Educadores

Ínicio : Física : Artigos : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do menos para o mais procurado)

Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Metáforas na Física Popular Versão: pdf
Atualização:  28/5/2013
Descrição:
ARRUDA, Sergio M.

A interpretação de uma teoria física: regras semânticas ou
semelhanças de família?
É razoavelmente difundida no meio científico a idéia de que o discurso científico, por estar comprometido com a descrição objetiva da realidade, deve tanto quanto possível ser claro, construído a partir de termos com significado preciso e estável. Não deve haver lugar na linguagem científica para as ambigüidades provenientes do uso de metáforas, alegorias e outras figuras características da linguagem comum e poética.

Palavras-chave: Einstein, efeito fotoelétrico, radiação, Teoria Quântica.

Downloads 481  481  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Cad.Cat.Ens.Fís., Florianópolis, v.10,n.1: p.25-37  Site http://www.fsc.ufsc.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Uma revisão sobre aspectos fundamentais da teoria de Piaget: possíveis implicações para o ensino de  Popular Versão: pdf
Atualização:  27/3/2012
Descrição:
GOMES, Luciano Carvalhais; BELLINI, Luzia Marta

Este artigo tem como objetivo mostrar as implicações do empirismo, inatismo e construtivismo no processo ensino-aprendizagem de física. Para tanto, são apresentadas algumas reflexões sobre o conceito de epistemologia e as diferentes formas de entender a origem do conhecimento, incluindo alguns pontos fundamentais da teoria construtivista de Piaget, a saber: assimilação, acomodação, interacionismo, equilibração e adaptação. Conclui-se que a teoria piagetiana do conhecimento é uma teoria com fortes argumentos para subsidiar a prática pedagógica de professores de física.

Palavras-chave: ensino de física, epistemologia, empirismo, inatismo e construtivismo.

Downloads 483  483  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Rev. Bras. Ensino Fís., v. 31, n. 2, 2009  Site http://www.scielo.br/pdf/rbef/v31n2/02.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!O perfil epistemológico do conceito de tempo a partir de sua representação social  Popular Versão: pdf
Atualização:  27/3/2012
Descrição:
SILVA JÚNIOR, Adahir Gonzaga da; TENÓRIO, Alexandro Cardoso; BASTOS, Heloisa Flora Brasil Nóbrega

O objetivo deste trabalho é identificar o Perfil Epistemológico da Representação Social sobre o conceito de tempo de licenciandos da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE). Com relação ao Perfil, utilizamos a teoria de Bachelard e a epistemologia do tempo de Martins, enquanto na Representação Social foi usada a teoria de Moscovici. A metodologia utilizada neste trabalho foi baseada na Teoria do Núcleo Central de Abric. A análise do material permitiu apontar as características mais marcantes do núcleo central do perfil epistemológico do conceito de tempo, a partir da representação social dos licenciandos, em que percebemos indicativos do realismo ingênuo ao empirismo.

Palavras-chave: Perfil epistemológico. Representação social do tempo.

Downloads 491  491  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Rev. Bras. de Pesq. em Educ. em Ciênc., V. 9, N. 2  Site http://www.portal.fae.ufmg.br/seer/index.php/ensaio/article/view/128
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Alfabetização Científico-Tecnológica Para Quê? Popular Versão: 
Atualização:  28/3/2012
Descrição:
AULER, Décio; DELIZOICOV, Demétrio

A Alfabetização Científico-Tecnológica (ACT), cada vez mais, tem sido postulada enquanto dimensão fundamental numa dinâmica social crescentemente relacionada ao desenvolvimento científico-tecnológico. Contudo, o rótulo ACT abarca um espectro bastante amplo de significados. Os objetivos balizadores são diversos e difusos. Neste trabalho, discute-se ACT segundo duas perspectivas, denominadas de reducionista e ampliada. A reducionista, em nossa análise, desconsidera a existência de construções subjacentes à produção do conhecimento científico-tecnológico, tal como aquela que leva a uma concepção de neutralidade da Ciência-Tecnologia. Relacionamos a esta compreensão de neutralidade os denominados mitos: superioridade do modelo de decisões tecnocráticas, perspectiva salvacionista da Ciência-Tecnologia e o determinismo tecnológico. A perspectiva ampliada, proposta neste trabalho, busca a compreensão das interações entre Ciência-Tecnologia-Sociedade (CTS), associando o ensino de conceitos à problematização desses mitos.

