Educadores

Ínicio : Ciências : Artigos : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!DST no âmbito da relação estável: análise cultural com base na perspectiva da mulher Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
SOUSA, Leilane Barbosa de; BARROSO, Maria Grasiela Teixeira.

O trabalho teve como objetivo analisar as significações da contaminação por DST para a mulher em união estável. Trata-se de uma pesquisa etnográfica, baseada na Teoria do Cuidado Cultural. Desenvolveu-se o estudo no Centro de Desenvolvimento Familiar (CEDEFAM) e no contexto familiar de sete mulheres, durante nove meses. Os resultados mostraram que o diagnóstico de DST influencia o comportamento sexual das mulheres. Em face disso, todavia, verificou-se que os homens parecem se comportar como coadjuvantes no processo e ainda consideram o problema como inerente apenas à parte feminina. Conclui-se que é imprescindível a abordagem da cultura nas ações de Educação em Saúde para a promoção da saúde sexual e reprodutiva do casal.

Palavras-chave: Doenças Sexualmente Transmissíveis. Saúde da Mulher. Enfermagem.

Downloads 227  227  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Esc Anna Nery Rev Enferm 2009 jan-mar; 13 (1): 123  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!O livro didático de ciências no ensino fundamental- proposta de critérios para análise do conteúdo z Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
VASCONCELOS, Simão Dias Vasconcelos; SOUTO, Emanuel

A crescente discussão sobre a qualidade dos livros didáticos tem provocado sensíveis alterações na produção editorial nos últimos anos. Apesar dos significativos avanços, uma considerável quantidade de professores ainda não tem acesso a instrumentos de análise de livros didáticos. Neste contexto, nós propomos uma série de critérios a serem utilizados por professores de ensino fundamental (6ª série) na escolha de seu livro de Ciências, tendo como modelo o conteúdo zoológico. Os seguintes tópicos foram considerados: conteúdo teórico, recursos visuais, atividades práticas e informações complementares. Pretende-se, com este trabalho, contribuir para o debate sobre a necessidade de um maior envolvimento dos professores no processo de escolha do livro.

Palavras-chave: Avaliação de livros. Ensino de ciências. Formação de professores. Ensino fundamental.

Downloads 226  226  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Ciência & Educação, v. 9, n. 1, p. 93-104, 2003  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Mitos da didática das ciências acerca dos motivos para incluir a natureza da ciência no ensino das c Popular Versão: 
Atualização:  2/3/2012
Descrição:
ACEVEDO, J. A.; Vázquez, A.; Paixão, M. F.; Acevedo, P.; Oliva J. M.; Manassero, M. A.

Em certas situações, a Didática das Ciências transmite como mitos algumas crenças que não estão suficientemente sustentadas pela investigação que ela própria produz. Este artigo mostra dois desses mitos relacionados com os motivos que se costumam apontar para incluir a Natureza da Ciência no ensino das ciências, como sejam a suposta relação entre a prática docente e as crenças sobre a Natureza da Ciência, e a crença de que a sua compreensão é um fator chave na hora de tomar melhores decisões cívicas em questões tecnocientíficas de interesse social. A análise que se apresenta realizou-se mediante a revisão de diversos resultados de investigações procedentes da própria Didática das Ciências e também da Psicologia das Decisões. A conclusão aponta para considerar que outros fatores influenciam mais, tornando muito menos lineares essas hipotéticas relações do que alguns especialistas pensam e mais complexa a problemática abordada.

Palavras-chave: Natureza da Ciência. Didática das Ciências. Ensino das ciências. Prática docente. Decisões tecnocientíficas.

Downloads 225  225  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Ciência & Educação, v. 11, n. 1, p. 1-15, 2005  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!O Problema do Ensino da Órbita da Terra Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
CANALLE, João Batista Garcia.

Este trabalho foi motivado pela reação inesperada de centenas de professores participantes da Olimpíada Brasileira de Astronomia (OBA), quando afirmamos no gabarito da IV OBA, realizada em 2001, que a órbita da Terra é quase um círculo. Neste trabalho desenhamos um conjunto de 14 elipses “de referência” com diferentes excentricidades para ilustrar o “achatamento” da órbita/elipse em função da excentricidade. Mostramos também a excentricidade das órbitas dos planetas, as evidências contra a alta excentricidade das órbitas dos planetas, como desenhar elipses com determinadas excentricidades e finalmente como determinar a excentricidade de elipses já desenhadas.

Palavras-chave: Órbita. Planetas. Terra.

Downloads 224  224  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma  Física na Escola, v. 4, n. 2, 2003  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Fotografando estrelas com uma câmera digital Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
OURIQUE, Pedro Antônio; GIOVANNINI, Odilon; CATELLIL, Francisco.

