Educadores

Ínicio : Pedagogia : Dissertações : Produções de Profissionais da Seed: Dissertações : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do menos para o mais procurado)

Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Formação pedagógica continuada no ensino superior: uma experiência de intervenção Popular Versão: PDF
Atualização:  21/6/2016
Descrição:
SARTORI, Glauber

A presente dissertação insere-e dentro da temática de formação pedagógica continuada no ensino superior e teve como problemática propor uma formação pedagógica continuada institucional em uma instituição pública de ensino superior do sudoeste do Paraná especializada na área tecnológica, que considerasse as características do seu corpo docente e a possível contribuição no processo de mudanças paradigmáticas na prática docente. Para tanto foi estabelecido como objetivo geral desenvolver um processo de formação pedagógica continuada no âmbito do ensino superior a partir das características dos professores que atuam numa instituição pública de ensino superior especializada na área tecnológica, analisando as necessidades levantadas tendo em vista a melhoria da qualidade da ação docente. Como objetivos específicos foram estabelecidos realizar uma pesquisa bibliográfica sobre práticas de formação continuada no ensino superior, pesquisar sobre o paradigma da complexidade para subsidiar a formação pedagógica continuada no ensino superior, proporcionar um curso de formação pedagógica continuada, levantar as contribuições dos atores envolvidos no processo de formação e apontar possíveis contribuições para a proposição de processos de formação pedagógica continuada na instituição. A fundamentação teórica do trabalho orientou-se pelo paradigma da complexidade na qual tomou-se como base os trabalhos de Morin (2000; 2011), Morin e Kern (2011), Moraes (2002; 2004; 2010), Demo (2002), Tescarolo (2005), Behrens (2008) entre outros. Para a discussão teórica sobre a formação pedagógica no ensino superior utilizou-se os autores Pimenta e Anastasiou(2002), Vasconcelos (2009), Moraes (2002), Anastasiou (2011), Behrens (2007; 2011) entre outros. O método escolhido para esse estudo foi a pesquisa qualitativa, tipo pesquisa-ação a qual orientou-se pelos estudos de Sandin Estevan (2010) e Thiollent (1996). A pesquisa foi dividida em quatro fases sendo que na primeira fase foi realizado um Estado da Arte sobre o tema formação pedagógica para a docência no ensino superior na plataforma da CAPES e um estudo documental sobre a formação pedagógica institucional. Na segunda fase foi realizada um planejamento e elaborado uma proposta de intervenção apresentada à instituição. Na terceira fase foi aplicado um curso de formação pedagógica voltado aos docentes que teve a participação de 20 professores. Na quarta fasefoi realizada uma avaliação e replanejamento do trabalho seguido da aplicação de um questionário para o grupo de professores da instituição para levantar suas proposições sobre a formação pedagógica. O estudo proporcionou a introdução do debate sobre a formação pedagógica continuada na instituição pesquisada e alavancou os trabalhos de institucionalização a partir da estruturação de setores responsáveis pela formação pedagógica, levando em consideração as sugestões propostas pelos professores. Junto a isso, abriu-se o espaço para a discussão da prática docente no ensino superior sob a luz da complexidade na instituição. Por meio da pesquisa foi possível perceber que existe uma necessidade de institucionalização dos processos de formação continuada que alie o saber específico e pedagógico com a valorização da prática docente e incentive a sua reflexão, tendo como base o paradigma da complexidade como alternativa para superação do modelo de formação cartesiano.

Palavras-chave: Formação pedagógica continuada. Ensino superior. Paradigma da complexidade.

