Educadores

Ínicio : Sociologia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (18)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (antigos listados primeiro)

Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Programa de transferência de renda condicionado bolsa escola: o resgate da cidadania através da edu Popular Versão: PDF
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SILVA, Isabel Cristina

A dissertação “Programa de Transferência de Renda Condicionado - Bolsa-Escola: o resgate da cidadania através da educação”, tem o propósito de fazer uma leitura da importância de programas de transferência de renda condicionada para a construção da cidadania, mediante a inserção social das camadas mais pobres da população. O conceito de cidadania será apresentado, na amplitude dos direitos civis, sociais e políticos. No que se refere a questão social, aborda-se os fatores históricos que levaram Castel a construir o conceito (2001), de ‘desfiliação’. Segundo o autor, ‘desfiliado’ é aquele indivíduo que em um mundo estruturado, desatrelou-se das redes de integração primária. Isto ocorre quando sua inscrição territorial não tem condições de assegurar a sua rede de proteção, deixando-o cair em estados de privação. Para melhor compreender o que são estes estados de privação, estudou-se o conceito de pobreza e dos indicadores utilizados para mensurá-la. Em seguida, apresentam-se os programas da Rede de Proteção Social – RPS – existentes no Brasil, em 2002. Logo depois, os programas de transferência de renda condicionados à educação: o Programa Bolsa Escola, primeiramente aplicado no Governo do Distrito Federal em 1995, o programa Bolsa-Escola Cidadã, da Organização Não Governamental Missão Criança (1998), o Programa Bolsa-Escola Federal e o Programa aplicado no Governo do Distrito Federal, a partir de 2001, o ‘Renda Minha’. Em seqüência, demonstra-se a metodologia utilizada pelo Banco Mundial para a avaliação de impacto de programas de transferência de benefícios, para a mensuração dos resultados que os programas trazem às comunidades nas quais são aplicados. Por fim, apresenta-se o programa de desenvolvimento humano do México, o OPORTUNIDADES e compara-se o mesmo com os programas brasileiros, incluindo o Bolsa-Família, programa que absorveu o Bolsa-Escola em 2003. A compreensão dos atuais problemas que afligem a nossa sociedade auxilia, conforme palavras de Bourdieu (2003, p. 735) “aos que sofrem que descubram a possibilidade de atribuir seu sofrimento a causas sociais e assim se sentirem desculpados; e fazendo conhecer amplamente a origem social, coletivamente oculta, da infelicidade sob todas as suas formas, inclusive as mais íntimas e as mais secretas”. Pois, segundo o autor, o que o mundo social fez, o mundo social pode, armado deste saber, desfazer. Considera-se que os conceitos aqui apresentados são instrumentais para discutir o processo de desfiliação e auxiliar na busca de novas formas de inclusão social.

Palavras-chave: Bolsa-Escola. Programas de Transferência Renda Condicionado Benefícios. Pobreza. Cidadania e Educação.

Downloads 4062  4062  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Raízes da sociologia brasileira : Florestan Fernandes e a questão do intelectual Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
MARTINS, Tatiana Gomes

Resumo: Este trabalho procura analisar a questão do intelectual perfila algumas dos principais trabalhos de Florestan Fernandes produzidos entre meados da década de 50 até 1968. Fundamentalmente, a pesquisa tem como foco os livros: Mudanças Sociais no Brasil (1960); A Sociologia Numa Era de Revolução Social (1963) e Sociedade de Classes e Subdesenvolvimento (1968). Além deles, também são utilizados os textos Ensaios de Sociologia Geral e Aplicada (1960) e Fundamentos Empíricos da Explicação Sociológica (2967) no sentido de demonstrar a fundamentação metodológica dos primeiros. Desse modo, através da identificação das questões referentes à mudança social, ao desenvolvimento nacional e ao papel intelectual, presentes nos textos considerados, a pesquisa procura conferir a dimensão política que eles representam a partir da definição da sociologia enquanto?Autoconsciência científica da sociedade?