Palavras chave: Alfabetização Científico-Tecnológica. Ciência-Tecnologia. Sociedade.

Downloads 492  492  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Ensaio - Volume 03 / Número 1 – Jun. 2001  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Equilíbrio no espaço: experimentação e modelagem matemática Popular Versão: pdf
Atualização:  23/4/2013
Descrição:
BORGES, P.A. Pereira; TONIAZZO, N.A.; SILVA, J.C. da

A elaboração e realização de experimentos, associadas à interpretação dos resultados, construção e aplicação de conceitos e uso de recursos da informática, constituem uma opção metodológica desafiadora no ensino de física dos dias atuais, considerando as necessidades de conhecimento, habilidades e criatividade que as novas gerações devem ter para enfrentar os problemas científicos e tecnológicos. Este trabalho tem como objetivos apresentar o problema de cálculo das forças atuantes em cabos e hastes que sustentam massas no espaço, desenvolver um modelo matemático geral, como um estudo de modelagem fortemente integrador dos conteúdos das disciplinas de Mecânica Geral, Álgebra Linear e Cálculo Numérico de cursos de engenharia, física ou matemática. O modelo foi testado com verificação experimental para várias situações, sendo três delas descritas no artigo: casos simétrico e assimétrico com forças de tração e um caso assimétrico com força de compressão. Foi realizada a análise de incerteza das medidas de comprimento dos cabos e posicionamento dos apoios. O trabalho evidenciou a riqueza de situações de aprendizagem e aplicação de conceitos, técnicas de tratamento de dados de medida e desafios matemáticos, ao associar ações teóricas e experimentais para a validação do modelo, além de apresentar outras investigações relacionadas com o tema abordado.

Palavras-chave: mecânica, ensino de física, experimentação, tecnologia e ensino.

Downloads 502  502  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 31, n.   Site http://www.scielo.br/pdf/rbef/v31n2/10.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Discutindo Modelos de Visão Utilizando a História da Ciência Popular Versão: 
Atualização:  27/3/2012
Descrição:
SILVA, Boniek Venceslau da Cruz
Embora perguntar o porquê enxergamos um objeto venha a nos parecer uma pergunta tão trivial, em determinadas situações é bastante comum as explicações advindas do público escolarizada ou não serem totalmente contraditórios a explicação científica atual. Em alguns casos, as respostas dadas, por exemplo, em sala de aula, são encaradas como erros grosseiros, sendo repelidos e rechaçados pelos professores de ciências. O objetivo deste trabalho é mostrar que, em muitas situações, existe uma correlação entre os erros apresentados pelos alunos em sala de aula com modelos desenvolvidos por cientistas em épocas passadas. Portanto, ciente desta correlação, o docente poderá desenvolver práticas que aproximem às respostas dos alunos a explicação científica atual. Objetivamos mostrar uma possibilidade de se trabalhar um conceito científico bastante discutido, tomando como ponto de partida a vivência dos alunos.

Palavras-chave: História da Ciência. Óptica. Modelos de visão. Ensino de Física.

Downloads 508  508  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Holos, Ano 25, Vol. 3 - 2009  Site http://www2.ifrn.edu.br/ojs/index.php/HOLOS/index
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Simulação computacional e maquetes na aprendizagem de circuitos elétricos: um olhar sobre a sala de  Popular Versão: pdf
Atualização:  10/5/2012
Descrição:
REBELLO, Ana Paula; RAMOS, Maurivan Güntzel

O artigo apresenta um relato de investigação sobre o processo de aprendizagem de circuitos elétricos, no Ensino Médio, contando, principalmente, com o auxílio de simulação computacional e de maquetes. Para avaliar a aprendizagem foram comparados desempenhos dos alunos em testes aplicados antes e depois das atividades e para compreender o processo vivenciado pelos alunos foram realizadas entrevistas. Os resultados quantitativos mostram que a aprendizagem dos alunos foi significativa e a análise qualitativa das entrevistas permite compreender os motivos dessa diferença, de modo que uma análise serve para potencializar a outra.

