Educadores

Ínicio : Educação Fisica : Monografias : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!Ti-bum: mergulhando na corporeidade e ludicidade à luz da Educação Física infantil Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
GROSS, Daniele Gonçalves

Neste trabalho foram construídas discussões a cerca de Corporeidade, Ludicidade na Educação Física Infantil. Nesse sentido o objetivo de nosso estudo foi analisar a prática de intervenção do professor, a valorização da ludicidade e da corporeidade da criança no processo de ensino-aprendizagem no âmbito da Educação Física Infantil. Indagamos, a metodologia de ensino utilizada por professores da Educação Infantil, o discurso dos professores de Educação Física a fim de saber se estes utilizaram no período de sua formação profissional contato com a discussão da corporeidade e ludicidade, observamos e entrevistamos professores e coordenadores pedagógicos de três escolas da rede privada de ensino do município de Gurupi-To.

Palavras-chave: Corporeidade. Ludicidade. Formação Profissional. Educação Física Infantil.

Downloads 12447  12447  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Faculdade UNIRG, Gurupi, 2007  Site http://www.boletimef.org
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!O deficiente visual: considerações acerca da prática da Educação Física escolar na educação inclusi Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
KYRILLOS, Michel Habib Monteiro

Estamos vivendo uma nova fase da educação. e hoje, mais do que nunca, o portador de necessidade educativa especial(ou deficiência) tem finalmente a garantia do seu direito constitucional ao acesso à educação, saúde e moradia. Isto devido a várias leis e decretos-lei em favor à pessoas portadoras de deficiências como, por exemplo a lei 9394/96, LDBN, a lei 7853/89 ,política de integração da pessoa portadora de deficiência, a lei 10098/00, que estabelece normas gerais à acessibilidade das pessoas portadoras com deficiência ou com mobilidade reduzida, e outras leis, decretos , portarias que foram regulamentadas pelos governos federal, estaduais ou municipais nos últimos 20 anos em favor ao portador de necessidade educativa especial.

Para se realizar a inclusão de portadores de necessidade educativa especial não é somente colocá-lo numa classe regular. Na inclusão, o portador de necessidade educativa especial não irá adaptar-se a escola, e sim, a escola lhe trará condições pedagógicas e estruturais para que ele a freqüente. Infelizmente , nossa sociedade é muito excludente. Assim, para que a inclusão se concretize numa escola, deve haver uma conscientização bem ampla com as outras crianças, a famílias destas, e também , o conhecimento da deficiência daquela criança a ser incluída na escola, no caso, a criança cega.

Este trabalho está dividido da seguinte forma: no primeiro capítulo faremos uma introdução de como a Educação Física poderia ser realizada na escola num modelo de inclusão. No 2º, iremos conhecer um pouco sobre os outros portadores de deficiência, como também o deficiente visual. Neste capítulo, colocaremos algumas dicas de como lidar com eles na escola, na sociedade e no dia-a-dia. No último, entraremos no estudo do desenvolvimento psicomotor do deficiente visual e como este deficiente visual é inserido numa escola inclusiva e suas dificuldades, estando esta junto com outros alunos videntes.



Downloads 11429  11429  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Candido Mendes, Rio de Janeiro, 2005.  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!Triathlon: história, variáveis antropométricas e fisiológicas Popular Versão: 
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
Ferreira, Joel Carlos Valcanaia

O presente estudo fez um levantamento da história que envolve essa modalidade, além de identificar na literatura estudos que pudessem estabelecer uma relação das variáveis antropométricas com a variável fisiológica lactato, e sua identificação como ferramenta auxiliar na avaliação e prescrição de treinamento.

Downloads 10831  10831  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, Campo   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!Análise das sessões de treinamento de futebol entre categorias de base e escolinhas Popular Versão: Pdf
Atualização:  17/5/2012
Descrição:
CASARIN, Rodrigo Vicenzi; CELLA, Marcos Teonisto