Palavras-chave: Sociologia - Brasil. Intelectuais e política. Mudança social.

OBSERVAÇÃO - Para baixar artigos, teses e monografias da Unicamp é necessário fazer um cadastro simples com e-mail e senha.

Downloads 971  971  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000266086
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Relações de genero na indústria automotiva : a problemática da divisão sexual do trabalho e da visã Popular Versão: pdf
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SAMPAIO, Darli de Fatima

Resumo: O enfoque central dessa dissertação é o trabalho feminino no setor produtivo e administrativo na automotiva Renault do Paraná. Analisa-se a partir da perspectiva de gênero sobre qual ordem simbólica referida as relações de gênero trabalham essas mulheres. Mostra-se como ocorrem as relações de poder que constituem, transitam e permeiam esses processos de trabalho e de que modo se constroem as articulações entre essas trabalhadoras e a apropriação desse trabalho, dentro de um processo de interação social no interior da fábrica. A partir dessa questão norteadora desenvolve-se e articula-se à metodologia dessa pesquisa duas hipóteses de trabalho. A primeira hipótese parte do pressuposto de que a indústria automotiva Renault em ambos os casos: setor produtivo e administrativo interage sob perspectivas de gênero essencializadas e dualizadas no setor da produção e da administração. A premissa da segunda hipótese é de que a divisão sexual do trabalho na fábrica é extensão da divisão de gênero, incorporada e cristalizada no mundo doméstico e na sociedade em geral. Isso diz respeito por sua vez, a uma dinâmica que não é nova e continua interagindo na produção dos bens e na reprodução da vida e dos valores marcados pela desigualdade dos processos de inserção de homens e mulheres no mercado de trabalho. Outro aspecto fundamental para a análise é o de que as mulheres têm enfrentado os diversos desafios lançados pelo mercado de trabalho que é cada vez mais excludente e competitivo. Porém, isso não as libertou da responsabilidade de serem elas as principais demandadas a estabelecer vários arranjos familiares para dar conta da casa, do marido e dos filhos nos afazeres domésticos. Tais arranjos, raramente, ou muito subliminarmente, contam com a participação masculina, e em geral, são arranjos entre mulheres aparentadas. As tarefas domésticas ainda são colocadas sob sua responsabilidade, demonstrando que a divisão sexual do trabalho é indissociável da situação de exploração e sobrecarga que pesa sobre os ombros das mulheres. Para este estudo, a opção metodológica foi pela realização de uma pesquisa qualitativa. Entrevistamos um total de dezesseis mulheres, sendo oito do setor produtivo e oito do setor administrativo, estabelecendo-se as diferenças no que diz respeito ao perfil das entrevistadas e também semelhanças sobre a realidade na fábrica e, principalmente sobre a ordem simbólica que permeia o trabalho dessas mulheres e como estas, vivenciam essa experiência.

Palavras chaves: Automotiva. Gênero. Trabalho. Feminismo. Divisão sexual do trabalho.

Downloads 2415  2415  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/11567
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representaçőes do feminino e masculino nas estórias infantis Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
AMARAL, Celena Izabel do

Análise das representações de gênero realizada em quarenta e quatro estórias infantis contemporâneas (extraídas de trinta e sete livros), nas linguagens escrita e ilustrativa, publicadas sobretudo nas décadas de 1980 e 1990 e veiculadas em uma escola particular de Curitiba, no final do século XX. Utiliza-se de dados quantitativos e qualitativos, no intuito de identificar se as relações sociais entre os gêneros feminino e masculino reproduzem padrões sexistas, até que ponto os padrões tradicionais de comportamento encontram-se nos textos contemporâneos e como e em que medida os gêneros ocupam as esferas pública e privada, selecionando as representações mais expressivas – pelo maior número de vezes apresentadas ou pelo conteúdo. Detecta-se que o cuidado com crianças e, principalmente, as responsabilidades domésticas permanecem direcionadas às mulheres, enquanto que as atividades ligadas ao trabalho Remunerado, desempenhadas em espaço público, estão bastante voltadas aos homens. A associação do gênero feminino com este espaço geralmente vem relacionada a alguma ocupação extensiva ao âmbito doméstico, remunerada ou não. A oposição binária feminino/masculino revela também uma distribuição de poder desigual e, conseqüentemente, de prestígio entre os gêneros, cabendo ao masculino uma posição mais elevada na esfera social, tanto pelas funções desempenhadas quanto pelas características a ele atribuídas. Embora a literatura infantil manifeste certa ruptura em relação aos padrões tradicionais associados aos dois gêneros, está longe de apontar uma proporção de equivalência entre ambos, contribuindo, assim, para manter a distância que os separa.