Palavras-chave: Ensino de Física. Circuitos elétricos. Maquetes. Recursos computacionais. Unidade de aprendizagem.

Downloads 516  516  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Experiências em Ensino de Ciências - V. 4, N. 1, 2  Site http://www.if.ufrgs.br/eenci/artigos/Artigo_ID70/v4_n1_a2009.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Apresentação e avaliação de material de sustentação e experimentação em ensino de Física Popular Versão: pdf
Atualização:  27/3/2012
Descrição:
LIMA, Valderez Marina do Rosário; HARRES, João Batista Siqueira; BORGES, Regina Maria Rabello; ROCHA FILHO, João Bernardes da

Este artigo descreve e avalia o uso de um conjunto didático modular não-comercial destinado ao ensino de Física, no Ensino Médio, desenvolvido tanto para sustentação de experimentos gerais quanto para aplicação exclusiva em certos experimentos próprios do ensino da Mecânica. O material foi avaliado em sala de aula, em um curso de Licenciatura em Física, por licenciandos que utilizaram o conjunto ao longo de seus estudos. O artigo apresenta os resultados da pesquisa, a partir da análise das respostas dos licenciandos a um questionário. Os resultados sugerem que o material se constitui em um bom incentivo à proposição de atividades de laboratório no ensino de Física porque facilita a realização de experimentos de Mecânica e também de outros tópicos que exigem meios de sustentação. Os estudantes também assinalaram que o conjunto confere praticidade e ludicidade à experimentação, é de utilização simples e de fácil reprodução, sendo disseminado de forma livre, permitindo que professor e escola evitem os custos elevados de produtos comerciais destinados ao mesmo fim.

Palavras-chave: ensino de Física, experimentação, material de sustentação.

Downloads 517  517  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Experiências em Ensino de Ciências - V. 4, N. 1, 2  Site http://www.if.ufrgs.br/eenci/artigos/Artigo_ID69/v4_n1_a2009.pdf
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!A física clássica de cabeça para baixo: como Einstein descobriu a teoria da relatividade especial Popular Versão: 
Atualização:  19/4/2013
Descrição:
Renn, Jurgen
Albert Einstein por duas vezes alterou de maneira profunda nossos conceitos de espaço e tempo com a sua teoria da relatividade: primeiro no âmbito da teoria especial de 1905 e depois com a teoria geral de 1915. Como
foi o jovem Albert Einstein capaz de dar início a esta revolução?

Palavras-chave: história da física, teoria da relatividade.

Downloads 518  518  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Física Artigos
Fazer Download agora!Abordando o conceito de física quântica no ensino médio Popular Versão: pdf
Atualização:  22/4/2013
Descrição:
IRAMAIA, Jorge Cabral de Paulo; MOREIRA, Marco Antônio.

A componente experimental do trabalho foi realizada em duas escolas de Ensino Médio da rede particular da cidade de Cuiabá, Brasil, envolvendo cerca 100 alunos, para os quais foram ministrados conteúdos sobre os conceitos fundamentais da MQ na Interpretação de Copenhagen (não determinismo e complementaridade), sendo que, numa das escolas, isso ocorreu após o ensino do tópico “ondulatória”, na perspectiva do ensino da Física Clássica, e na outra escola, antes do ensino deste tópico. Os instrumentos utilizados na avaliação da aprendizagem dos alunos, foram avaliações escritas com questões objetivas e questões abertas. Os dados obtidos foram interpretados através de análise fenomenográfica. Os resultados obtidos indicam que os alunos não apresentaram dificuldades em aprender os conceitos quânticos abordados que sejam maiores que as dificuldades em aprender conceitos clássicos. Foram também identificadas algumas concepções com relação aos conceitos de complementaridade e não determinismo que podem fornecer subsídios sobre como os aprendizes constróem uma aprendizagem potencialmente significativa sobre os conceitos fundamentais da MQ.

Palavras-chave: Ensino de Mecânica Quântica no ensino médio, interpretação de Copenhagen, aprendizagem significativa crítica.

Downloads 520  520  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2) 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 »