Educadores

Ínicio : Língua Portuguesa : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (15)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Notas (Do melhor para o pior avaliado)

Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!A produção do discurso lítero-musical brasil Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
COSTA, Nelson Barros da

Este trabalho pretende analisar a Música Popular Brasileira enquanto prática discursiva, tendo como base a orientação que Dominique Maingueneau propõe para a Análise do Discurso Francesa. Ele também lança mão de categorias procedentes das teorias das heterogeneidades discursivas (Jacqueline Authier-Revuz), do princípio dialógico (Mikhail Bakhtin) e da intertextualidade (Kristeva, Genette, sistematizada por Nathalie Piegay-Gros), perspectivas já integradas por Maingueneau no que ele denomina de “primado do interdiscurso”.

Downloads 2482  2482  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-SP   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Texto publicitário em evento de leitura: a ação reflexiva e crítica do professor Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
LEMOS, Vilma

Esta pesquisa se insere na área de Lingüística Aplicada à Educação. Enfatiza o papel do aluno e do educador sob o paradigma crítico em aulas de leitura de textos publicitários, tendo por pressupostos a indeterminação dos sentidos e a leitura como um processo de co-construção social no enfoque interacionista.

Palavras-chave: Professor crítico. Leitura. Co-construção de sentidos.

Downloads 4057  4057  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-SP   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Os professores diante de um novo trabalho com a leitura: modos de fazer semelhantes ou diferentes? Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
BUZZO, Marina Gonçalves

Esta pesquisa tem por objetivo mais amplo investigar as representações sobre o trabalho docente construídas em um texto oral produzido conjuntamente por duas professoras de língua portuguesa, após a realização de uma atividade específica de trabalho. Nela, investigamos se aparecem representações semelhantes ou diferentes nos turnos de cada uma delas e levantamos as características lingüístico-discursivas que contribuem para assinalar diferenças e semelhanças nos procedimentos didáticos. Por isso, evidenciamos os pressupostos teórico-metodológicos do interacionismo sociodiscursivo como fonte de referência maior (Bronckart, 1997/99; 2004c; 2006), associados aos aportes teóricos da Ergonomia da Atividade (Amigues, 2003 e 2004a; Saujat, 2002 e 2004a) e aos
aportes teórico-metodológicos da Clínica da Atividade (Faïta, 2004; Clot, 1999; 2004a) para o aprofundamento das questões ligadas ao trabalho educacional. Utilizamos para a complementação do modelo de análise dos dados, tal como sugerido por Bronckart (1997/99; 2004c; 2006) e reformulado por Machado (Machado, 2008/no prelo), alguns procedimentos de Kerbrat-Orecchioni (1990; 1996),
para a análise da conversação, e de Charaudeau (1992), para a análise das comparações.

Palavras-Chaves: Autoconfrontação cruzada.Interacionismo sociodiscursivo. Trabalho do professor. Diário de leitura. Comparações.

Downloads 1497  1497  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Puc - SP  Site http://www.pucsp.br/pos/lael/lael-inf/def_teses.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Sintaxe da enunciação: noção mediadora para reconhecimento de uma linguística da enunciação Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
LICHTENBERG, Sônia

Neste trabalho, estuda-se a sintaxe da enunciação, definida como atividade dos sujeitos com e na língua, exigência da promoção de sentido, com a finalidade de comprovar que a obra de Benveniste, constante em Problemas de Linguística Geral I e em Problemas de Lingüística Geral II, constitui uma unidade. Considerando-se o conjunto de textos em que são apresentados aspectos teóricos e o conjunto de textos que trata de descrições de fatos de língua, verificam-se inter-relações entre teoria e prática, as quais se resumem em três princípios: a) língua é intersubjetiva; b) a língua tem como unidade a frase; c) a língua é um sistema de signos referenciais. A partir da verificação destes princípios, afirma-se que os estudos realizados por Benveniste constituem uma lingüística, a Linguística da Enunciação.

Palavras-chave: Língua portuguesa. Linguística da enunciação. Sintaxe. Teoria da enunciação.

Downloads 552  552  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Manuel Bandeira : "tão Brasil"  Popular Versão: 
Atualização:  2/4/2012
Descrição:
JARDIM, Mara Ferreira