Palavras-chave: Representações de Gênero. Desigualdade. Poder. Literatura Infantil.

Downloads 1366  1366  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representação teatral: Assembléia Legislativa do Estado do Paraná, institucionalismo e vetos Popular Versão: pdf
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
Representação teatral: Assembléia Legislativa do Estado do Paraná,
institucionalismo e vetos

Autores: Laibida, Luiz Demétrio Janz
Oliveira, Ricardo Costa de
Braga, Sérgio Soares
Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciencias Humanas,
Letras e Artes.Programa de Pós-Graduaçăo em Sociologia.
Data de publicação: 2007

Resumo: Anexos
Orientador : Ricardo Costa de Oliveira
Co-orientador: Sérgio Soares Braga
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná,
Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes, Programa de
Pós-Graduação em Sociologia. Defesa: Curitiba, 14 de novembro de 2007.
Inclui bibliografia e notas
Área de concentração: Cultura e Poder

O objetivo deste trabalho é analisar a existência de uma representação teatral do parlamentar dentro da Assembléia Legislativa do Estado do Paraná. Para tanto, as novas abordagens institucionais (neo-institucionalismo) e as questões de veto serão fundamentais para a comprovação da hipótese do trabalho. A Assembléia Legislativa do Paraná é uma instituição política que tende a uma nova perspectiva de analisar as instituições, principalmente as novas mudanças estruturais. A Assembléia pode ser vista como um palco das representações teatrais dos parlamentares, que na maioria das vezes não almejam grandes transformações e dão continuidade às relações e distr disbuição de poder, prevalecendo e estruturando a Assembléia enquanto instituição. Os vetos nesse estudo são analisados como uma relação interna na política, e o neoinstitucionalismo como uma nova abordagem das relações de vetos. A análise destes prevê a possibilidade de transformação da instituição. É importante salientar que os projetos de lei e os vetos são feitos por um conjunto de atores que interagem entre si, tendo como foco principal o Executivo e o Legislativo; porém, esses mesmos atores têm pontos de vista e interesses também em outras áreas do poder. Mostraremos a instituição democrática legislativa e as novas abordagens do neo-institucionalismo, lembrando que é fundamental reportar-se ao fato de que esta institucionalização está regida na Constituição de 1988. São de extrema relevância para o trabalho a análise das concepções teóricas e o contexto sociológico de representação no Legislativo, pois esse é o foco principal do mesmo. Enfatizaremos as questões de veto, analisando principalmente o seu contexto contemporâneo de interações e tipologias e das relações entre os Poderes. Faremos a análise completa dos vetos no período de 1996 a 2006, findando verificar se os parlamentares se posicionam e agem conforme “regras políticas” previamente estabelecidas pela Assembléia, o que possibilitará traçar perfis que indicarão tipologias específicas confirmando a hipótese de representação teatral.

Palavras-chave: Representação teatral. Assembléia Legislativa do Paraná. Institucionalismo. vetos.

