Educadores

Ínicio : Ciências : Dissertações : Produções de Profissionais da Seed: Dissertações : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (novos listados primeiro)

Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Objetos de Aprendizagem: uma Sequência Didática para o Ensino de Astronomia Versão: PDF
Atualização:  3/1/2019
Descrição:
TROGELLO, Anderson Giovani

O presente trabalho propõe uma sequência didática embasada na utilização de objetos de aprendizagem, para trabalhar conceitos astronômicos, sobretudo enfocando a alternância das estações do ano. Tal proposta foi aplicada a uma turma do sexto ano de uma escola do campo em um município paranaense. Foram dez aulas em ambientes como a sala de aula, o pátio da escola e áreas externas ao estabelecimento de ensino, demonstrando, simulando, observando e investigando por meio de modelos didáticos os movimentos da esfera celeste e sua relação com a alternância sazonal. Para coleta de dados foram aplicados um questionário prévio e outro final. A análise destes instrumentos direcionada por meio da análise de discurso confirmou que os educandos possuíam concepções alternativas, tais como: entendiam a alternância das estações do ano devido a aproximação e afastamento da Terra ao Sol; compreendiam um sistema geocêntrico; afirmavam que o Sol “movimentava-se” na esfera celeste em trajetória fixa durante todo o ano, nascendo a leste e pondo-se a oeste. Estas e outras concepções errôneas foram trabalhadas na sequência didática, obtendo ao final do trabalho importantes resultados que validaram a utilização dos recursos didáticos produzidos e utilizados junto aos educandos. Dentre os resultados é destacável discursos que salientaram a órbita terrestre com baixa excentricidade e o Sol nascendo e pondo-se em diferentes posições do horizonte ao longo do ano. No entanto, mesmo com as intervenções deste trabalho alguns alunos mantiveram suas concepções ressaltando a necessidade de novos trabalhos que abordem outras metodologias, ou mesmo, reutilizem os objetos aqui expostos com outros enfoques.

Palavras-chave: Objetos de aprendizagem. Ensino de Astronomia. Concepções alternativas. Estações do ano.

Downloads 25  25  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Manual de Orientações: o Filme como Recurso Didático nas Aulas de Ecologia Popular Versão: PDF
Atualização:  1/12/2017
Descrição:
SANTOS, José Nunes dos

Entendendo a escola como o ambiente mais adequado para a obtenção do saber científico por meio da estimulação das capacidades intelectuais dos alunos, acreditamos ser o professor, como mediador desse processo, o principal ator. Por outro lado, percebemos que há um grande incômodo por parte dos professores de Ciências Naturais da educação básica, na busca de recursos pedagógicos que facilitem a aprendizagem. [...] As reflexões aqui apresentadas para a utilização de filmes como recursos pedagógicos, por apresentarem possibilidades de sistematização de encaminhamentos e procedimentos metodológicos no ensino de Ecologia, são marcadas pela preocupação social. Que sujeitos a escola – como espaço social do alunado e que deve assegurar o direito e acesso à educação e à aquisição de conhecimentos científicos – está formando? Nesse sentido, elaboramos um “Manual de Orientações: O Filme como Recurso Didático nas Aulas de Ecologia”, que tem como objetivo oferecer à comunidade de educadores do ensino de Ciências subsídios para a organização do plano de trabalho docente, bem como, para a condução, em sala, de atividades mediante o uso de filmes. [...]

Palavras-chave: Ecologia. Filme. Recursos didáticos. Ciências.

Downloads 2187  2187  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Determinantes Sociais e a Hanseníase na População Feminina no Estado do Paraná Popular Versão: PDF
Atualização:  17/10/2017
Descrição:
BASEGGIO, Roselene da Cruz

Este estudo teve como objetivo analisar a relação entre os Determinantes Sociais de Saúde (DSS) e a Hanseníase, na população feminina no estado do Paraná. A primeira etapa do estudo de caráter quantitativo deu-se através da realização de levantamentos epidemiológicos em uma série histórica de cinco anos, ocorrida no período de 2009 e 2013, posteriormente foram pesquisadas 41 mulheres portadoras da doença, com idade acima de 18 anos e que aceitaram participar do estudo, as mulheres escolhidas são residentes nas 22 cidades onde estão localizadas as Regionais de Saúde do Estado do Paraná, a coleta de dados adotou o método quantitativo através de levantamento no Sistema de Informações (DATASUS, SIM, SINAN) e bancos oficiais (IBGE, IPEA). Na segunda etapa do trabalho de caráter qualitativo o método foi a entrevista com as mulheres notificadas com Hanseníase no Estado do Paraná, e que tivessem disponibilidade em participar do estudo. A conclusão a que se chegou e com base nos relatos, evidencia-se que as categorias estudadas por Dahlgren e Whitehead, referentes aos Determinantes Sociais em Saúde, influenciam na situação vivida pelas portadoras da doença, sendo possível comprovar através da análise dos discursos das entrevistadas. Para a superação dos problemas sociais, torna-se necessário refletir sobre as condições de vida, trabalho, educação e serviços sociais de saúde das mesmas. Por fim, apresentou-se discussões sobre o estigma e preconceito referente à hanseníase e mencionou-se a política pública como uma das possibilidades de superação do quadro antigo e ao mesmo tempo atual, da condição de vida das pessoas que desenvolvem a doença.