Downloads 532  532  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-PR  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora! Do Silêncio às Vozes: Biblioteca Escolar sob o Ponto de Vista das Crianças Popular Versão: PDF
Atualização:  8/6/2017
Descrição:
NUNES, Maristela Aparecida

Muito embora neste início de século XXI estudos das mais diversas áreas tenham proporcionado um conhecimento mais amplo do desenvolvimento infantil, ainda não é garantido à criança o direito de ter seus interesses e especificidades devidamente reconhecidos. Ademais, observa-se que dentro da instituição escolar, a criança, assim como a biblioteca escolar - elementos fundamentais do processo educativo - encontram-se igualmente desvalorizados. Contudo, estudos da área da infância apoiados nos pressupostos da Sociologia e Antropologia da infância (1990), apontam para a necessidade de se olhar as crianças com outros olhos, considerando-as como produtoras de história e cultura, pensadas na construção das relações sociais. Similarmente, a biblioteca escolar precisa ser ressignificada como um local de incentivo à leitura, construção de conhecimento, da cultura, do estímulo ao gosto pela leitura e de constituição dos sujeitos críticos. Diante do exposto, esta pesquisa se justifica pelo necessário desenvolvimento da consideração da cultura infantil, da escuta e do reconhecimento dos interesses das crianças, assim como também da compreensão das crianças como sujeitos ativos nas práticas educacionais -que consideramos imprescindíveis no âmbito escolar quanto no social - e pela vivência profissional da pesquisadora como educadora atuante em uma biblioteca escolar. Assim, objetivamos com este estudo, reconhecer e problematizar a percepção da biblioteca do ponto de vista das crianças. Esse objetivo maior se desdobrou em outros: apresentar questões históricas e as potencialidades da biblioteca escolar, oportunizar à criança expor suas ideias sobre a biblioteca escolar, identificar como estáorganizado o espaço da biblioteca na instituição pesquisada e quais práticas são ali desenvolvidas. Esta pesquisa construiu-se mediante um estudo bibliográfico e de campo. Nos pautamos na literatura da área da infância e da biblioteca escolar. Por caracterizar-se de natureza qualitativa, nos firmamos nos postulados de Ludke e André (1986), Fazenda (2008) e Triviños (2009). Os procedimentos metodológicos adotados foram a entrevista semiestruturada sob os postulados de Manzini (2003) e Kaufmann (2013) e a observação (in loco) do espaço físico da biblioteca, sendo que o tratamento dos dados se assentou na análise de conteúdo (BARDIN, 2011). Os sujeitos da pesquisa foram crianças, estudantes dos anos iniciais do Ensino Fundamental, sendo que a coleta de dados aconteceu na biblioteca de uma escola municipal da cidade de Guarapuava/PR. De forma geral, as conversas com as crianças nos revelaram que elas gostam de frequentar a biblioteca e que gostariam de ir mais vezes a esse espaço, que a biblioteca é um lugar de silêncio, que exige imobilidade, e que elas possuem o desejo de poderem manusear mais os livros tal como o empréstimo domiciliar. Este estudo nos possibilitou reconhecer que, muitas vezes, a criança é silenciada na escola e sua participação limita-se a ficar sentada e calada. Além disso, percebemos que a própria existência ou ausência da biblioteca no interior da escola evidencia uma concepção de ensino, de criança e de formação humana.

Palavras-chave: Biblioteca escolar. Educação. Infância. Pesquisa com crianças. Leitura.

Downloads 539  539  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicentro  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Uso da Programação Scratch para o Desenvolvimento de Habilidades em Crianças do Ensino Fundament Popular Versão: PDF
Atualização:  9/10/2017
Descrição:
CASTRO, Adriane de

O ensino de programação na escola é uma tendência mundial. A linguagem de programação Scratch foi desenvolvida especialmente para crianças, pois usa uma interface gráfica fácil sem códigos, apenas blocos parecidos com lego. Pensando nisso, este trabalho visa à inserção da programação para crianças dos anos iniciais do ensino fundamental de uma escola municipal da cidade de Ponta Grossa. Esta pesquisa usa a abordagem do Construtivismo de Jean Piaget em busca de compreender o desenvolvimento da criança e também a perspectiva construcionista de Seymour Papert, já que visa o uso de computadores por meio da programação. A pesquisa busca investigar o desenvolvimento de atributos como raciocínio e autonomia diante do uso da programação. Desenvolveu-se uma pesquisa aplicada, com enfoque qualitativo de cunho interpretativo. O projeto realizado teve uma duração de um ano, no qual as crianças tiveram a oportunidade de aprender conceitos básicos da programação Scratch e atividades com uso da criatividade e lógica. O estudo apresentou resultados positivos no desenvolvimento intelectual, autonomia, raciocínio lógico, comunicação. O trabalho relata mudanças observadas nos alunos entre o início e o término do projeto.

