Educadores

Ínicio : Sociologia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (18)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Imagem de mulher proposta pela literatura de auto-ajuda : análise de quatro obras contemporâneas  Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
MOCCI, Gisele

Esta pesquisa objetiva identificar uma proposta de identidade feminina subjacente ao discurso de auto-ajuda que tematiza o comportamento de gêneros. A partir da análise de quatro obras que propõem distinções comportamentais para homens e mulheres, procuramos mostrar como o discurso de auto-ajuda atualiza, a partir de novas abordagens, paradigmas secularmente consolidados e mantidos pela sociedade ocidental. Para sustentar nossa análise, apoiamo-nos nas teorias sobre a identidade e a subjetividade de pensadores como Stuart Hall, Anthony Giddens e Félix Guattari; nos estudos sobre a cultura da auto-ajuda desenvolvidos por Francisco Rüdiger e Arnaldo Toni de Souza Chagas; e em pesquisas e teorias propostas pelos pensadores da condição feminina, como Judith Butler, Nancy Chodorow, Fraçoise Collin, Maria Fátima da Cunha, Anne Higgonet e Júlian Marías, dentre outros.

Palavras-chaves: Mulher. Auto-ajuda. Identidade feminina. Cultura. Indústria Cultural

Downloads 267232  267232  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!O poder da marca e uma construção de estilo de vida : um estudo de caso dos alunos da PUCPR  Popular Versão: pdf
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
FONTOURA, Miriam Silva da

Resumo: Atuantes no cotidiano da sociedade como coadjuvantes da cultura, as marcas, participam da construção de um imaginário, individual e coletivo pela grande capacidade de criar diferenciação como imagem. Sob a forma de consumo, mantém uma lógica de funcionamento e semelhança nos elementos essenciais para a sua existência e permanência. Impregnadas significações, as marcas desvendam-se através de uma linguagem, revelando comportamentos recorrentes a um estilo e modo de vida. O objetivo deste trabalho é proporcionar uma reflexão sobre O Poder da Marca como uma das dimensões na construção de estilo de vida através do consumo nas sociedades contemporâneas, partindo-se da hipótese central de que as marcas são referências de identificação e distinção. Em especial a marca Puma, fio condutor da pesquisa.

Palavras-chave: Marca. Consumo. Estilo de vida. Trabalho. Produção. Classes sociais.

Downloads 40057  40057  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/11027
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representaçőes sociais de política pública para educaçăo: PROEM - Programa de Expansă Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
PAULA, Sandra Ramalho de

Resumo: Esse trabalho analisa as Representações Sociais dos atores sociais diretamente envolvidos no processo de reforma do Ensino Médio do Paraná no período de 1996 á 2002. Tomando como referencial teórico os conceitos trabalhados na representação social, que aborda a relação do sujeito com o espaço social no qual ele está inserido.Este tratou da questão atual da reforma do Ensino Médio no Paraná, que é analisada em contexto mais amplo, partindo das diretrizes propostas nos Parâmetros Curriculares Nacionais que redefinem o universo educacional do ensino médio a partir das relações do mercado de trabalho e de consumo, procurando assim, formar individuo que atenda as novas necessidades e exigências do mercado econômico.

Palavras-chave: Educação. Instituição escolar. Parâmetros curriculares nacionais. Mercado. Capitalismo. Classes sociais.

Downloads 36026  36026  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Nem Eva nem Maria : as subjetivaçőes em colégios católicos Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
TAMANINI, Marlene

Resumo: Esta dissertação analisa como as mulheres construíram suas subjetividades generificadas a partir da experiência com as práticas e dispositivos pedagógicos engendrados em um colégio católico. Essa problematização amparou-se na articulação entre o referencial teórico de Michel Foucault – cuja leitura fizemos sob o olhar e contribuições de Gilles Deleuze – e a produção feminista e dos estudos de gênero, especialmente as reflexões de Judith Butler, Teresa de Lauretis e Guacira Lopes Louro. Nesta elaboração, analisa-se como se produz a tensão entre a reprodução e a ressignificação de práticas sociais, que envolvem os processos de subjetivação no gênero.

Palavras-chave: Subjetivação. Gênero, Educação católica. Instituição escolar.