Palavras-chave: Hanseníase. Determinantes sociais. Políticas públicas.

Downloads 1095  1095  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unoesc  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Condições Laborais e de Saúde dos Estudantes Universitários Trabalhadores Popular Versão: PDF
Atualização:  17/10/2017
Descrição:
PEREIRA, Márcia da Silva

As condições laborais e de saúde dos estudantes trabalhadores podem ser influenciadas por muitos fatores como alterações na rotina, maus hábitos alimentares, alterações no sono, o que pode levar os mesmos a ter qualidade de vida comprometida. O perfil do estudante do ensino superior noturno é marcado por várias dificuldades: a carga horária de trabalho excessiva associada às horas insuficientes de descanso interferindo no rendimento acadêmico, familiar e laboral do estudante podendo provocar distúrbios físicos, familiares, emocionais. Práticas e atitudes promotoras de saúde podem auxiliar esse público alvo a melhorar suas condições de saúde, para tanto buscou conhecer a realidade vivenciada pelos universitários através de um estudo quantitativo, descritivo e transversal por meio de pesquisa bibliográfica e de campo com questionário dividido em três blocos: perfil sócio demográfico, condições de trabalho e condições de saúde. Por meio do estudo realizado foi possível identificar as situações que podem levar o público pesquisado a má qualidade de vida e ao adoecimento, embora os mesmos considerem suas condições de saúde boa, excelente e ruim numa porcentagem de 48%, 17% e 4%, respectivamente. O resultado de tal pesquisa demonstra a necessidade de novos estudos sobre a qualidade de vida dos estudantes universitários que possam trazer contribuições para práticas promotoras de saúde no ambiente acadêmico e laboral nos quais os mesmos encontram inseridos.

Palavras chave: Estudantes trabalhadores. Promoção de saúde. Condições de trabalho. Condições de saúde.

Downloads 105  105  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicesumar  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Análise de uma Proposta de Ensino de Ciências Interdisciplinar na Perspectiva Histórico-Crítica Co Popular Versão: PDF
Atualização:  16/10/2017
Descrição:
SCHURCH, Giselle Palermo

A presente pesquisa é delineada na formação continuada de professores da Educação Básica, anos iniciais do Ensino Fundamental do município de Londrina/PR, tendo por princípio dimensões acentuadas quanto aos benefícios do trabalho interdisciplinar no Ensino de Ciências na perspectiva Histórico-Crítica, com uso da WebQuest. Para este estudo, foi necessária uma orientação entre os docentes, apresentando um referencial teórico, que elenca a formação de professores na visão de Nóvoa (2009); Veiga (2002); a Pedagogia Histórico-Crítica, na perspectiva de Saviani (1983; 2008); Gasparin (2012); e a Sequência Didática Interativa embasada em Oliveira (2013), com o intuito de contribuir para o planejamento de suas ações em sala de aula, a oferecer uma sistematização do conteúdo a ser pedagogicamente trabalhado. O trabalho visa investigar e implementar recursos e estratégias para o Ensino de Ciência interdisciplinar, proporcionando subsídios para a elaboração de um planejamento de aula, conforme aporte teórico metodológico da Pedagogia Histórico-Crítica . A relevância deste estudo é oferecer um Ensino de Ciências interdisciplinar mediante uma nova estratégia educacional com uso de recursos didáticos. A principal questão de pesquisa foi investigar como um curso em Ensino de Ciências interdisciplinar, mediante o uso da WebQuest, poderá contribuir para a formação continuada dos professores participantes da pesquisa tendo por base o aporte teórico-metodológico da Pedagogia Histórico-Crítica? Para tanto, foi desenvolvido um curso “Ensino de Ciências interdisciplinar na perspectiva Histórico-Crítica” com a análise realizada pelos professores de uma Sequência Didática Interativa SDI (elaborada pela pesquisadora), levando em consideração suas experiências didáticas e conhecimentos sobre a temática. De abordagem qualitativa, o trabalho foi desenvolvido por meio da pesquisa de campo conforme Bogdan e Biklen (1994). Para a organização e leitura interpretativa dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo de Bardin (2011), a qual revelou, em síntese, meio aos resultados, a mudança de postura, o aprimoramento frente ao conteúdo encaminhado, exploração e interesse desses docentes quanto à elaboração de uma sequência de planejamentos de aula fundamentado na Pedagogia Histórico-Crítica em uma perspectiva interdisciplinar. Por meio dessa investigação, verificou-se que a proposta de formação continuada de professores, demonstrou-se apropriada, satisfatória e teve seus objetivos atingidos ao proporcionar subsídios para a prática pedagógica, norteada pelo planejamento didático que relaciona teoria e prática, com reflexões que permitiram a análise das experiências didáticas, para uma projeção de novas maneiras de atuarem em sala de aula, associada ao uso da nova tecnologia a WebQuest. Constatou-se que o planejamento de aula, no Ensino de Ciências Interdisciplinar em uma perspectiva Histórico-Crítica, contribuiu para o processo de organização do trabalho pedagógico, permitindo a flexibilidade da prática educativa e ainda a valorização da singularidade dos alunos, sendo possível a articulação, elaboração de estratégias e procedimentos pedagógicos, a fim de promover o enriquecimento curricular no sistema educacional e, por conseguinte, a melhoria da qualidade do processo de ensino e aprendizagem.