Este estudo teve como objetivo analisar os conteúdos das sessões de treinamentos de futebol da categoria de base de um clube profissional e de uma escolinha na categoria sub-15. O estudo caracterizou-se por uma pesquisa descritivo-exploratória. Utilizou-se a técnica de observação sistemática e direta das sessões de treinamento com o emprego de filmadora e posterior transcrição dos dados em fichas de observação, bem como um questionário como instrumentos de coleta de dados. Participaram deste estudo, praticantes de futebol do gênero masculino em categoria de base e em escolinha pertencentes a categoria sub-15, sendo uma categoria de base de um clube de futebol profissional da cidade de Florianópolis e uma escolinha da fundação municipal de esportes da cidade de Pinhalzinho, ambos de Santa Catarina, bem como os respectivos treinadores. Os resultados obtidos indicam que o tempo total de treinamento da categoria de base (858’) foi maior que o tempo total de treinamento da escolinha (642’). Verificou-se ainda que os treinadores ocupam a maior parte do tempo geral com o jogo propriamente dito. Percebeu-se uma ênfase maior no treinamento físico (180’) por parte da categoria de base, enquanto a escolinha preferenciou o treinamento de combinação dos fundamentos (105’). Os exercícios do complexo de Jogo I, ou seja, situações de jogo, enfocando aspectos técnico-táticos, foram realizados 5 vezes na equipe da categoria de base. Já na equipe da escolinha, foram identificadas 6 situações. Ficou evidente que na categoria de base foram trabalhados com maior ênfase os exercícios de complexo de jogo II (50’). Ao analisarmos os dados obtidos na observação dos treinamentos, é importante considerarmos os objetivos distintos de cada equipe. Ficou clara a maior cobrança por resultados e maior preocupação com o rendimento da categoria de base, num período de jogos decisivos do campeonato estadual, enquanto a escolinha realizava seus treinamentos sem mais perspectivas de competições formais para o ano. Os resultados obtidos revelam aspectos importantes sobre as metodologias do ensino e do treinamento da modalidade de futebol. Procurou-se evidenciar nesse trabalho, uma reflexão crítica, contribuindo para a evolução do ensino-aprendizagem-treinamento do futebol, possibilitando um aprofundamento dos profissionais envolvidos nesse processo. Entendemos que nossas constatações não resolverão todos os problemas que envolvem o treinamento, mas acreditamos que este estudo possa contribuir para a evolução do futebol, bem como servir de referencia para outras investigações.

Palavras-chave: Futebol. Escolinha. Categoria de Base.

Downloads 10599  10599  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade do Oeste de Santa, Xanxerê  Site http://www.boletimef.org/biblioteca/2735/Treinamento-de-futebol-em-categorias-de-base-e-escolinhas
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!A Influência do Karatê na Concentração das Crianças Popular Versão: PDF
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
JUNIOR MACARI, Roberto

Os pais constantemente se preocupam com o futuro de seus filhos, tanto na vida profissional, social e escolar. O esporte é uma das formas utilizadas no horário extraclasse para ocupar o tempo livre das crianças com atividades produtivas e construtivas. O karatê é uma arte marcial que apresenta além da parte técnica bem diversificada, um caráter filosófico e doutrinário. Características que podem agregar muito na formação pessoal e social das crianças. Muitos professores que atuam nas escolas reclamam da falta de concentração das crianças, o que acaba interferindo no trabalho do professor e principalmente no desempenho escolar das próprias crianças. Essa área está extremamente ligada à psicologia e a pedagogia. Analisando estes aspectos, este estudo propõe verificar se o karatê influência na concentração das crianças. O intuito dessa pesquisa é abrir uma nova opção na melhoria da concentração das crianças, conseqüentemente possibilitando um espaço para a educação física atuar nessa área. Esse estudo foi realizado na cidade de Francisco Beltrão-Pr, onde 12 crianças, sendo seis praticantes de karatê e outras seis não praticantes, se submeteram a um teste de Atenção Concentrada para verificar a qualidade de sua concentração. O estudo também comportou uma análise documental dos boletins escolares das 12 crianças, para verificar se o desempenho escolar também sofre melhoras com a prática do karatê. Os resultados atingidos foram satisfatórios, sendo que as crianças que treinam karatê tiveram qualidade superior considerável em relação às crianças que não treinam. Nas duas amostras, obteve-se como resultado dominante a média, mas com diferença a maior no percentil das crianças praticantes de karatê. Com relação ao boletim escolar, algumas variáveis que não estavam previstas no estudo interferiram na maneira de analisar os documentos. Mesmo assim, a análise foi realizada, e os resultados nela adquiridos proporcionaram o alcance aos objetivos propostos.

Palavras-chave: Karatê, concentração, crianças.