Palavras-chave: Scratch. Raciocínio Lógico. Criatividade. Programação.

Downloads 547  547  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Ensino de Arte da Educação Básica à Formação Docente: Relatos de Professoras com Deficiência Popular Versão: PDF
Atualização:  4/1/2019
Descrição:
LIMA, Cristiane Kelly Takahara de

A Psicologia Histórico Cultural compreende que a Arte possibilita o desenvolvimento humano. Essa perspectiva teórica pauta-se nas potencialidades da pessoa com deficiência. Entretanto, a história da educação especial apresenta marcas, focadas nos aspectos biológicos, na institucionalização e em práticas sem cunho pedagógico, direcionadas pelo terapêutico na Arte. Nesse contexto, a Arte, para a maioria das pessoas com deficiência, se constitui sem uma organização formal e sem a compreensão dessa área do conhecimento, reduzindo-se a atividades manuais. Apesar dessas barreiras encontradas na trajetória escolar de pessoas com deficiência, encontrou-se, por meio dos microdados do censo escolar da educação básica do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), no ano de 2014, cinco professoras com deficiência que trabalham a disciplina de Arte na educação básica, em um município do Paraná. Considera-se que essas professoras tiveram a disciplina Arte durante o percurso escolar. Deste modo, o objetivo geral deste estudo foi analisar o ensino de Arte da Educação Básica à formação docente para professoras com deficiência. Especificamente, objetivou-se analisar o ensino de Arte na Educação Básica, na formação docente e na prática docente. Para tanto, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com as cinco professoras com deficiência. Os resultados da pesquisa mostraram que, tanto a Arte quanto o atendimento educacional para pessoas com deficiência, não foram efetivos na Educação Básica. No que se refere à formação docente, o ensino de Arte foi insuficiente ou inexistente na formação. Além disso, percebeu-se uma ausência total de atenção às dificuldades encontradas pelas pessoas com deficiência no ensino superior. Com relação ao ensino de arte na prática docente, verificou-se a falta de compreensão dessa disciplina como área de conhecimento e, ao mesmo tempo, o comprometimento das professoras em busca da formação continuada. Além disso, identificou-se a falta de adaptação de infraestrutura no ambiente de trabalho das professoras com deficiência. Espera-se que o presente estudo possa contribuir com discussões e produção acadêmica nas áreas do ensino de arte; da educação especial e na interface.

Palavras-chave: Ensino de Arte. Formação docente. Professor com deficiência.

Downloads 566  566  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unopar  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!A discussão sobre a docência universitária nas teses e dissertações produzidas nos programas stricto Popular Versão: PDF
Atualização:  21/6/2016
Descrição:
BELADELLI, Ediana Maria Noatto