Esta tese investiga a presença do humor e a melancolia na obra poética de Manuel Bandeira (1886-1968), especialmente no livro Libertinagem (1930), como traços formadores de uma identidade nacional. O trabalho tem como ponto de partida as discussões sobre a identidade nacional e a presença do tema na literatura brasileira, dos seus primórdios até a eclosão, no início do século XX, do projeto modernista de construir a difícil definição do que é ser brasileiro. Entre os diversos autores consultados para fundamentação dos estudos sobre identidade nacional, destaca-se Gilberto Freyre, cuja obra Casa Grande & Senzala permite estabelecer relações com a visão de Brasil que emerge da poesia de Manuel Bandeira. Sergio Buarque de Holanda, Wilson Martins, Antônio Cândido, Alfredo Bosi, Roberto DaMatta e Paulo Prado são importantes no desenvolvimento da questão. Examina-se também como a questão da identidade nacional está representada na literatura brasileira, da Carta de Pero Vaz de Caminha até o movimento modernista. Para analisar os temas do riso e da melancolia em obras literárias produzidas no Brasil, toma-se como fundamento as teorias desenvolvidas por Aristóteles, Bergson, Propp, Schlegel, Freud, Muecke, Prada e Bakhtin, entre outros. Por fim, é realizada uma análise detalhada de poemas selecionados, destacando a existência de uma “ironia melancólica” que caracteriza a obra de Bandeira e, ao mesmo tempo, confere-lhe um toque de brasilidade, buscado pelos poetas do Modernismo e inequivocamente presente na obra Libertinagem e em outras compostas antes e depois dela.

Downloads 546  546  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Programa de Pós-Graduação em Letras  Site http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/11149
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Trajetorias de consagração: discursoss da critica sobre o romance no Brasil oitocentista  Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
AUGUSTI, Valéria

Esta tese teve por objetivo refletir sobre o processo de consagração do romance no Brasil ao longo do século XIX. Partiu da constatação de que a inclusão do gênero ao patrimônio literário nacional não foi um dado a priori, mas sim resultado de um longo e complexo processo de construção histórica, já que o romance esteve ausente nas primeiras antologias responsáveis por fundar a literatura nacional, publicadas entre as décadas de 1830 e 1850. Tendo isto em vista, buscou-se percorrer os discursos críticos sobre o gênero em formas editoriais de grande poder consagrador, como aquelas destinadas ao sistema escolar (histórias literárias, cursos de literatura, antologias e tratados de retórica), bem como na imprensa periódica, onde foi alvo constante de atenção da crítica

Palavras-chave: Ficção brasileira. Antologias. Literatura - Historia e critica. Imprensa. Retórica.

Downloads 370  370  Tamanho do arquivo 739 bytes  Plataforma Universidade Estadual de Campinas . Instituto de E  Site http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000379054&fd=y
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Festa e la cruz del Sur memórias críticas e literárias em diálogo Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CASTRO, Marilda de Souza

Este estudo apresenta, como proposta básica, a análise da revista brasileira Festa e da revista uruguaia La Cruz del Sur, focalizando a produção crítica e literária nelas publicada. Ao escolher, como objeto de pesquisa, duas revistas especializadas, sendo uma brasileira e outra uruguaia, meu intuito é verificar o diálogo ocorrido entre intelectuais dos dois países que se encontra inscrito nas páginas de ambas as revistas. Inserindo Festa no contexto do Modernismo brasileiro, pretendo assinalar a divergência de atitudes ante as propostas de renovação observadas nos integrantes do grupo de Festa e nos reformistas de São Paulo. Vou destacar, sobretudo, a divergência de base que se refere à maneira de considerar o passado. Destacarei a narrativa de Adelino Magalhães, ressaltando os traços inovadores nela existentes.
Farei referência à troca de correspondência ocorrida entre intelectuais dos dois países, ressaltando o enriquecimento que decorre desse intercâmbio cultural.
Por fim, assinalarei a abertura da crítica literária contemporânea para a pesquisa de manuscritos e demais fontes primárias, material que representa o guardião da memória de uma cultura.

Palavras-chave: Festa. La Cruz del Sur. Modernismo. Adelino Magalhães. Memória.

Downloads 564  564  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma http://www.ufmg.br/  Site http://www.ufmg.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!A presença de Carlos Drummond de Andrade em Portugal Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CAMPOS, Maria do Carmo Alves de

Este estudo pretendeu “ler” Carlos Drummond de Andrade num outro contexto cultural, procurando avaliar, através dessa “leitura”, a recepção de sua obra para além do cenário crítico-literário brasileiro. Desse modo, buscou-se novas perspectivas para a interpretação da poética de um dos autores mais representativos da poesia brasileira do século XX. A intenção foi verificar como o poeta tem sido acolhido pelo público, pelos seus pares e pela crítica portuguesa especializada, bem como a atenção que tem merecido da imprensa lusitana em geral, além de procurar averiguar o espaço editorial conferido à sua obra em Portugal. Acreditando, contudo, que o exame da recepção da obra de Drummond em Portugal não deve se contentar somente com as referências a seu nome nos discursos críticos, geralmente oriundos dos meios acadêmicos, tentou-se pensar também acerca de sua presença em outras esferas culturais, como nas obras de ficção, sobretudo as de poesia, a partir do diálogo estabelecido com alguns poetas portugueses do século XX. Nesse sentido, achou-se válido analisar, por outro lado, também a presença de Drummond em Portugal, a partir dos reflexos mais visíveis de Camões e Fernando Pessoa em sua obra.

