Educadores

Ínicio : Matemática : Dissertações : Produções de Profissionais da Seed: Dissertações : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do mais para o menos procurado)

Categoria: Matemática Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Inter-relação entre Progressão Geométrica e Função: Aplicada ao Ensino Médio Popular Versão: PDF
Atualização:  9/1/2019
Descrição:
SOARES JUNIOR, Ivonzil José

O respectivo trabalho procura trazer uma proposta da relação entre as funções e as sequências em especial as progressões geométricas. Ele contribui com um estudo mais aprofundado a ser utilizado no ensino médio. Primeiramente apresenta-se as sequências numéricas, suas definições, propriedades, teoremas e alguns exemplos, como a sequência de Fibonacci e o número de Euller. Fazendo o mesmo na área das funções. A seguir, mostra-se as progressões geométricas relacionando essas sequências com as funções e não como um conteúdo isolado para apenas a aplicação de fórmulas matemáticas. Neste momento trata-se suas definições, algumas lendas como a do jogo de xadrez, os fractais do matemático Georg Cantor bem como o desenvolvimento da matemática financeira, suas fórmulas derivadas das progressões geométricas, taxas equivalentes, o cálculo do valor de uma parcela quando conhecido o valor principal, taxa de juros e o período (ou número de parcelas). Finaliza-se com um histórico da música e sua relação com as progressões geométricas.

Palavra-Chave: Sequências. Funções. Progressões geométricas. Fractais. Jogo de xadrez. Taxas equivalentes.

Downloads 158  158  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Matemática Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Uma Sequência Didática com Materiais Manipulativos no Ensino da Matemática para Alunos Surdos no Ens Popular Versão: PDF
Atualização:  9/1/2019
Descrição:
COLAÇO, Gisele Adriana de Melo

Este trabalho de dissertação tem por objetivo avaliar o impacto da utilização de materiais manipulativos no ensino de Matemática para alunos Surdos do Ensino Fundamental I, através da aplicação de uma sequência didática. O estudo segue uma abordagem essencialmente qualitativa. Foi produzida uma sequência didática, baseada na cultura visual e na Teoria da Aprendizagem Significativa (Ausubel et al. (1980)), com o tema: “Sistema Monetário”. Esta sequência didática visou fornecer subsídios para que os alunos Surdos pudessem conhecer o sistema monetário brasileiro e aprender a utilizar o dinheiro para comprar, pagar, conferir o troco. O material produzido foi testado em situação de ensino em uma Escola Bilíngue para Surdos, tendo sido colhidos dados sobre a utilização do material durante esta fase. Neste texto detalhamos o material produzido para a sequência didática, os aspectos teóricos que orientaram o desenvolvimento desta pesquisa, bem como os resultados alcançados. Nossa proposta de ensino possibilitou observar que através do desenvolvimento da sequência didática e do uso dos materiais manipulativos, houve um envolvimento dos alunos com o fazer Matemático na sala de aula contribuindo na estruturação e compreensão dos conceitos envolvidos. Percebemos ainda que durante o jogo “Pague Certinho” os alunos precisaram mobilizar diferentes conhecimentos que construíram em sua vivência pessoal e escolar. Esperamos que o material produzido possa ser utilizado por outros professores e sirva de inspiração para desenvolvimento de novas práticas pedagógicas em sala de aula quer seja para alunos Surdos, quer seja para alunos ouvintes, para qualificar o ensino de Matemática, organizando situações que instiguem a curiosidade e a busca de soluções, tornando a aprendizagem mais significativa e possibilitando a contextualização entre o conhecimento científico e o conhecimento comum.

Palavras Chaves: Ensino para surdos. Libras. Ensino de Matemática. Sistema monetário. Materiais manipulativos.