A Educação Superior tem sido foco de discussões significativas nos últimos anos em âmbito nacional e internacional, apontando temas emergentes, como a Docência Universitária. E é sobre essa temática, que decidimos investigar, partindo do pressuposto que a Docência Universitária corresponde a um campo de pesquisa profícuo pois “o terreno é acidentado, pleno de possibilidades, mas também de lacunas que impulsionam a necessidade de investigação” ( ÁVILA, 2013. p.19). Nesse sentido, o objetivo central da pesquisa consiste em apresentar um mapeamento das produções (teses e dissertações) e das discussões sobre docência universitária realizadas em todos os programas de pós –graduação stricto sensu ofertados nas universidades públicas do estado do Paraná e na PUC-PR, no período de 2000 a 2013. A finalidade do mapeamento centra-se em esboçar o “estado da arte” nesse campo de investigação e apontar por meio da analise dos resumos os temas evidentes e silenciados nas discussões sobre a Docência Universitária. Isso porque temos por problemática algumas questões, entre elas: quantas produções são defendidas no período de 2000 a 2013 nas universidades públicas do estado do Paraná e na PUC-PR que apresentam a temática Docência Universitária? Em que programas de pós-graduação stricto sensu esta temática se evidencia? Em que ano as produções se destacam? Que discussões são realizadas a respeito da Docência Universitária? Que temas estão em foco nas discussões e quais demandam novas investigações? Para alcançarmos o objetivo proposto assim como buscar respostas as nossas indagações, fundamentamos o estudo na metodologia denominada “estado da arte”, caracterizada como bibliográfica; qualitativa do tipo descritiva e analítica. Nossa hipótese se fundamenta na suposição que as discussões sobre Docência Universitária centram-se nos programas de pós-graduação stricto senso em Educação e que trazem em sua essência temas relacionados à ausência de políticas públicas de formação para o exercício da docência na Educação Superior silenciando temas como a formação ética do professor universitário. O levantamento das produções se realizou por meio de fontes eletrônicas via bibliotecas digitais, repositórios acadêmicos, banco de teses e dissertações da Capes e sites das universidades do estado do Paraná. Nas buscasutilizamos os seguintes descritores: educação superior, ensino superior, docência universitária e professor universitário. A partir da analise dos dados constatamos que as discussões sobre Docência Universitária, compõem um campo de produção significativo no período investigado, pois das 306 produções que trazem a temática Educação Superior, 106 delas são específicas sobre a Docência Universitária, correspondendo a 34%. Além disso, evidenciamos que as produções sobre Docência Universitária centram-se nos cursos de pós-graduação stricto sensu em Educação, com percentual de 78%. Pontuamos também que 14% das produções sobre Docência Universitária foram defendidas no ano de 2013, tendo um número significativo de produções em 2006 de 13%, ano que marca o aumento crescente das produções. Consideramos relevante apontar também que das 106 produções 58 foram defendidas na PUC-PR, representando 55%.Com relação ao tema mais evidente, a formação docente foi apontada em 96 das 106 produções (90%), destacando-se estudos sobre a prática pedagógica em 51 das 106 produções (48%). Diante dos dados expostos, esperamos fomentar a importância da investigação a fim de que novas pesquisas sejam realizadas sobre a temática em foco, demonstrando a necessidade de se pensar sobre a Docência Universitária a partir de seu universo, que é complexo e contextualizado.

Palavras-chave: Estado do Paraná. Universidades. Programas de pós-graduação stricto sensu. Teses e dissertações. Docência Universitária

Downloads 579  579  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UNIOESTE  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora! Professor da Educação Básica, Técnica e Tecnológica (EBTTs) no Processo de Ensino-Aprendizagem no Popular Versão: PDF
Atualização:  17/10/2017
Descrição:
DALLA COSTA, Melânia

A Educação Técnica e Tecnológica tem se configurado, hodiernamente, como uma modalidade de ensino fortemente marcada pelo interesse em atender à demanda do mercado de trabalho por mão de obra qualificada. Assim, os Institutos Federais de Educação Técnica e Tecnológica têm se destacado no cenário educacional como espaço de formação profissional tanto à nível médio quanto à nível superior. Entretanto, vale ressaltar que o docente que atua em tais instituições (professor EBTT) deve estar qualificado para atuar em diferentes níveis de ensino e em ementas variadas. Dessa maneira, realizou-se um estudo de caso no Instituto Federal do Paraná – Campus Palmas, no qual foram analisados 13(treze) diários de classe de docentes da instituição, de modo a avaliar se a capacitação profissional destes influencia as práticas pedagógicas em sala de aula, bem como nos índices de aprovação/reprovação das turmas. Notou-se, então, que metade dos professores possuíam quatro (4) ou mais ementas, entretanto, tal fato não mostrou-se diretamente relacionado com o aproveitamento dos professores. De igual maneira, 50% dos docentes apresentou índices de reprovação maiores de 25%, sendo a evasão escolar a principal causa de tal situação. Nesse contexto, evidencia-se que uma atuação docente de qualidade envolve diferentes processos que vão além da adequada formação pedagógica dos professores, como valorização profissional, vocação para a profissão e infraestrutura escolar. Dessa forma, é preciso que a formação pedagógica ocorra de acordo com a realidade das salas de aulas e haja um fortalecimento das políticas formativas e educacionais como um todo.