Downloads 10496  10496  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!Educação Física Escolar como contribuição para prevenção de problemas na coluna vertebral Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
BARBOSA, Lydia Maria Furtado de Mendonça Guerreiro

Há um relativo consenso de que os problemas posturais em crianças e adolescentes na fase escolar estão se tornando um problema de saúde pública para o país. Dentre os problemas posturais mais frequentes encontram-se os relacionados às alterações da coluna vertebral sendo a hiperlordose, a hipercifose e a escoliose, as de maior incidência. O ambiente escolar parece exercer influência, assim como os hábitos posturais inadequados dos alunos. A falta de conhecimento dos pais ou responsáveis sobre postura e a ausência de um trabalho preventivo postural no âmbito escolar tendem a caracterizar o desconhecimento da sociedade diante da importância da prevenção precoce de problemas posturais o que pode acabar contribuindo com o aparecimento de alterações dessa ordem. Frente a esse contexto, sugere-se à Educação Física Escolar e ao profissional da área um papel de extrema importância não só para esportes, competições e brincadeiras, mas para a educação postural, pondo em prática seus conhecimentos acadêmicos na área da saúde, da anatomia, da cinesiologia, da biomecânica, enfim dos conhecimentos sobre o corpo com o objetivo de prevenir seus alunos e conscientizá-los da importância da coluna vertebral e da educação
postural para sua vida, despertando o interesse por hábitos mais saudáveis no cotidiano. O objetivo do presente estudo é investigar a Educação Física Escolar no Ensino Fundamental como contribuição para a prevenção de problemas posturais da coluna vertebral.

Palavras-chave: Postura. Problemas posturais da coluna vertebral. Educação Física Escolar. Prevenção.

Downloads 10351  10351  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Biblioteca digital UNINOVE  Site http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/ea000832.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!Judô: da história à pedagogia do esporte Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
ARAÚJO, Rafael Vieira de

O presente trabalho busca analisar, verificar e traçar novos caminhos para o ensino-aprendizagem do judô, tendo como objeto de estudo o judô na formação humana. O interesse pelo tema partiu da minha experiência pessoal com este esporte antes e durante o estudo acadêmico. Na reflexão dialética-histórica-crítica do judô na sua realidade concreta verificou-se a necessidade de esboçar uma pedagogia que favoreça a unidade de ensino desta modalidade de forma a (re) significar o ensino-aprendizagem desta atividade humana na sua essência, ou seja, no seu aspecto histórico-filosófico, cultural, social e educacional, a fim de proporcionar uma práxis pedagógica adequada. Dentro dessa concepção viu-se a necessidade de não fragmentar o judô enfatizando somente a competição. Esta monografia vinculou-se ao Projeto de Pesquisa Pedagogia do Esporte: em busca de novos caminhos, elaborado, desenvolvido e contextualizado na Faculdade de Educação Física (FEF) Universidade Federal de Goiás (UFG).Tal projeto busca também uma nova significação de prática-pedagógica para o Esporte, ou seja, a formação humana, e uma metodologia de ensino para o Esporte por meio de jogos. Nessa perspectiva, elaboramos jogos para a iniciação esportiva do judô. Analizando a esportivização, a utilização do jogo como prática pedagógica e estratégia de ensino nas aulas e a importância do componente lúdico como eixo facilitador da aprendizagem dos fundamentos essenciais dessa modalidade de luta.



Downloads 9220  9220  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma  Universidade Estadual de Goiás, Goiânia, 2005  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!O ensino de Educação Física na educação de jovens e adultos, sob um olhar psicopedagógico Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
ARAÚJO, Rafael Vieira de

Este projeto monográfico teve o intuito de analisar com um olhar psicopedagógico, a realidade escolar da Educação de Jovens e Adultos destacando o processo de ensino-aprendizagem nas aulas de Educação Física. Três importantes áreas do conhecimento são abordadas nesse estudo, são elas: a psicopedagogia, a educação de jovens e adultos e a disciplina educação física, o que torna o presente trabalho relevante para a esfera educacional. Esta pesquisa apresenta discussões teóricas em relação à Psicopedagogia Institucional, dados levantados e analisados durante o estágio em relação as especificidades das aulas de educação física na Educação de Jovens e Adultos (EJA). Na análise diagnóstica psicopedagógica foi observada a postura do professor de educação física e de seus alunos, as relações de autoridade entre a equipe técnica e o professor da referida disciplina, os equívocos na percepção de alunos, professor e equipe técnica em relação à função da Educação Física e a complexidade dos conhecimentos dessa disciplina para o processo de formação humana. Dentro dessa realidade verificou-se que os conhecimentos da psicopedagogia podem trazer contribuições significativas, por meio da ação de profissionais comprometidos com a qualidade de um desenvolvimento global dos atores envolvidos com o processo ensino-aprendizagem, sendo eles: alunos, professores e funcionários da instituição educativa.