Downloads 559  559  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/14086
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representação teatral: Assembléia Legislativa do Estado do Paraná, institucionalismo e vetos Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
Autores: Laibida, Luiz Demétrio Janz
Oliveira, Ricardo Costa de
Braga, Sérgio Soares
Universidade Federal do Paraná. Setor de Ciências Humanas,
Letras e Artes. Programa de Pós-Graduaçăo em Sociologia.
Data de publicação: 2007

Resumo: Anexos
Orientador : Ricardo Costa de Oliveira
Co-orientador: Sérgio Soares Braga
Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Setor de Ciências Humanas, Letras e Artes, Programa de Pós-Graduação em Sociologia. Defesa: Curitiba, 14 de novembro de 2007.
Inclui bibliografia e notas

O objetivo deste trabalho é analisar a existência de uma representação teatral do parlamentar dentro da Assembléia Legislativa do Estado do Paraná. Para tanto, as novas abordagens institucionais (neo-institucionalismo) e as questões de veto serão fundamentais para a comprovação da hipótese do trabalho. A Assembléia Legislativa do Paraná é uma instituição política que tende a uma nova perspectiva de analisar as instituições, principalmente as novas mudanças estruturais. A Assembléia pode ser vista como um palco das representações teatrais dos parlamentares, que na maioria das vezes não almejam grandes transformações e dão continuidade às relações e distribuição de poder, prevalecendo e estruturando a Assembléia enquanto instituição. Os vetos nesse estudo são analisados como uma relação interna na política, e o neo-institucionalismo como uma nova abordagem das relações de vetos. A análise destes prevê a possibilidade de transformação da instituição. É importante salientar que os projetos de lei e os vetos são feitos por um conjunto de atores que interagem entre si, tendo como foco principal o Executivo e o Legislativo; porém, esses mesmos atores têm pontos de vista e interesses também em outras áreas do poder. Mostraremos a instituição democrática legislativa e as novas abordagens do neo-institucionalismo, lembrando que é fundamental reportar-se ao fato de que esta institucionalização está regida na Constituição de 1988. São de extrema relevância para o trabalho a análise das concepções teóricas e o contexto sociológico de representação no Legislativo, pois esse é o foco principal do mesmo. Enfatizaremos as questões de veto, analisando principalmente o seu contexto contemporâneo de interações e tipologias e das relações entre os Poderes. Faremos a análise completa dos vetos no período de 1996 a 2006, findando verificar se os parlamentares se posicionam e agem conforme “regras políticas” previamente estabelecidas pela Assembléia, o que possibilitará traçar perfis que indicarão tipologias específicas confirmando a hipótese de representação teatral.

Palavras-chave: Representação teatral. Assembléia Legislativa do Paraná. Institucionalismo. Vetos. Poder. Política. Ideologia.

Downloads 996  996  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Retomando antigas práticas : uma análise do comportamento da Câmara Municipal de Porto Alegre após a Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SILVA, Patrícia Gularte da

Resumo: Este trabalho analisa a mudança no padrão de comportamento do Legislativo Municipal de Porto Alegre após a posse de José Fogaça em 2005. O Poder Legislativo que durante as gestões do Partido dos Trabalhadores (PT) apresentou um padrão de comportamento diferente do que se tinha até então, a partir de 2005 retoma a normalidade verificada através da intensificação de suas atividades. Este retorno ao padrão normal de comportamento Legislativo que pode ser verificado em âmbito nacional, estadual e municipal, obviamente é influenciado pela mudança no Executivo, porém como veremos vários elementos podem ser invocados para complementar esta afirmação.

Downloads 572  572  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC - RS  Site http://tede.pucrs.br/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=813
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Ressocializar ou manter a ordem social : dilema entre os atores envolvidos na execução e aplicação d Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
CORRÊA, Virginia Beatriz Dias

Resumo: O trabalho apresenta as transformações realizadas na legislação brasileira relativa aos diretos da criança e do adolescente, a partir do Código de Menores de 1927 até a promulgação do Estatuto da Criança e do Adolescente, em 1990. É feito um levantamento histórico sobre as políticas de atendimento à criança e ao adolescente no Brasil, contextualizando a reestruturação da FEBEM após a criação do ECA. Por fim, o foco da pesquisa está voltado para o conhecimento das formas de inserção dos atores envolvidos com a ressocialização dos adolescentes infratores e de suas experiências profissionais e para as tensões e conflitos existentes entre esses atores relacionados com a problemática da ordem e segurança da instituição e da sociedade. Também foi analisada a concepção que os funcionários da FEBEM e os juízes da Infância e da Juventude têm sobre a ressocialização dos adolescentes infratores.