Palavras-chave: Formação de professor. Ensino-aprendizagem. Ensino profissional e tecnológico. Ensino básico.

Downloads 581  581  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!A carreira das educadoras da educação infantil no Município de Curitiba: integração com a educação Popular Versão: PDF
Atualização:  21/6/2016
Descrição:
HECK, Beatriz Terezinha Muraski

No Município de Curitiba, a educação das crianças de 0 a 5 anos é realizada pelas educadoras e professoras nos Centros Municipais de educação Infantil (CMEI), já nas escolas, nas turmas de pré-escola, somente pelas professoras. Diante da determinação de integração das instituições de creches e pré-escolas aos sistemas de ensino pela LDB/96, uma questão se impõe: a carreira das educadoras da educação infantil no Município de Curitiba foi integrada à educação ou faz parte de um processo que consolida a marginalização? A presente pesquisa pretende examinar a conformação e o funcionamento da carreira das educadorasda Educação Infantil do Município de Curitiba, que não têm sua atuação regulamentada pelo Estatuto do Magistério, mas pelo Estatuto dos Servidores Municipais, analisando porque há duas carreiras para a atuação na educação das crianças de 0 a 5 anos, considerando a legislação vigente. Ambas as profissionais docentes pertencem à carreiras distintas: as primeiras pertencem à carreira de Educadoras e as segundas à carreira dos Profissionais do Magistério. A compreensão do objeto de estudo requereu um breve resgate histórico da consolidação das políticas para a Educação Infantil, da qual decorrem os dilemas e ambiguidades vivenciados por suas profissionais. A análise documental pautou-se em alguns dos principais documentos nacionais e do Município de Curitiba que regulamentam a condição docente na EI: Leis, Pareceres, Resoluções, Decretos, Portarias. A análise dos dados possibilitou a percepção de que a carreira de educadora é resultado da hierarquização das funções do cuidar e educar, uma construção advinda do delineamento de projetos educacionais historicamente distintos quanto aos seus objetivos para as creches e pré-escolas. Deste modo, as educadoras seguem com uma carreira que carrega os estigmas da segregação de um modelo de atendimento anterior a Constituição Federa de 1988 e a LDB/96, voltado às crianças pobres de 0 a 3 anos. A análise aponta para a necessidade de superar desigualdades quanto à jornada, remuneração, formação, restrições aos locais de atuação, aposentadoria especial, entre outros aspectos.

Palavras-chave: Carreira. Educadoras. Educação Infantil.

Downloads 590  590  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Ideb e a qualidade da Educação: a política do Ideb nas escolas da rede municipal de Francisco Belt Popular Versão: PDF
Atualização:  21/6/2016
Descrição:
OLIVEIRA, Quelli Cristina da Silva

