Educadores

Ínicio : Sociologia : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (18)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Quitungo, mídia e cidadania: a política de "mídia e educação" da prefeitura do Rio de Janeiro em uma Popular Versão: 
Atualização:  14/5/2008
Descrição:
Maranhão, Carlos André Cantisani

Este trabalho visa analisar o discurso da política de "Mídia e Educação" da Secretaria Municipal de Educação do Rio de Janeiro (SME-RJ) através do texto de documentos diversos e do confronto deles com a prática pedagógica. Visualiza-se, com isso, a possibilidade de educação para a "cidadania plena" a partir das interações sociais com a mídia, já que esse conceito de cidadania está presente em artigos, editoriais e na proposta curricular "Multieducação" que norteia o trabalho docente nas escolas e as ações políticas e pedagógicas da prefeitura. Num primeiro momento, é apresentado um estudo mais abrangente sobre a literatura do campo da comunicação educativa ou mídia educação. Em um segundo momento, faz-se uma análise enunciativa dos documentos oficiais da SME-RJ com o intuito de identificar a concepção política e pedagógica vigente por meio das principais formações discursivas e do léxico utilizado, com destaque para o conceito de "cidadania plena". Assumindo que a "plenitude" da cidadania demanda níveis mais amplos de participação social para deliberação e mobilização política, desenvolveu-se a pesquisa de campo em uma abordagem etnográfica para descrever as interações sociais e o processo de aprendizagem das etapas de formação de professores e apropriação tecnológica em linguagem audiovisual (cinema de animação) do projeto Anima Escola, de parceria entre a prefeitura e o grupo cultural Anima Mundi. O referencial teórico se baseou na filosofia e sociologia da ação comunicativa de Habermas, na pedagogia dialógica de Paulo Freire e na contribuição de Muniz Sodré, Jailson de Souza e Silva, Cicilia Peruzzo, Ismar Soares, entre outros. Constata-se que a política de "mídia e educação" demanda por interações sociais mais participativas que permitam a problematização discursiva do mundo social. Uma alternativa é pensar e promover a educação escolar por meio de comunidades políticas de comunicação que permitam a interação com o mercado e com o Estado e, principalmente, com as organizações populares e comunicações comunitárias existentes.

Palavras-chave: Cidadania. Comunicação comunitária. Comunidade. Educação. Educomunicação. Mídia.


Downloads 683  683  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 9.00 (2 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!O campo político da agricultura familiar e a ideia de projeto alternativo de desenvolvimento / Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
NUNES, Sidemar Presotto

O objetivo da presente pesquisa foi identificar as contradições da ideia de “projeto alternativo de desenvolvimento” adotado pelo “campo político da agricultura familiar” na região Sul do Brasil. Centrada na análise das contradições da ideia de alternatividade, procurou-se analisar como o “campo político da agricultura familiar” procura garantir viabilização, legitimidade social e reconstruir os referenciais ideológicos diante de um novo contexto social que passou por diversas transformações econômicas e político- ideológicas a partir do início dos anos 90. Diante desse contexto, a ideia de projeto alternativo de desenvolvimento (PAD) passa a ser proposta como novo referencial pelas organizações sociais da região Sul do Brasil, que aqui se chama de campo político da agricultura familiar. É uma ideia que se propõe enfrentar o processo de centralização do capital agroindustrial e os problemas por ele gerados; o crescente uso de insumos industriais, que promoveria a degradação dos recursos naturais e problemas sociais (êxodo rural, concentração agroindustrial, etc.) e ao centralismo e clientelismo do Estado brasileiro, que estaria privilegiando os interesses dos grandes grupos econômicos. Propõe-se fazer, de dentro do próprio capitalismo, algumas mudanças que pudessem garantir uma melhor reprodução social dos agricultores e contribuir para gerar novos referenciais político- ideológicos. Contém diversas outras idéias imprecisas (desenvolvimento sustentável, economia solidária, comércio justo, etc.) que podem ser adotadas de formas bastante diversas. Mais recentemente, a noção de agricultura familiar passou a ocupar a centralidade da ideia de PAD, contribuindo para criar uma nova identidade política, alterar interesses, projetos e opções políticas. Verifica-se que o campo político estudado conquistou alguns ganhos a partir das opções políticas que fez: constituição e fortalecimento de organizações econômicas (através do associativismo), instrumentos de política agrícola e de seguridade social específicos e fortalecimento da proposta de um novo modelo tecnológico através da agroecologia. No entanto, embora se coloquem como referências que podem conter elementos úteis no processo histórico, esses avanços não foram suficientes para gerar uma proposta para conter o referido processo em curso: centralização do capital, intensificação do uso de insumos industriais na agricultura e do poder das grandes empresas mundiais sobre o Estado. Utilizou-se o conceito de campo (Bourdieu) para delimitar o objeto de pesquisa e os conceitos de ideologia, legitimidade (Eagleton) e de contradição (Lukács, Marx e Engels) como fios condutores do método.