Palavras-chave: Ressocialização. Adolescentes infratores. Medidas socieducativas. Segurança social. Estatuto da Criança e do Adolescente.

Downloads 1773  1773  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC - RS  Site http://tede.pucrs.br/tde_busca/arquivo.php?codArquivo=729
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Sistema de gestăo e financiamento da Assistęncia Social : transitando entre a filantropia  Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
ARRUDA, Denise Ratmann Arruda

Resumo: O objeto de análise da presente tese está circunscrito ao estudo da gestão e do financiamento da assistência social no período anterior e posterior à implantação do Sistema Único de Assistência Social - SUAS, ou seja, de 1988 com a promulgação da Constituição Federal, que a alçou ao status de política pública, e meados de 2008, data de encerramento do trabalho. Neste espectro foi possível identificar dois modelos de gestão e de financiamento prestados pela rede socioassistencial, que evidenciam o movimento oscilatório entre a filantropia e a política pública, apesar da implantação do SUAS, revelando concepções e racionalidades diferenciadas acerca da temática. O primeiro tem seu reduto, ainda que não com exclusividade, na ação assistencial ofertada por entidades beneficentes e filantrópicas, fundamentada no princípio da subsidiariedade, com foco na caridade e na filantropia, composta por práticas correspondentes a diversas áreas de políticas setoriais e instituídas de exonerações tributárias, aparte do sistema proposto. É determinado pelo pensamento conservador que engendra a conformação da sociedade brasileira, abordado com base nas teses de Caio Prado Júnior, Gilberto Freyre, Raimundo Faoro, Sergio Buarque de Holanda, Simon Schuwartzman e josé de Souza Martins, reforçado pelo patrimonialismo, adotado por meio do estabelecimento de relações pessoais e de favores, de mando e de subserviência no trato da coisa pública,cujo escopo não distingue a esfera privada da pública, tendo forte influência dos princípios neoliberais de responsabilização do Estado e de refilantropização da assistência social. O segundo propõe a instituição de um sistema descentralizado e participativo para a assistência social sendo, mais tarde, aprimorado como sistema unificado e homogêneo, de modo a resgatar a responsabilidade estatal, definindo atribuições das...continua...

Downloads 2900  2900  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Sobrevivendo ao suicídio: estudo sociológico com famílias de suicidas em Curitiba Popular Versão: PDF
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SOUZA, Nei Ricardo de

A publicação de O Suicídio, de Durkheim, foi um marco na teoria sociológica, embora já existissem preocupações com este tema antes desta obra. Após seu surgimento outros autores se dedicaram a continuar este estudo. Via de regra uma abordagem estatística é adotada: busca-se estabelecer correlações entre a taxa de suicídios e outras variáveis sociais. Aqui o suicídio é tratado sob outro enfoque. O objeto de trabalho selecionado são os familiares de suicidas, que normalmente participam da vida da vítima e sobrevivem a ela para contar sua história. O objetivo almejado é, portanto, compreender como estes familiares reagem à perda de um parente que tirou a própria vida. Para isso emprego a entrevista não-diretiva com estes sujeitos. A partir desta coleta de dados foi possível compreender diversos aspectos das famílias onde sobrevêm casos de suicídio. O sentimento de culpa, a interação social com o suicida, as relações de poder e o papel da religião são alguns dos elementos analisados. A hipótese que norteou a pesquisa é que o discurso médico vincula o suicídio à existência de transtornos mentais e encobre outrosdiscursos. Concluo que embora haja vários fatores que contribuem para o suicídio o discurso médico predomina e analiso possíveis razões para que isso aconteça.

Palavras-chave: Suicídio. Sociologia da Saúde. Família.

Downloads 4678  4678  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 (18) 19 20 »