Diversas possibilidades de uso da câmera fotográfica digital no ensino de astronomia são apresentadas neste trabalho. As técnicas aqui descritas envolvem recursos acessíveis e de baixo custo quando comparados com equipamentos profissionais que são usados para este fim. Na primeira parte do trabalho são apresentadas configuracões da câmera que permitem obter imagens do céu noturno; na segunda parte são descritas estratégias didáticas de ensino de astronomia por meio destas imagens.

Palavras-chave: Ensino de astronomia. Câmera digital.

Downloads 223  223  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 32, n.   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Como Trabalhar com "Tirinhas" nas aulas de Física Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
PENA, Fábio Luís Alves.

Neste artigo é mostrado como uma nova forma de iteração com os alunos - as “Tirinhas da Física” - podem auxiliar o professor a melhor incentivar os alunos para discutir Ciência em sala de aula.

Palavras-chave: Aulas de Física. Ensino de Ciências.

Downloads 222  222  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Física na Escola, v. 4, n. 2, 2003  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Poesia na Aula de Ciências? Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
MOREIRA, Ildeu de Castro.

A interdisciplinaridade em sala de aula é um tema importante e que deve sempre ser explorado pelo professor. Neste artigo, mostra-se como Física e Literatura podem formar um belo dueto para tornar mais interessante a interação entre ambas.

Palavras-chave: Poesia. Aula de ciências. Interdisciplinaridade. Física. Literatura.

Downloads 218  218  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Física na Escola, v. 3, n. 1, 2002  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Prevenção de doenças sexualmente transmissíveis em mulheres: associação com variáveis sócio-econômic Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
JIMÉNEZ, Ana Luisa; GOTLIEB, Sabina Léa Davidson; HARDY, Ellen; ZANEVELD, Lourens J. D.

As doenças sexualmente transmissíveis (DST) têm sido debatidas no ambiente científico e nos meios de comunicação de massa, em especial, por sua associação a maior risco de infecção pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV ). Estudou-se a adoção de comportamentos por mulheres para proteção das DST, tal como a associação destes a variáveis sócio-econômicas e demográficas. Trata-se de estudo descritivo, com dados secundários de pesquisa feita em Campinas, São Paulo, na qual foram entrevistadas 635 mulheres selecionadas mediante a técnica de amostragem “bola de neve”. Foram classificadas em: adolescentes e adultas de status sócio-econômico médio-alto ou baixo. Grande proporção delas não se prevenia das DST, em particular, as de status baixo. Em todos os grupos, o condom masculino foi o método de prevenção mais referido. Houve associação negativa entre parceiro fixo e uso de condom, e a principal razão para não usá-lo foi “só ter um parceiro e confiar nele”. Em meio às adolescentes, ocorreu associação positiva entre escolaridade acima da oitava série e uso de condom, bem como negativa entre idade e uso desse método. Entre adultas o uso exclusivo de condom esteve, em geral, positivamente associado a status sócio-econômico.

Palavras-chave: Mulheres. Preservativo. Doenças Sexualmente Transmissíveis. Posição Sócio-econômica.

Downloads 213  213  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 17(1):55-62, j  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Fatores associados ao uso de preservativo masculino e ao conhecimento sobre DST/AIDS em adolescentes Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
MARTINS, Laura B. Motta; COSTA-PAIVA, Lúcia Helena S. da; OSIS, Maria José D.; SOUSA, Maria Helena de; PINTO-NETO, Aarão M.; TADINI, Valdir.

O objetivo é comparar o conhecimento sobre DST/AIDS e avaliar fatores associados ao conhecimento adequado e ao uso consistente do preservativo masculino, em adolescentes de escolas públicas e privadas do Município de São Paulo. Participaram 1.594 adolescentes entre 12 e 19 anos, de 13 escolas públicas e 5 privadas, que responderam um questionário sobre DST/AIDS e uso de preservativo. Calcularam-se as razões de prevalência com intervalo de confiança de 95%. O escore de conhecimento sobre DST teve o ponto de corte equivalendo a 50% de acerto. Os testes estatísticos foram qui-quadrado e Wilcoxon-Gehan. Realizou-se regressão múltipla de Poisson. O uso consistente de preservativo foi 60% nas escolas privadas e 57,1% nas públicas (p > 0,05) e esteve associado ao sexo masculino e menor nível sócio-econômico. O sexo feminino, maior escolaridade, escola privada, cor branca e estado marital solteiro associaram-se ao maior conhecimento sobre DST. Os adolescentes de escola pública e privada apresentam conhecimento adequado sobre prevenção de DST, entretanto esse conhecimento não determina adoção de atitudes efetivas de prevenção. Programas de conscientização sobre DST/AIDS devem ser ampliados visando minimizar as vulnerabilidades

Palavras-chave: Adolescente. Comportamento Sexual. Doenças Sexualmente Transmissíveis. Preservativos.

Downloads 212  212  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, 22(2):315-323,  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 (24)