A pesquisa analisou a concepção de qualidade da educação no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB e seu impacto junto aos educadores de seis escolas da rede municipal de Francisco Beltrão-PR. Os objetivos foram: apreender historicamente o contexto da avaliação em larga escala no Brasil; analisar a concepção de qualidade do IDEB, fundamentos e proposições para o contexto escolar; investigar como o IDEB recai no contexto escolar produzindo consenso e/ou resistência no trabalho pedagógico nas escolas da rede municipal de Francisco Beltrão. Para a coleta de dados empíricos foram utilizadas entrevistas semiestruturadas com vinte e quatro educadoras sendo dez professoras, oito gestoras, seis coordenadoras. Complementados com a coleta de 68 cadernos de alunos de terceiro e de quinto ano para verificar o espaço e tempo destinados para as áreas do conhecimento. Também, foram objetos de análise documentos do Banco Mundial, OCDE, MEC e INEP, revisão bibliográfica de estudos relacionados à problemática em questão e leituras e análises dos livros, artigos, bancos de dados de teses e dissertações. A pesquisa foi realizada na perspectiva teórico-metodológica do materialismo histórico dialético. Os resultados mostram que a concepção de qualidade do IDEB esta caracterizada a partir das demandas estabelecidas pelo Banco Mundial, FMI, BIRD e OCDE - padrão de qualidade do PISA que se fundamenta na pedagogia das competências. Destacamos o pragmatismo como eixo norteador da avaliação e, consequentemente, da aprendizagem. A ênfase dos conteúdos avaliados na Prova Brasil das disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, ministradas apenas com foco no desenvolvimento de competências e habilidades de leitura e resolução de problemas.Neste contexto, consideramos que as avaliações em larga escala estão contribuindo para desqualificação do magistério, devido à formação aligeirada, apostilada. Quando a escola é recheada pelo MEC de materiais de apoio – mesmo que afirmem que são parâmetros para as avaliações e que estes não devem ser utilizados como currículo. Pois na forma como está se apresentando reforça a função de um Estado Educador, o qual centraliza a forma e conteúdo para a formação do novo homem coletivo – trabalhador, e descentraliza, quando projeta aos sujeitos da escola a autogestão e responsabilidade pelos resultados.

Palavras-chave: Política. IDEB. Qualidade. Escolas municipais.

Downloads 602  602  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Trabalho do Pedagogo na Escola: Compromisso com a Gestão Democrática na Rede Municipal de Ensino d Popular Versão: PDF
Atualização:  11/1/2019
Descrição:
ROSA, Sandra Regina Bernardes de Oliveira

A presente dissertação tem como objeto de investigação o trabalho do profissional pedagogo nas escolas da Rede Municipal de Curitiba. Busca responder a seguinte problemática: Quais políticas educacionais são necessárias para superar o tecnicismo pedagógico na escola pública e avançar para a efetivação da práxis crítica e transformadora no trabalho do pedagogo? Define-se como objetivo geral da pesquisa: Analisar o trabalho do pedagogo na Rede Municipal de Ensino de Curitiba e a efetividade da práxis na organização do trabalho para a democratização/humanização da educação na escola pública.Trata-se de pesquisa documental e empírica. Realiza a análise histórica das regulamentações do curso de Pedagogia, principalmente das Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Pedagogia, Lei Complementar do Estado do Paraná n. 103/2004, nos Editais de Concurso n. 37/2004, 10/2007, 17/2013, a atual Lei n. 14.544 de 11 de novembro de 2014, que institui o Plano de Carreira do Profissional do Magistério de Curitiba e o decreto nº35 da referida lei que regulamenta as funções atribuídas ao Pedagogo. A análise dos documentos tem o objetivo de compreender a implantação e implicações das políticas educacionais na concepção e efetivação do trabalho do pedagogo. Além disso, pesquisou-se a produção do conhecimento sobre o trabalho do pedagogo, em teses e dissertações, em nível nacional, com ênfase no estudo da realidade do município de Curitiba. A pesquisa de campo envolve a aplicação de instrumentos de coleta e realização de entrevistas semiestruturadas com 24 pedagogas das escolas municipais da cidade de Curitiba para investigar a relação entre as políticas para a formação e trabalho do pedagogo e a efetividade do compromisso do profissional com a gestão democrática. O método de análise é a dialética na perspectiva teórica do materialismo histórico, pois possibilita captar o movimento do real nas suas múltiplas determinações, revelar as contradições por meio da análise da prática social, desvelando os fenômenos da educação presentes no contexto das políticas públicas em curso e em ação nas escolas do município de Curitiba. Almeja-se, contribuir com o debate no campo da formação e trabalho do pedagogo para formulação e implementação de políticas que garantam o exercício democrático de sua profissionalidade na escola pública. Como resultado da pesquisa destaca-se: nas relações entre o trabalho do pedagogo nas escolas e as políticas de gestão da educação da RME, as pedagogas compreendem a importância de a gestão democrática ser construída e incorporada coletivamente nas relações de trabalho. Este contexto justifica a defesa da necessidade de contínua formação ao pedagogo atender as demandas
socioeducacionais no sentido de compreender o histórico dos processos pedagógicos, a organização das práticas pedagógicas e aprimorar o trabalho coletivo da escola, com provimento de recursos financeiros que transformem as condições de trabalho nas escolas públicas e valorizem a criação de uma estrutura organizacional capaz de ampliar o número de profissionais e de pedagogos nas escolas e valorizar a carreira docente.

