Educadores

Ínicio : Sociologia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (18)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Título (A a Z)

Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Processo de trabalho e Novas Tecnologias: Estudo sobre alienação e reificação do trabalho em call ce Popular Versão: PDF
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
KORGUT, Alexander

A partir das recentes transformações surgidas no interior do mundo do trabalho (tecnológicas, organizacionais), estabelece uma análise qualitativa sobre as características que estruturam o trabalho de atendimento telefônico em um call center na cidade de Londrina -PR. Em meio a uma atividade tornada meio para a extração de importantes informações mercadológicas para as empresas que a utilizam, objetiva verificar como se conforma nesta, a organização do trabalho operacional de atendimento mediante a utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação; ferramentas por excelência do processo de mundialização e reestruturação capitalista na atualidade. Neste sentido, procura, especificamente estabelecer os nexos que permitam apreender como em tal processo de trabalho, se estruturam a alienação e por meio dela, a reificação das habilidades dos trabalhadores envolvidos no atendimento. A pesquisa foi iniciada com um levantamento histórico da formação da empresa. Logo após, estabeleceu-se um contato prévio com alguns operadores e em seguida iniciaram-se as entrevistas, estabelecendo um recorte que priorizou os trabalhadores em nível operacional da empresa. Apresenta como uma de suas principais conclusões o fato de que em tal atividade o desenvolvimento deste fenômeno, traz como conseqüências para a força de trabalho, uma significativa intensificação e controle do processo de trabalho que se fazem representar por um tipo de racionalização específica onde o elemento tecnológico desempenha um papel fundamental.

Palavras-chave: Processo de trabalho. Alienação. Reificação. Tecnologias da Informação e Comunicação. Trabalho. Produção. Classes sociais.

Downloads 1119  1119  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Programa de transferência de renda condicionado bolsa escola: o resgate da cidadania através da edu Popular Versão: PDF
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SILVA, Isabel Cristina

A dissertação “Programa de Transferência de Renda Condicionado - Bolsa-Escola: o resgate da cidadania através da educação”, tem o propósito de fazer uma leitura da importância de programas de transferência de renda condicionada para a construção da cidadania, mediante a inserção social das camadas mais pobres da população. O conceito de cidadania será apresentado, na amplitude dos direitos civis, sociais e políticos. No que se refere a questão social, aborda-se os fatores históricos que levaram Castel a construir o conceito (2001), de ‘desfiliação’. Segundo o autor, ‘desfiliado’ é aquele indivíduo que em um mundo estruturado, desatrelou-se das redes de integração primária. Isto ocorre quando sua inscrição territorial não tem condições de assegurar a sua rede de proteção, deixando-o cair em estados de privação. Para melhor compreender o que são estes estados de privação, estudou-se o conceito de pobreza e dos indicadores utilizados para mensurá-la. Em seguida, apresentam-se os programas da Rede de Proteção Social – RPS – existentes no Brasil, em 2002. Logo depois, os programas de transferência de renda condicionados à educação: o Programa Bolsa Escola, primeiramente aplicado no Governo do Distrito Federal em 1995, o programa Bolsa-Escola Cidadã, da Organização Não Governamental Missão Criança (1998), o Programa Bolsa-Escola Federal e o Programa aplicado no Governo do Distrito Federal, a partir de 2001, o ‘Renda Minha’. Em seqüência, demonstra-se a metodologia utilizada pelo Banco Mundial para a avaliação de impacto de programas de transferência de benefícios, para a mensuração dos resultados que os programas trazem às comunidades nas quais são aplicados. Por fim, apresenta-se o programa de desenvolvimento humano do México, o OPORTUNIDADES e compara-se o mesmo com os programas brasileiros, incluindo o Bolsa-Família, programa que absorveu o Bolsa-Escola em 2003. A compreensão dos atuais problemas que afligem a nossa sociedade auxilia, conforme palavras de Bourdieu (2003, p. 735) “aos que sofrem que descubram a possibilidade de atribuir seu sofrimento a causas sociais e assim se sentirem desculpados; e fazendo conhecer amplamente a origem social, coletivamente oculta, da infelicidade sob todas as suas formas, inclusive as mais íntimas e as mais secretas”. Pois, segundo o autor, o que o mundo social fez, o mundo social pode, armado deste saber, desfazer. Considera-se que os conceitos aqui apresentados são instrumentais para discutir o processo de desfiliação e auxiliar na busca de novas formas de inclusão social.