Palavras-chave: alternatividade. Referencial ideológico. Campo da agricultura familiar. Trabalho. Produção. Classes sociais.

Downloads 680  680  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 9.00 (4 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Juventude, Trabalho e Ensino Noturno: um estudo sobre os jovens da periferia de Goiânia Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
TERRIBELLE, Alexssandra de Oliveira

Breve resumo: Esta pesquisa foi realizada junto aos jovens da periferia de Goiânia que trabalham e estudam em escolas da rede estadual de ensino, em nível do ensino médio, no período noturno.. Buscamos caracterizar as condições de trabalho desses jovens juntamente com as condições educacionais em que estão inseridos. Os resultados da pesquisa demonstraram que o trabalho e a educação escolar realizados por esses jovens não conduzem à construção identitária e à socialização, mas a identidades fraturadas permeadas por um contexto de precarização e exclusão. Contudo, os s jovens ainda percebem o trabalho como atividade disciplinadora e a escola como o caminho para a ascensão social, ou seja, como um meio para sair das condições precárias de vida. Para o estudo das representações, percepções e práticas cotidianas dos jovens de periferia recorreu-se ao conceito de habitus de Bourdieu e à teoria das representações sociais de Moscovici, permitindo assim mediar a realidade exterior e as construções individuais dos agentes pesquisados e permitindo expressar a relação entre o mundo objetivo e a dimensão subjetiva das individualidades.

Palavras-chave: Juventude. Trabalho. Escola. Instituições sociais. Trabalho. Produção. Classes sociais.

Downloads 665  665  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Os anacronautas do teutonismo virtual: Uma etnografia do neonazismo na Internet Popular Versão: PDF
Atualização:  12/12/2013
Descrição:
DIAS, Adriana Abreu Magalhães.

Esta pesquisa busca apreender o universo simbólico das URLs racistas, revisionistas e neonazistas na Internet. O propósito da investigação é, por meio da observação etnográfica das práticas e representações discursivas expostas em sites, portais, comunidades, fóruns, chats e listas de discussão, que abordam este tema, compreender que tipo de relação se constrói entre o espaço digital e a defesa da idéia de "raça ariana", realizada por meus "nativos". Como foco privilegiei os aspectos simbólicos que melhor evidenciam a interface entre estas duas dimensões, por meio da pesquisa empírica e do exercício teórico. A partir deste recorte, emergiram algumas perspectivas relevantes na construção identitária que o racista desenvolve para si e para o outro, tais como as marcas genômicas e mitológicas evidentes em seu discurso, as redefinições da fronteira entre digitalidade e realidade e a luta política "dos arianos", na WEB. O argumento central resultante da pesquisa é de que o neonazismo interpreta simbolicamente o mundo contemporâneo, nos sites analisados, articulando mitos, narrativas e rituais. Neste processo, evidencia-se a elaboração de uma forma específica de identidade: o “teutonismo”.

