões para a sua utilização.

Palavras-chave: Estrutura. Paisagem. Potencial ecológico. Ecoturísmo.

Downloads 664  664  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.uem.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A paisagem no ensino de geografia: Uma estratégia didática a partir da arte Popular Versão: 
Atualização:  30/4/2012
Descrição:
MYANAKI, Jacqueline

Esse trabalho propõe um caminho para viabilizar a articulação entre geografia e arte na prática de ensino de geografia no ensino fundamental, a partir do experimento de um conjunto de atividades enfocadas no estudo da paisagem geográfica, nas noções básicas conceituais e sua percepção, utilizando reproduções de quadros de pintores brasileiros. O experimento foi realizado, na sua maior parte, com alunos de 6ª série de diferentes instituições em duas etapas bem definidas. Na primeira etapa, o roteiro de atividades foi desenvolvido com três turmas de três escolas diferentes e cujos professores participaram como observadores e coadjuvantes durante a aplicação das atividades. Na segunda etapa o roteiro foi desenvolvido de maneira autônoma por sete professores de cinco instituições que receberam antecipadamente o material e as instruções necessárias e assistência à distância, quando solicitada. Os resultados das duas etapas demonstraram que é possível articular arte e geografia no estudo da paisagem geográfica de maneira a ampliar a capacidade de percepção e apreensão da paisagem geográfica, bem como sobre as manifestações artísticas, além dessa estratégia representar um aumento no entusiasmo e despertar o interesse dos alunos para o processo de construção do conhecimento.

Palavras-chave: Geografia. Ensino. Paisagem. Artes. Interdisciplinaridade.

Downloads 3803  3803  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A pecuária leiteira de São João - PR : um estudo das relações campo - indústria Popular Versão: pdf
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
SILVA, Elianara Carvalho da

Apresenta as transformações ocorridas no setor leiteiro nas últimas décadas, por isso faz-se um levantamento das principais políticas públicas do setor, para posteriormente estudarmos a relação da produção leiteira e os agricultores familiares de São João, localizado na messoregião Sudoeste do Paraná. O aumento da atividade leiteira no município está ligado ao aumento do número de empresas que se instalaram na região para efetuar a comercialização. Para realização deste trabalho foi realizada uma pesquisa de campo com 27 agricultores familiares. O trabalho aponta alguns resultados: o leite se tornou uma das principais atividades desenvolvidas nos estabelecimentos, atualmente representa um rendimento mensal para os produtores; isso tem amenizado a saída do homem do campo para a cidade. As indústrias fazem distinção de entre os produtores de acordo com a produção e a produtividade, isso acarreta desvantagens aos pequenos produtores familiares. A exploração que as indústrias realizavam na comercialização da produção, tem sido a amenizada com o surgimento da Cooperativa de Leite de Agricultores Familiares (CLAF). Embora exista insatisfação com o preço os produtores pretendem continuar na atividade em decorrência da renda mensal.

Palavras-chave: Agricultura familiar. Indústria de laticínios. Agroindústria.

Downloads 2834  2834  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL - Universidade Estadual de Londrina  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A percepção dos resíduos sólidos (lixo) de origem domiciliar, no bairro Cajuru- Curitiba- PR: um olh Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
OLIVEIRA, Nilza Aparecida da Silva

Observa-se, atualmente, grandes impactos ambientais, necessitando urgentemente repensar, sobretudo o processo de urbanização diante de tanto consumismo, onde o lixo urbano disputa espaço com a sociedade. Cresce a cada dia a preocupação com a melhoria da qualidade de vida. A maior parte das cidades brasileiras, lançam seus resíduos sólidos nos lixões, gerando sérios impactos ambientais, se esses resíduos fossem tratados de forma integrada reduziriam a incidência de doenças e níveis de poluição. Assim sendo, é preciso começar pela base, que são as crianças. Se forem sensibilizadas, seus hábitos, valores e atitudes relacionadas ao ambiente poderão ser ressignificados e alterados. O presente trabalho resultou de uma crescente preocupação relacionada à maneira de como ainda são tratadas as questões relacionadas ao meio ambiente, mais precisamente os resíduos sólidos no âmbito domiciliar.O “lixo domiciliar” constitui-se assim num problema extremamente complexo levando-nos a refletir a nossa integração aos ciclos da natureza. E como parte desta teia faz-se necessário refletir sobre o modo de vida, a quantidade e qualidade de lixo produzido e o que se faz para livrar dele. O objetivo deste trabalho além da discussão reflexiva sobre o ponto de vista teórico a respeito da questão dos resíduos sólidos urbano é também orientar os educandos a desenvolver atividades que possam levar a sensibilização da comunidade escolar e do bairro, sobre a problematização dos resíduos sólidos domiciliar e a sua importância para a qualidade do meio ambiente e da vida. Esta pesquisa terá como subsídio teórico a Geografia humanístico-cultural, pois a questão ambiental é primordialmente uma questão cultural.

Palavras-chave: Percepção. Fenomenologia. Resíduos sólidos. Reciclagem. Sensibilização. Geografia. Educação Ambiental.

Downloads 3577  3577  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A segurança alimentar e nutricional na produção da cidade reflexões a partir do bairro Capão da Imbu Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
RIBAS, Maria Teresa Gomes de

A relação entre o processo de urbanização e a questão alimentar-nutricional no Bairro Capão da Imbuia (zona leste de Curitiba-PR), enfocada segundo o conceito de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN) e elaborada na perspectiva geográfica, está no centro da abordagem do presente trabalho. A questão alimentar se refere a aspectos do acesso aos alimentos em sua mediação pelos processos de produção e comercialização. A questão nutricional diz respeito às práticas alimentares declaradas por habitantes do bairro, mediante grupos focais e entrevistas, como subsídios explicativos do desfecho nutricional orgânico. A perspectiva metodológica da pesquisa reflete aspectos do princípio dialético, envolvendo uma abordagem histórica do problema, com suporte complementar analítico numa vertente científica humanista. Considerou-se que a problemática alimentar-nutricional no bairro tem sua origem e transformação mediante conexões com outros sistemas (socioculturais, políticos, econômicos), numa dinâmica processual permeada por conflitos e contradições, a partir das forças que historicamente os determinam nas relações sociais estabelecidas em diferentes escalas espaciais. Produziu-se uma análise combinada das perspectivas dos atores em seu espaço vivido com um arcabouço teórico sistematizador do contexto social do cotidiano, onde se configuram as experiências alimentar e nutricional.

Palavras-chave: Geografia humana/da saúde. Segurança alimentar e nutricional. Urbanização. Curitiba/Bairro Capão da Imbuia.

Downloads 6628  6628  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.ufpr.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2) 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 »