Downloads 149  149  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Matemática Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Uso das Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) na Prática Pedagógica do Professor Popular Versão: PDF
Atualização:  20/4/2018
Descrição:
COSTA, Letícia Perez da

A presente dissertação insere-se na linha de pesquisa Teorias e Práticas de Ensino na Educação Básica. Tem como eixo fundamentador o uso de Tecnologias de Informação e Comunicação na Formação de Professores. Esta pesquisa tem por objetivo geral analisar a reflexão quanto ao uso significado das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC), na prática pedagógica do professor de Matemática do Ensino Médio, e foi desenvolvida visando a análise de quais são as possibilidades do uso significado das TDIC em sala de aula. Para tal, fez-se uma pesquisa no banco de teses e dissertações da CAPES sobre os estudos realizados a respeito desse assunto. Depois relacionou-se o uso significado das TDIC para aprendizagem do aluno, o papel do professor de Matemática e sua formação inicial e continuada e como elas encontram-se inclusas nestes processos. Na sequência, discorreu-se sobre o uso das tecnologias digitais da informação e comunicação na educação buscando entender o quanto ela está envolvida no processo de ensino e aprendizagem, tanto dos professores em sua formação, quanto na construção do conhecimento, na mediação professor-aluno e vice-versa. Para esta investigação definiu-se a abordagem qualitativa para uma pesquisa do tipo exploratória. Os instrumentos de coleta de dados utilizados foram o diário itinerante e a entrevista estruturada, realizados a partir de observação participante das aulas de um professor. O referencial teórico para a análise dos dados da entrevista foi a Análise do Discurso (AD). Como resultados alcançados ressalta-se que o professor pesquisado faz a reflexão sobre uso das TDIC em sua prática docente, entretanto falta a formação tanto inicial quanto continuada que aborde a autonomia de uso, o planejamento das ações e a participação entre os pares educacionais para o processo de ensino e aprendizagem.

Palavras-chave: Prática pedagógica. Formação de professores e tecnologia. Tecnologias digitais da informação e comunicação. Ensino de Matemática. Aprendizagem significativa.

Downloads 148  148  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Matemática Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!O Ensino da Divisão nos Anos Iniciais: Compreensões Dialogadas Popular Versão: PDF
Atualização:  14/1/2019
Descrição:
TYCHANOWICZ, Simone Danielle

Esta pesquisa tem por objetivo compreender o ensino da divisão nos Anos Iniciais do Ensino Fundamental. Para tanto, foram ouvidos professores atuantes nos Anos Iniciais que falaram livremente sobre suas experiências com a divisão em sala de aula. Tomou-se como referencial a abordagem fenomenológica como atitude de investigação, pois esta aproxima-se da experiência vivida, do mundo subjetivo de cada indivíduo, que pode ser conhecido quando se interroga. “O que é isto: o ensino da divisão nos Anos Iniciais?” foi a questão orientadora da pesquisa que indicou a necessidade de outros estudos, de modo a compor compreensões-interpretações acerca do fenômeno: o-ensino-da-divisão. Um desses estudos, o primeiro, voltou-se a aspectos históricos sobre modos de dividir. “Reunindo registros” é um texto que expõe processos usados para dividir em outros tempos e contextos. O segundo, “Diálogo com pesquisadores”, apresenta apontamentos de pesquisadores que têm em seu campo de interesse o ensino da divisão. Estes estudos dirigiram-se ao encontro das compreensões das experiências vividas em sala de aula sobre o ensino da divisão. Foram ouvidas individualmente sete professoras de uma escola da Rede Municipal de Araucária – PR, que falaram livremente a partir da pergunta: “Pela sua experiência, como você entende o ensino da divisão?” Os depoimentos foram gravados em vídeo, transcritos e analisados usando o método fenomenológico. A primeira análise do texto transcrito foi a Ideográfica, em que foram destacadas as ideias individuais das professoras colaboradoras. Em umsegundo momento, essas ideias individuais foram se convergindo para ideias mais amplas, as nucleares. A partir destas iniciou-se a análise Nomotética, que organizou o pensamento nas seguintes categorias abertas à interpretação: Complexidades do conteúdo divisão; Modos de ensinar divisão e Formação do professor. Essas categorias revelam a estrutura do fenômeno e foram interpretadas no diálogo da pesquisadora com os ditos das professoras e com autores que tratam do tema. Ao final, articulou-se uma síntese das compreensões acerca do ensino da divisão em que estão evidenciados aspectos que mais fizeram sentido à pesquisadora.

Palavras-chave: Educação matemática. Divisão. Ensino. Anos iniciais.

Downloads 134  134  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 (8)