Palavras Chaves: Antropologia. Etnografia. Estruturalismo. Neonazismo. Identidade. Ciberespaço.

Downloads 663  663  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000419685&fd=y
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Matar-se em nome de Deus?: uma análise do suicídio praticado pelos homens e mulheres bombas no Islam Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
CAMARGO, Valéria Lúcia de

Esta dissertação tem como objetivo investigar o suicídio praticado por homens e mulheres bombas no âmbito do Islã, um fenômeno com características peculiares, aparentemente vinculado à religião, que vem se expandindo e levanta grandes sobressaltos no mundo inteiro, por ser considerado uma das armas mais cruéis e espetaculares do terrorismo atual. O foco principal do trabalho é a resenha e a análise de leituras desse tipo de suicídio realizadas por autores que não pertencem à realidade cultural do Islamismo. A pesquisa buscou apontar o estado atual desse fenômeno, apresentar as principais posições que sobre ele manifestam os autores estudados e indicar questões para o cientista da religião decorrentes das leituras. O estudo revelou tratar-se de um fenômeno extremamente complexo, sobre o qual os autores estabelecem múltiplas e divergentes caracterizações. A maior incidência é a de classificá-lo como terrorismo com preponderância da motivação religiosa, ou como expressão do fundamentalismo muçulmano.

Palavras-chave: Suicídio. Bomba Humana. Islamismo. Pós-modernidade. Religião

Downloads 647  647  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Domínio Píblico  Site http://www.dominiopublico.gov.br/pesquisa/DetalheObraForm.do?select_action=&co_obra=77788
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Organização e racionalidade: o caso da indústria da moda Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
JUSTINO, Vanessa Alves

Com base na Sociológica das organizações, analisou-se a indústria da moda e suas especificidades em relação a outros tipos de indústria. O foco de análise privilegia asdiscussões sobre a construção dos atores e os processos que explicam suas ações e decisões dentro do contexto organizacional. Constatou-se que na cadeia produtivada indústria da moda, o estilista configura-se como um ator estratégico. Embora sua imagem esteja relacionada a de um gênio criador livre e talentoso, como a de um artista descompromissado com a realidade, suas criações resultam, de fato, de sua capacidade para conciliar os fatores objetivos que constrangem suas criações, como as características do consumidor e da própria empresa, com o lado criativo do seu trabalho. Uma das peculiaridades da indústria da moda é o fator de incerteza e risco em que as decisões estão envolvidas, num setor onde a renovação é imperativa e deve ser uma constante.

Palavras-chave: Sociologia. Indústria. Indústria da moda. Moda. Consumo.

Downloads 630  630  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFMG  Site http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/handle/1843/VCSA-7Q2QGD
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!A Territorialidade da “Posse” na Luta pela Reforma Agrária_Os Acampamentos do MST em Iaras – SP Popular Versão: 
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
IHA, Monica Hashimoto

O presente estudo tem como objetivo apresentar a territorialidade dos acampamentos organizados pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra no Município de Iaras-SP, a partir da análise crítica do movimento social, buscando a gênese da concentração fundiária e dos sem-terra na formação territorial do País. A partir de 1995 o MST fez a sua primeira ocupação na região, realizando o assentamento Zumbi dos Palmares. Os demais acampamentos que se instalaram passaram por um longo período de espera, o que causou a saída de muitas pessoas, sendo necessário a criação de estratégias para a sobrevivência. O acampamento afirma a posse da terra em barracas de lona preta e, em alguns casos, realizando pequenos roçados e criação de animais. A organização dos acampamentos pelo MST é mantida por um conjunto de regras e disciplina o que contrasta com os valores e a vida anterior do acampado, o que provoca inúmeras contendas. A situação de acampado revela grande instabilidade, estando sujeito à violência dos grandes proprietários de terra, ao despejo e à estigmatização por ser sem-terra. Este estudo teve como metodologia de trabalho a pesquisa qualitativa, através de técnicas como: pequenas histórias de vida, relatos orais, entrevistas, questionários, observação participante e pesquisa nos arquivos de órgãos do Estado responsáveis pelo processo de reforma agrária (Incra e Itesp).