Downloads 8686  8686  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma  Universidade Estadual de Goiás, Goiânia, 2008  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!O trato com o conhecimento na Educação Física escolar: realidade e possibilidades Popular Versão: 
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
SILVEIRA, Bruno Victor Soledade; SOUZA, Moisés Martins.

O presente estudo analisa a realidade e as possibilidades superadoras no que se refere ao trato com o conhecimento exercido pelos professores de Educação Física das séries de ensino médio de uma escola pública da cidade de Belém. A pesquisa se apresenta através de uma abordagem qualitativa, tendo como base a teoria “Crítico-superadora” e as falas dos professores, sendo que essas falas foram coletadas através de uma entrevista semiestruturada, que posteriormente foram analisadas e confrontadas com a teoria em questão, buscando observar as contradições presentes entre a prática dos professores e a teoria pedagógica. Os resultados encontrados nos levaram a compreender que, ainda hoje, os conteúdos priorizados pelos professores em suas aulas continuam sendo as modalidades desportivas. Não identificamos a preocupação do professor em relacionar os conteúdos com a vida do aluno, impedindo-os de fazer uma reflexão sobre a realidade. A falta de material e espaço adequado para a prática da Educação Física, dificulta a ação do professor na tentativa de mudar sua prática atual. Em síntese, consideramos que essa prática efetivada pelos professores de Educação Física contribui para a transmissão dos ideais capitalistas, agindo de acordo com seus interesses e reproduzindo as desigualdades sociais que esse modo de produção gerou através dos anos, pois, sem que o aluno faça uma reflexão sobre sua realidade, se torna impossível a conscientização sobre os problemas sociais existentes nela, impedindo-os que encontrem soluções para esses problemas.

Palavras-chave: Educação Física. Escola. Sociedade.

Downloads 8038  8038  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade do Estado do Pará  Site http://
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Educação Fisica Monografias
Fazer Download agora!A recreação na educação especial infantil com o portador de Síndrome de Down: contextualizando o des Popular Versão: pdf
Atualização:  21/3/2012
Descrição:
SANTOS, Denise Guerra dos

Neste trabalho monográfico, propôs-se identificar as influências da Recreação para o desenvolvimento psicomotor da criança portadora de síndrome de Down, observadas a partir das aulas de Psicopedagogia e Educação Física no segmento da Educação Especial Infantil da APAE-RIO, devendo também contribuir para o aumento dos estudos sobre a criança portadora de síndrome de Down, a Recreação e a Psicomotricidade. Para a realização da investigação utilizou-se uma pesquisa exploratória com levantamento bibliográfico e estudo de caso, seguido de uma pesquisa descritiva com a aplicação de dois questionários e entrevistas. A fundamentação teórica norteadora baseou-se nas abordagens: psicomotora de Le Boulch (2001), Sócio construtivista a luz de Vygotsky (1994), e num coletivo sobre o ludus por Dumazedier (1980), Guerra (1996), Huizinga (1996) e Ferreira (2003). O primeiro questionário consta de oito perguntas abertas e uma fechada, e o segundo com quatro perguntas abertas. Baseado nas respostas à pesquisa verificou-se que não houve modificações em 100% das crianças quanto ao interesse nas atividades lúdicas, e o mesmo resultado se deu sobre o desenvolvimento da imagem corporal em ambos os setores. Foi observado que em 10% das crianças pesquisadas ocorreu pequeno progresso quanto às atividades que antes apresentavam mais dificuldades, inferindo-se a mesma proporção para a melhora no enfoque da autonomia. A Recreação comparece como mediadora e suporte para o desenvolvimento. O Espaço recreacional traduz elementos de confrontação da criança com sua cultura corporal, provendo a contextualização do desenvolvimento psicomotor. Este trabalho evidenciou ainda que o tempo da pesquisa foi incipiente para a coleta de dados em se tratando de crianças que apresentam uma evolução mais lenta que as demais. Os alunos são mais estimulados pelas atividades que lhes oferecem liberdade, que valorize a espontaneidade e proporcionem desafios. A partir destes resultados sugeriu-se que a Recreação pelos benefícios mostrados carece de espaço físico e tempo maiores para as crianças. Por último recomendou-se aos futuros pesquisadores o investimento em um maior tempo para a coleta de dados, além de um aumento do grupo em estudo.

Palavras-chave: Psicomotricidade. Recreação. Educação Especial Infantil.


Downloads 7607  7607  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Estácio de Sá, Rio de Janeiro, 2004.  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 (3) 4 5 6 7 8 »