Downloads 25593  25593  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Conselhos gestores de políticas públicas e a representatividade democrática : um estudo de caso dos  Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
SILVA, Lilian Lenite da

Resumo: Não informado

Palavras-chave: Cultura. Poder. Política. Cidadania. Saúde pública.


Downloads 22535  22535  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Cinema e sociedade: sobre a ditadura militar no Brasil Popular Versão: PDF
Atualização:  10/2/2014
Descrição:
LEME, Caroline Gomes

De 1979 aos dias atuais, a ditadura militar fez-se presente em um número significativo de obras fílmicas. Analisar essa produção cinematográfica é examinar como está sendo ressignificado o passado, quais questões estão sendo obliteradas, que ambiguidades e tensões perpassam a interpretação do processo sócio-histórico. Esta pesquisa propõe-se a trabalhar a relação entre cinema e sociedade no que tange aos enunciados social e culturalmente construídos a respeito do período do regime militar vigente no Brasil de 1964 a 1985. O objeto de investigação são os filmes de longametragem lançados entre 1979 e 2009 que se reportam ao tema da Ditadura Militar no Brasil e seus desdobramentos. O pressuposto é o de que as obras fílmicas, enquanto produções culturais, podem ser consideradas meios legítimos e diferenciados para o conhecimento da sociedade, uma vez que são constitutivas da realidade social, produzindo significados, valores e proposições expressados através de sua construção própria. Pauta-se na concepção de cultura do materialismo cultural de Raymond Williams (2000) e fundamenta-se essencialmente no referencial teórico-metodológico de Pierre Sorlin (1985,1994). Realiza-se um levantamento amplo e fundamentado da filmografia que tematiza a ditadura militar brasileira e dedica-se um olhar mais atento aos seguintes filmes: E agora, José? Tortura do sexo (Ody Fraga, 1980); Paula – A história de uma subversiva (Francisco Ramalho Jr., 1980); Nunca fomos tão felizes (Murilo Salles, 1984); Corpo em delito (Nuno Cesar Abreu, 1990); Ação entre amigos (Beto Brant, 1998); A terceira morte de Joaquim Bolívar (Flávio Cândido, 2000) e Zuzu Angel (Sérgio Rezende, 006), os quais correspondem a um espectro amplo de possibilidades cinematográficas.

Palavras-chave: Cinema e sociedade. Cinema brasileiro. Ditadura militar brasileira.

Downloads 19053  19053  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=000787791&fd=y
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Treinamento comportamental: concepções dos trabalhadores, gerentes de RH e consultores Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
ROSSETTI, Fabrizia

Resumo: O tema deste trabalho é o treinamento, diferenciando o treinamento técnico do comportamental. Apresenta também o conceito de qualificação e competência no trabalho e analisa os conceitos de alienação, disciplina e controle social e sua expressão nos treinamentos. As percepções dos trabalhadores sobre o tema foram coletadas através de entrevistas com roteiro semi-estruturado, aplicadas aos três tipos distintos de trabalhadores: gerentes de recursos humanos que contratam os treinamentos; instrutores ou consultores de recursos humanos que ministram os treinamentos e trabalhadores de nível médio que participam dos treinamentos. Da concepção desses trabalhadores foi possível identificar alguns desdobramentos do controle na empresa, como a responsabilização incentivada pelo treinamento comportamental, e a assunção de papéis a serem representados pelos trabalhadores. As diferenças de concepção entre os três tipos de trabalhadores sobre o tema da pesquisa evidenciaram as incoerências entre as exigências das empresas e a impossibilidades de satisfação dessas exigências por parte dos trabalhadores.

Palavras-chave : Treinamento. Treinamento comportamental. Relações de trabalho. Produção. Classes sociais

Downloads 16300  16300  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!A Nossa Vendeia : o imaginário social da Revolução Francesa na construção da narrativa de Os Sertões Popular Versão: PDF
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
MOREIRA, Raimundo Nonato Pereira