Downloads 625  625  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://www.unicamp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Aprendendo a ser a corporificaçăo da beleza: pesquisa com alunas de uma escola de modelos Popular Versão: pdf
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
RUGGI, Lennita Oliveira

Diz a lenda que todos querem ser modelos. Com base em pesquisa de campo realizada em uma escola de modelos de Curitiba e entrevistas semi-estruturadas com as alunas e profissionais da área, esta dissertação pretende explorar o que está embutido na lenda e em que consiste a profissão de modelo. Mercado vinculado à publicidade e restrito por definição, sua competitividade implícita garante a eficácia simbólica que legitima a alta estima própria daqueles que devem demonstrar exatamente isto. As técnicas corporais e os imperativos do campo constroem uma forma específica de subjetividade que enfatiza a individualidade e cria uma imagética de superioridade logo, desigualdade. As expectativas e a visibilidade que fazem parte do universo dos/as modelos recriam e reforçam performances de gênero. As diferenças entre as representações de modelos de masculinidade e feminilidade podem ser verificados no tocante à idade de ingresso, nos níveis de retificação estética exigidos e na expressividade dos corpos. Tanto o padrão histórico de beleza dos homens (apolíneo) é mais estável do que o das mulheres, como a linguagem corporal em uma passarela elabora o feminino como assimétrico. Por excelência não-argumentativo, o ofício de modelos dá origem a um discurso que não é por eles/as elaborado: “modelo é cabide”.

Downloads 623  623  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/7415
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!O Currículo de Formação de Soldados da Polícia Militar Frente às Demandas Democráticas Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
LUIZ, Ronilson de Souza

O trabalho focaliza o currículo prescrito para o Curso de Formação de Soldados da Polícia Militar do Estado de São Paulo, a partir de sua atual grade curricular, das situações e comportamentos observáveis e observados nas práticas estabelecidas por instrutores e monitores. Busca-se apontar caminhos para uma formação mais humanizada, democrática, participativa e dinâmica aos novos policias militares, formando um profissional que saiba atuar como negociador de conflitos. Privilegiou-se a abordagem metodológica qualitativa e a linha teórica foi fundamentada pelos estudos de Ludwig(1998), Saul (2000), Bobbio (2000), Torres (2001), dentre outros que discutem as temáticas de ensino militar, currículo, democracia e multiculturalismo. O caminho trilhado por esta pesquisa aponta para a necessidade de se assumir como prioritário às polícias uma formação mais apurada e constantes treinamentos. Um decálogo, ao final, indica os pontos que afloraram como conexões entre o currículo e as novas demandas. Os estudos revelaram ainda, que a sociedade cobra que o aparelho policial confira prioridade à prevenção, à mediação de conflitos, à investigação cientificamente orientada, sempre usando a força nos limites estritos da legalidade.

Palavras-chave: Não informado

Downloads 608  608  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUCSP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!A cultura do Fandango no litoral do Paraná e suas relações entre trabalho, cultura popular e lazer n Popular Versão: 
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
OLIVEIRA, Rogerio Massarotto

O problema de pesquisa, ora em evidência, foi elaborado a partir da questão de partida, sobre quais as possíveis relações entre a cultura do fandango enquanto manifestação da cultura popular e os mundos do trabalho e do lazer para seus praticantes, no litoral do Estado do Paraná. Dessa forma, diz respeito mais profundamente, à complexa, rica e contraditória cultura do fandango, enquanto manifestação da cultura popular, tratando-se de um recorte sobre as possíveis aproximações entre trabalho, cultura popular e lazer.

Palavras-chave: Trabalho. Cultura popular. Lazer.

Downloads 607  607  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFSC  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 (16) 17 18 19 20 »