Palavras-chave: Concepção de pedagogo. Políticas educacionais. Trabalho do pedagogo. Gestão democrática.

Downloads 604  604  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Tuiuti  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora! Análise da Implantação e Implementação do Programa Mais Educação em Londrina-PR: Concepção, Limite Popular Versão: PDF
Atualização:  6/6/2017
Descrição:
BIANCHINI, Leise Cristina

Nesta pesquisa, discute-se a implantação da educação integral e em tempo integral, um constante desafio, com o objetivo de analisar de que maneira ocorreram a implantação e a implementação do Programa Mais Educação em duas escolas estaduais da cidade de Londrina, no Estado do Paraná. Para tanto, procurou-se responder à seguinte problemática: Como ocorreu a implantação e implementação do Programa Mais Educação nestas escolas de Londrina-Pr? Como foi desenvolvido o Macrocampo Esporte e Lazer? Que papel tem assumido? Quais as condições reais da escola para a implantação e implementação deste macrocampo no Programa Mais Educação? Que relação este macrocampo estabelece com a Educação Física? Buscou-se, a partir da análise do Programa Mais Educação, discutir as intencionalidades, concepções e condições concretas de realização do Programa como política pública nacional, especificamente no que se refere às ações do Macrocampo Esporte e Lazer neste contexto. O estudo se faz importante, visto que a proposta de educação integral é um assunto polêmico e contraditório na sociedade capitalista, considerando o atual contexto de exigência de mudanças da condição de um país pouco desenvolvido para a posição de em desenvolvimento, o qual pressupõe investimento em educação. Trata-se de uma investigação com abordagem qualitativa, na qual foram realizadas pesquisa bibliográfica, análise documental e entrevista, com base em um roteiro semiestruturado, com as equipes diretiva, pedagógica, e professores graduados em Educação Física que atuam em atividades do Macrocampo Esporte e Lazer no Programa Mais Educação de duas escolas públicas estaduais que, desde 2010, desenvolvem experiências de jornada ampliada com o Programa Mais Educação no município de Londrina-PR. Pelos resultados obtidos, observa-se que o Programa Mais Educação e, consequentemente, seu Macrocampo Esporte e Lazer, e as aulas de Educação Física denotam uma visão salvacionista da educação e do esporte, como solução para os problemas sociais, escamoteando suas causas. Depreende-se, ainda, que a escola, no neoliberalismo, tornou-se um local para resolução de questões sociais abandonadas pelo Estado. Os dados nos mostram que as atividades do Macrocampo Esporte e Lazer do Programa Mais Educação, na grande maioria das vezes, são as atividades preferidas por parte dos alunos, uma vez que proporcionam maior adesão, auxiliam na não evasão e frequência dos mesmos ao Programa, dando-lhe sustentação. Foi possível perceber, também, que as atividades do Macrocampo Esporte e Lazer se distanciam da Cultura Corporal como objeto de estudo e ensino, conforme preconizado nas Diretrizes Curriculares Orientadoras da Educação Básica para a Rede Estadual de Ensino do Estado do Paraná, aspecto que reforça diferenças entre as aulas do turno regular e as atividades do Macrocampo Esporte e Lazer do Programa Mais Educação.

Palavras-chave: Políticas Públicas Educacionais. Programa Mais Educação. Macrocampo Esporte e Lazer. Educação Física.

Downloads 604  604  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 (4) 5 6 7 8 9 10 »