O presente trabalho objetiva discutir os influxos do imaginário social da Revolução Francesa no processo de construção da narrativa da Guerra de Canudos (1896-1897), em Os Sertões (1902), de Euclides da Cunha (1866-1909). A partir desse escopo, problematizam-se algumas das relações que vinculam as narrativas históricas e os relatos imaginários no corpo da obra citada, destacando a força das imagens relacionadas à Revolução de 1789 na tessitura do enredo euclidiano. Esta Tese apresenta cinco momentos principais. No primeiro capítulo, a partir de um esboço biográfico, abordam-se aspectos considerados relevantes acerca da vida e da obra de Euclides da Cunha. No segundo, discute-se a presença da Revolução Francesa no conjunto da obra euclidiana, argumentando-se que esse processo se constituiu no conjunto de acontecimentos históricos mais relevante no quadro das referências teóricas do escritor, posto que, para o autor, o paradigma francês apresentava-se como um padrão explicativo dos processos ocorridos na sociedade brasileira nas últimas duas décadas do século XIX. No terceiro capítulo, aborda-se a construção da narrativa euclidiana da Guerra de Canudos, mediante uma hipótese de trabalho que postula a existência de três momentos privilegiados desse processo: o primeiro, antes do contato de Euclides com o conflito sertanejo; o segundo, durante a presença do correspondente de O Estado de São Paulo na Bahia; e o terceiro, após o desfecho do conflito, materializado nas páginas de Os Sertões. No último capítulo, discute-se a ontologia discursiva de Os Sertões, problematizando-se as relações entre as categorias de historicidade, ficcionalidade e literariedade na composição narrativa euclidiana, destacando-se, ainda, as contribuições decisivas de uma versão histórico-literária da Revolução Francesa, o romance Quatrevingt-treize [Noventa e Três, 1874], de Victor Hugo (1802-1885), para o consórcio da ciência e da arte intentado por Euclides. Nas Considerações Finais, tomando-se como referência as discussões historiográficas contemporâneas acerca da narrativa, reitera-se que a análise da construção do enredo da obra euclidiana evidenciou um processo complexo, no qual o escritor se valeu tanto de relatos históricos quanto de narrações imaginárias, para comunicar aos futuros historiadores o seu juízo sobre a Guerra de Canudos.

Palavras-chave: História. Narrativa. Revolução Francesa.

Downloads 16034  16034  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!O papel da mulher em relaçăo ao uso de agrotóxicos na agricultura familiar : uma participaç Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
BANDEIRA, Beatriz Valladăo de Barros de

Resumo: Não informado

Palavras-chave: Não informado

Downloads 11162  11162  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!O poder local e o coronelismo no estado do Paraná 1880-1930  Popular Versão: pdf
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
SILVA, Monica Helena Harrich

Resumo: Análise sobre o poder local, especificamente sobre o coronelismo, no Estado do Paraná, durante os anos de 1880 até 1930. Aponta os principais aspectos que resultaram na configuração do coronelismo enquanto sistema, ou seja, o coronelismo paranaense envolveu o poder público (através do governo estadual) e o poder privado (na figura do coronel) em uma relação de cunho político, uma vez que os atores participantes estendiam-se desde a base mais simples da sociedade, que era o trabalhador rural, até o Presidente da República, tal como apresentado na análise clássica de Vitor Nunes Leal, Coronelismo, Enxada e Voto. Para tanto, o coronelismo paranaense apresenta as características gerais do coronelismo nacional, isto é, revela a fraqueza e dependência dos coronéis em relação ao governo estadual, apresenta o cerceamento da autonomia dos municípios em meio às leis emanadas pela Constituição Estadual, verifica-se a pobreza do homem do campo e a relação de fidelidade para com o coronel. A manutenção do sistema coronelista no Paraná tinha seu fundamento na garantia dos votos (sufrágio eleitoral) através da ação dos coronéis que resultava também no controle da ordem municipal, objetivado sempre pelo grupo político que dominava o Estado. Nesse sentido, através daanálise de documentação da época como Jornais, Anais da Assembléia Legislativa (e outras fontes), o presente trabalho apresenta as questões partidárias, os processos eleitorais e seus mecanismos de fraudes e, fundamentalmente, os vários aspectos das trocas de favores que envolveram o coronelismo neste Estado. O resgate da estrutura partidária está exposto na análise da trajetória dos partidos políticos: Partido Republicano Federal (situacionista), Partido Republicano (oposicionista) e a união de ambos formando o Partido Republicano Paranaense, criado em 1908 e estendendo seu poder até 1930.

Palavras-chave: Poder local. Coronelismo. Paraná. Primeira República.

Downloads 8993  8993  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/11747
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


(1) 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 »