Palavras-chave: Bolsa-Escola. Programas de Transferência Renda Condicionado Benefícios. Pobreza. Cidadania e Educação.

Downloads 2360  2360  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Programa de transferência de renda condicionado: bolsa escola: o resgate da cidadania atraves da edu Popular Versão: pdf
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
SILVA, Isabel Cristina

Resumo: A dissertação “Programa de Transferência de Renda Condicionado - Bolsa-Escola: o resgate da cidadania através da educação”, tem o propósito de fazer uma leitura da importância de programas de transferência de renda condicionada para a construção da cidadania, mediante a inserção social das camadas mais pobres da população. O conceito de cidadania será apresentado, na amplitude dos direitos civis, sociais e políticos. No que se refere a questão social, aborda-se os fatores históricos que levaram Castel a construir o conceito (2001), de ‘desfiliação’. Segundo o autor, ‘desfiliado’ é aquele indivíduo que em um mundo estruturado, desatrelou-se das redes de integração primária. Isto ocorre quando sua inscrição territorial não tem condições de assegurar a sua rede de proteção, deixando-o cair em estados de privação. Para melhor compreender o que são estes estados de privação, estudou-se o conceito de pobreza e dos indicadores utilizados para mensurá-la. Em seguida, apresentam-se os programas da Rede de Proteção Social – RPS – existentes no Brasil, em 2002. Logo depois, os programas de transferência de renda condicionados à educação: o Programa Bolsa Escola, primeiramente aplicado no Governo do Distrito Federal em 1995, o programa Bolsa-Escola Cidadã, da Organização Não Governamental Missão Criança (1998), o Programa Bolsa-Escola Federal e o Programa aplicado no Governo do Distrito Federal, a partir de 2001, o ‘Renda Minha’. Em seqüência, demonstra-se a metodologia utilizada pelo Banco Mundial para a avaliação de impacto de programas de transferência de benefícios, para a mensuração dos resultados que os programas trazem às comunidades nas quais são aplicados. Por fim, apresenta-se o programa de desenvolvimento humano do México, o OPORTUNIDADES e compara-se o mesmo com os programas brasileiros, incluindo o Bolsa-Família, programa que absorveu o Bolsa-Escola em 2003. A compreensão dos atuais problemas que afligem a nossa sociedade auxilia, conforme palavras de Bourdieu (2003, p. 735) “aos que sofrem que descubram a possibilidade de atribuir seu sofrimento a causas sociais e assim se sentirem desculpados; e fazendo conhecer amplamente a origem social, coletivamente oculta, da infelicidade sob todas as suas formas, inclusive as mais íntimas e as mais secretas”. Pois, segundo o autor, o que o mundo social fez, o mundo social pode, armado deste saber, desfazer. Considera-se que os conceitos aqui apresentados são instrumentais para discutir o processo de desfiliação e auxiliar na busca de novas formas de inclusão social.

Palavras-chave: Bolsa-Escola. Programas de Transferência Renda Condicionado Benefícios. Pobreza. Cidadania e Educação.