Palavras-chave: Andrade. Carlos Drummond de. 1902-1987.Crítica e interpretação. Poesia. Portugal.

Downloads 1438  1438  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Institu  Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Forças motrizes de uma contística pré-modernista : o papel da tradução na obra ficcional de Monteiro Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
BECKER, Elizamari Rodrigues

Este estudo objetiva analisar três forças motrizes que muito influenciaram a escritura de Monteiro Lobato: o conto, a tradução e a ideologia humanista. Conhecido por sua literatura infantil, pouco se estudou sobre sua obra adulta e menos ainda sobre sua profícua atividade tradutória. Como contista, Lobato pode ser dito – ao lado de Machado de Assis – um dos grandes incentivadores do conto, resgatando-o de sua posição marginal e elevando-o à categoria de gênero literário em uma época geralmente negligenciada pela crítica – sua produção anterior à Semana de Arte Moderna (1922) –, alcançando seu público através de estratégias de marketing inovadoras e, portanto, formando um novo público leitor brasileiro. Seus ideais nacionalistas e suas crenças ideológicas estão presentes em tudo o quanto escreveu, proporcionando ao leitor do século XXI um claro panorama de sua época. O humanismo é, se não a mais visível ideologia em sua obra, a que gerou maior conflito, sobretudo em contraste com sua formação cristã e seu refinado tom pessimista. Tendo traduzido mais de cem livros, Lobato contribuiu indiscutivelmente tanto para a circulação, quanto para a edição de obras traduzidas – inglesas e norteamericanas em sua maioria –, enriquecendo, dessa forma, nosso polissistema literário e promovendo uma sensível mudança no status da tradução, marginal e secundária na época. Ele consciente e cuidadosamente escolhia o que traduzia com o intuito de alcançar um objetivo: dar ao público leitor brasileiro – especialmente ao infantil – literatura estrangeira de qualidade. Segundo ele, Kipling estava arrolado entre os “sumos” contistas, o que o levou a traduzir e publicar suas obras, experiência que resultou tanto na apropriação, quanto na expropriação daqueles textos, o que pode ser facilmente verificado por qualquer leitor atento tanto da contística, como do epistolário de Lobato, nas muitas estratégias por ele empregadas: empréstimos, invocações de personagens, reconstrução de histórias e imagens das narrativas de Kipling.

Palavras-chave: Conto. Kipling. Rudyard. 1865-1936. Literatura comparada. Lobato. José Bento Monteiro. 1882-1948.

Downloads 1459  1459  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Institu  Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Traduzindo a alteridade : a questão da identidade nacional em Eduardo Acevedo Díaz e Euclides da Cun Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
GOMES, Mitizi de Miranda

A presente tese intitulada "Traduzindo a Alteridade: a questão da identidade nacional em Eduardo Acevedo Díaz e Euclides da Cunha" tem como objetivo analisar a construção dos arquétipos nos textos "Ismael" e "Os Sertões" e de como tais tipos colaboraram para a construção do conceito de nação nas obras em questão, bem como analisar a utilização da imagem do outro nessa mesma construção. Com base na Literatura Comparada, nos Estudos de Tradução, na Teoria da Literatura e em outras áreas do conhecimento, foi possível constatar que os autores uruguaio e brasileiro se valeram da obra "Facundo: civilização e barbárie no pampa argentino", de Domingo Faustino Sarmiento, para comporem suas obras, ainda que distantes temporalmente e com visões diferentes. Esse movimento mostra que as produções literárias latino-americanas possuem uma ligação porque igualmente registraram os tipos presentes no lugar e o próprio lugar em que habitavam, colaborando, assim, para a construção do sistema literário latino-americano, visto que, em alguns casos, esses arquétipos eram comuns entre os diferentes países. A convergência desses arquétipos, como o gaúcho/gaúcho do pampa do Rio Grande do Sul do Brasil, do Uruguai e da Argentina, demonstra que a cultura ultrapassa fronteiras políticas, e corrobora a ideia de Ángel Rama acerca da existência da comarca cultural. No caso do arquétipo do sertanejo, fundamentado por Euclides da Cunha, não há um correspondente nas demais produções em questão, principalmente porque sua identidade está impregnada de cor local, cujas particularidades não são compartilhadas pelos demais países. A convergência ou divergência das características de cada tipo local interfere na produção das traduções, uma vez que, quando dessemelhantes, a visibilidade do tradutor é necessária e sua interferência acontece no sentido de aproximar o diferente da cultura-alvo. Também os Estudos de Tradução e as análises tradutórias colaboraram igualmente para que as investigações acerca das obras evoluíssem no sentido de estudarmos como se deu, na escrita dos autores e dos tradutores, a consciência do outro no processo de construção do eu nacional.

Palavras-chave: Literatura Comparada. Estudos de Tradução. Identidade. Alteridade. Eduardo Acevedo Díaz. Euclides da Cunha.

Downloads 1356  1356  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Institu  Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 (4) 5 »