Downloads 624  624  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/2334
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Qualidade total e o sindicalismo moderado produtivo nos metalúrgicos da grande Curitiba  Popular Versão: pdf
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
PENKAL, Royemerson Jose

Resumo: Com a adoção da política neoliberal a partir dos anos 1990, o movimento sindical no Brasil passa a incorporar aspectos da reestruturação produtiva nas negociações. Passam a fazer parte do escopo dos acordos coletivos ou das empresas questões como: redução de pessoal, terceirização, subcontratação, banco de horas e participação nos lucros e resultados (PLR) e, também, metas de produção. A incorporação dessas questões nas negociações demonstra a influência da implementação dos Programas de Qualidade Total (PQTs) sobre as relações de produção, pois, os trabalhadores passam a ser exigidos a se comprometerem com as metas institucionais das empresas. Onde imperam os pressupostos dos PQTs, o trabalhador é “parceiro”, e é “importante para a empresa”. A idéia de parceria evoca uma aparente condição de igualdade e essa é uma especificidade típica do desenvolvimento do capitalismo, ou seja, institucionalizar a igualdade pelos princípios liberais de acesso ao mercado. O cenário em que os trabalhadores e o movimento sindical estão inseridos, hoje está passando por um processo de profundas alterações nas relações entre capital e trabalho. A suposta “igualdade” nessas relações pretende transformar o sujeito trabalhador  que pertence à classe dependente do capital para garantir a sua reprodução  em “parceiro” da empresa e “colaborador” com os seus objetivos institucionais. Essa estratégia empresarial é, portanto, alvo da atuação sindical. Demonstrar e compreender as posições, ações e perspectivas do Sindicato dos Metalúrgicos da Grande Curitiba diante da utilização das estratégias de cooptação inerentes aos PQTs, principalmente suas ações em relação às empresas que compõem o complexo automobilístico da Região Metropolitana de Curitiba, é o problema central que esse estudo visa desenvolver. Os resultados do estudo apontam para uma confirmação da hipótese de pesquisa, ou seja, o sindicato passa a incorporar os pressupostos dos PQTs em sua forma de atuar na atual conjuntura de atuação em rede por parte do capitalismo.

Palavras - chave: Sindicalismo. Qualidade total. Produtividade. “Colaborador (cri)ativo”. “Sindicalismo moderado produtivo”

Downloads 517  517  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/4245
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Quitungo, mídia e cidadania: a política de "mídia e educação" da prefeitura do Rio de Janeiro em uma Popular Versão: 
Atualização:  14/5/2008
Descrição:
Maranhão, Carlos André Cantisani

Este trabalho visa analisar o discurso da política de "Mídia e Educação" da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro (SME-RJ) através do texto de documentos diversos e do confronto deles com a prática pedagógica. Visualiza-se, com isso, a possibilidade de educação para a "cidadania plena" a partir das interações sociais com a mídia, já que esse conceito de cidadania está presente em artigos, editoriais e na proposta curricular "Multieducação" que norteia o trabalho docente nas escolas e as ações políticas e pedagógicas da prefeitura. Num primeiro momento, é apresentado um estudo mais abrangente sobre a literatura do campo da comunicação educativa ou mídia educação. Em um segundo momento, faz-se uma análise enunciativa dos documentos oficiais da SME-RJ com o intuito de identificar a concepção política e pedagógica vigente por meio das principais formações discursivas e do léxico utilizado, com destaque para o conceito de "cidadania plena". Assumindo que a "plenitude" da cidadania demanda níveis mais amplos de participação social para deliberação e mobilização política, desenvolveu-se a pesquisa de campo em uma abordagem etnográfica para descrever as interações sociais e o processo de aprendizagem das etapas de formação de professores e apropriação tecnológica em linguagem audiovisual (cinema de animação) do projeto Anima Escola, de parceria entre a prefeitura e o grupo cultural Anima Mundi. O referencial teórico se baseou na filosofia e sociologia da ação comunicativa de Habermas, na pedagogia dialógica de Paulo Freire e na contribuição de Muniz Sodré, Jailson de Souza e Silva, Cicilia Peruzzo, Ismar Soares, entre outros. Constata-se que a política de "mídia e educação" demanda por interações sociais mais participativas que permitam a problematização discursiva do mundo social. Uma alternativa é pensar e promover a educação escolar por meio de comunidades políticas de comunicação que permitam a interação com o mercado e com o Estado e, principalmente, com as organizações populares e comunicações comunitárias existentes.

Palavras-chave: Cidadania. Comunicação comunitária. Comunidade. Educação. Educomunicação. Mídia.


Downloads 533  533  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 9.00 (2 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Raízes da sociologia brasileira : Florestan Fernandes e a questão do intelectual Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
MARTINS, Tatiana Gomes

Resumo: Este trabalho procura analisar a questão do intelectual perfila algumas dos principais trabalhos de Florestan Fernandes produzidos entre meados da década de 50 até 1968. Fundamentalmente, a pesquisa tem como foco os livros: Mudanças Sociais no Brasil (1960); A Sociologia Numa Era de Revolução Social (1963) e Sociedade de Classes e Subdesenvolvimento (1968). Além deles, também são utilizados os textos Ensaios de Sociologia Geral e Aplicada (1960) e Fundamentos Empíricos da Explicação Sociológica (2967) no sentido de demonstrar a fundamentação metodológica dos primeiros. Desse modo, através da identificação das questões referentes à mudança social, ao desenvolvimento nacional e ao papel intelectual, presentes nos textos considerados, a pesquisa procura conferir a dimensão política que eles representam a partir da definição da sociologia enquanto?Autoconsciência científica da sociedade?

Palavras-chave: Sociologia - Brasil. Intelectuais e política. Mudança social.

OBSERVAÇÃO - Para baixar artigos, teses e monografias da Unicamp é necessário fazer um cadastro simples com e-mail e senha.

Downloads 715  715  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000266086
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Relações de genero na indústria automotiva : a problemática da divisão sexual do trabalho e da visã Popular Versão: pdf
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SAMPAIO, Darli de Fatima

Resumo: O enfoque central dessa dissertação é o trabalho feminino no setor produtivo e administrativo na automotiva Renault do Paraná. Analisa-se a partir da perspectiva de gênero sobre qual ordem simbólica referida as relações de gênero trabalham essas mulheres. Mostra-se como ocorrem as relações de poder que constituem, transitam e permeiam esses processos de trabalho e de que modo se constroem as articulações entre essas trabalhadoras e a apropriação desse trabalho, dentro de um processo de interação social no interior da fábrica. A partir dessa questão norteadora desenvolve-se e articula-se à metodologia dessa pesquisa duas hipóteses de trabalho. A primeira hipótese parte do pressuposto de que a indústria automotiva Renault em ambos os casos: setor produtivo e administrativo interage sob perspectivas de gênero essencializadas e dualizadas no setor da produção e da administração. A premissa da segunda hipótese é de que a divisão sexual do trabalho na fábrica é extensão da divisão de gênero, incorporada e cristalizada no mundo doméstico e na sociedade em geral. Isso diz respeito por sua vez, a uma dinâmica que não é nova e continua interagindo na produção dos bens e na reprodução da vida e dos valores marcados pela desigualdade dos processos de inserção de homens e mulheres no mercado de trabalho. Outro aspecto fundamental para a análise é o de que as mulheres têm enfrentado os diversos desafios lançados pelo mercado de trabalho que é cada vez mais excludente e competitivo. Porém, isso não as libertou da responsabilidade de serem elas as principais demandadas a estabelecer vários arranjos familiares para dar conta da casa, do marido e dos filhos nos afazeres domésticos. Tais arranjos, raramente, ou muito subliminarmente, contam com a participação masculina, e em geral, são arranjos entre mulheres aparentadas. As tarefas domésticas ainda são colocadas sob sua responsabilidade, demonstrando que a divisão sexual do trabalho é indissociável da situação de exploração e sobrecarga que pesa sobre os ombros das mulheres. Para este estudo, a opção metodológica foi pela realização de uma pesquisa qualitativa. Entrevistamos um total de dezesseis mulheres, sendo oito do setor produtivo e oito do setor administrativo, estabelecendo-se as diferenças no que diz respeito ao perfil das entrevistadas e também semelhanças sobre a realidade na fábrica e, principalmente sobre a ordem simbólica que permeia o trabalho dessas mulheres e como estas, vivenciam essa experiência.

Palavras chaves: Automotiva. Gênero. Trabalho. Feminismo. Divisão sexual do trabalho.

Downloads 1610  1610  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/11567
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Religião e razão comunicativa: as Comunidades Eclesiais de Base no contexto da redemocratização. Popular Versão: 
Atualização:  20/5/2010
Descrição:
SILVA, Ana Amélia da

Resumo: Esta pesquisa teve como objetivo principal estudar aspectos da modernização cultural brasileira a partir de mudanças ocorridas em nossa mais tradicional religião: o catolicismo. No plano teórico-metodológico, partiu-se de um referencial específico, a Teoria da Ação Comunicativa de Jürgen Habermas, com a intenção de verificar possibilidades para o desenvolvimento de um tipo de racionalidade, denominada comunicativa, em nossa cultura. No plano da análise empírica, optou-se por estudar as comunidades eclesiais de base, as quais se mostraram como um espaço privilegiado para a identificação desses potenciais para a racionalidade comunicativa. Isso se explica pelo fato de que essas comunidades religiosas criaram em seu meio o hábito de discutir e argumentar, coletivamente, com a intenção de chegar assim a soluções consensuais para seus problemas cotidianos.

Palavras-chave: Ação comunicativa. Catolicismo. Comunidades eclesiais de base. Racionalidade. Religião.

Downloads 416  416  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representaçőes do feminino e masculino nas estórias infantis Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
AMARAL, Celena Izabel do

Análise das representações de gênero realizada em quarenta e quatro estórias infantis contemporâneas (extraídas de trinta e sete livros), nas linguagens escrita e ilustrativa, publicadas sobretudo nas décadas de 1980 e 1990 e veiculadas em uma escola particular de Curitiba, no final do século XX. Utiliza-se de dados quantitativos e qualitativos, no intuito de identificar se as relações sociais entre os gêneros feminino e masculino reproduzem padrões sexistas, até que ponto os padrões tradicionais de comportamento encontram-se nos textos contemporâneos e como e em que medida os gêneros ocupam as esferas pública e privada, selecionando as representações mais expressivas – pelo maior número de vezes apresentadas ou pelo conteúdo. Detecta-se que o cuidado com crianças e, principalmente, as responsabilidades domésticas permanecem direcionadas às mulheres, enquanto que as atividades ligadas ao trabalho Remunerado, desempenhadas em espaço público, estão bastante voltadas aos homens. A associação do gênero feminino com este espaço geralmente vem relacionada a alguma ocupação extensiva ao âmbito doméstico, remunerada ou não. A oposição binária feminino/masculino revela também uma distribuição de poder desigual e, conseqüentemente, de prestígio entre os gêneros, cabendo ao masculino uma posição mais elevada na esfera social, tanto pelas funções desempenhadas quanto pelas características a ele atribuídas. Embora a literatura infantil manifeste certa ruptura em relação aos padrões tradicionais associados aos dois gêneros, está longe de apontar uma proporção de equivalência entre ambos, contribuindo, assim, para manter a distância que os separa.

Palavras-chave: Representações de Gênero. Desigualdade. Poder. Literatura Infantil.

Downloads 1209  1209  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Representaçőes sociais de política pública para educaçăo: PROEM - Programa de Expansă Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
PAULA, Sandra Ramalho de

Resumo: Esse trabalho analisa as Representações Sociais dos atores sociais diretamente envolvidos no processo de reforma do Ensino Médio do Paraná no período de 1996 á 2002. Tomando como referencial teórico os conceitos trabalhados na representação social, que aborda a relação do sujeito com o espaço social no qual ele está inserido.Este tratou da questão atual da reforma do Ensino Médio no Paraná, que é analisada em contexto mais amplo, partindo das diretrizes propostas nos Parâmetros Curriculares Nacionais que redefinem o universo educacional do ensino médio a partir das relações do mercado de trabalho e de consumo, procurando assim, formar individuo que atenda as novas necessidades e exigências do mercado econômico.

Palavras-chave: Educação. Instituição escolar. Parâmetros curriculares nacionais. Mercado. Capitalismo. Classes sociais.

Downloads 27436  27436  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 (17) 18 19 20 »