Palavras-chave: Formação de professores. Ensino de Ciências interdisciplinar. Pedagogia histórico-crítica. WebQuest. Estratégia de ensino.

Downloads 674  674  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora! Ciências versus Biologia: (des)encontro entre Ensino Fundamental e Ensino Médio Popular Versão: PDF
Atualização:  5/6/2017
Descrição:
BOZZA, Elizangela Cristina

O presente estudo diz respeito a uma pesquisa de natureza qualitativa. Tem origem na experiência docente de sua autora em Ciências e Biologia, diante da recorrente problemática acerca da defasagem dos conteúdos biológicos pelos alunos na passagem do Ensino Fundamental para o Ensino Médio. Existe aí um hiato contraproducente à aprendizagem. Os alunos mostram dificuldades em acompanhar conteúdos dentro da disciplina de Biologia, os quais já teriam sido estudados durante o Ensino Fundamental, mesmo que em menor grau de profundidade e complexidade, na disciplina de Ciências. Assim, a questão de pesquisa que orientou este estudo consistiu em identificar qual é o repertório de conhecimentos em Biologia que estão presentes entre alunos iniciantes da 1ª série do Ensino Médio, para identificar uma possível defasagem e recolher dados que possam nortear ações que reduzam as deficiências de aprendizagem. Para isso, elaborou-se um Produto Educacional, o “Entrando no Ensino Médio: Caderno de Avaliação Diagnóstica de Conteúdos em Biologia”, que contemplou 10 questões de conhecimentos estudados em Ciências no Ensino Fundamental e que serão aprofundados em Biologia na 1ª série do Ensino Médio. Cada questão disposta em tal material agregou justificativas fundamentadas em autores da área de ensino de Ciências do exterior e do Brasil, além de justificativas emanadas da experiência docente da própria prática da autora/mestranda. O Caderno foi implementado em março de 2015 com três turmas de 1ª série do Ensino Médio de uma escola pública de Curitiba, Paraná, Brasil. A escolha das três questões para análise decorreu da ponderação sobre o número de acertos/erros e sobre considerações importantes nas respostas efetuadas. A metodologia utilizada foi a Grounded Theory (Metodologia Fundamentada nos Dados), em razão de ser uma abordagem que nasce da prática da pesquisa, permitindo que o problema proposto fosse aproveitado como fonte de informações, e as análises dos dados qualitativos pudessem ser enraizadas (grounded) nos dados coletados. A pesquisa abrangeu 116 alunos e os resultados indicam a existência de uma fragmentação de conhecimentos biológicos na interface Ensino Fundamental-Ensino Médio, que deriva de vários aspectos, dentre eles político, social e burocrático, mas também pedagógico, no qual os professores podem agir. A utilização do Caderno permitiu obter informações que se configuraram subsídios às estratégias de avaliação e ações futuras. Uma avaliação diagnóstica mostrou-se útil para que o(a) professor(a) possa analisar os conhecimentos trazidos por seus alunos, para então direcionar suas aulas, procurando adequar metodologias e conteúdos às necessidades mais relevantes da turma, buscar a articulação curricular, além de conceder a necessária atenção para o processo de avaliação, dentre outros, de modo que os discentes possam de fato compreender e participar das aulas. Afinal, se o professor não pode interferir nas condições de entrada do aluno, pode (e deve) interferir em suas condições de saída.

Palavras-chave: Avaliação. Ensino de Biologia. Transição entre etapas de ensino.

Downloads 4306  4306  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Conceitos de natureza, meio ambiente e ambiente em livros didáticos de biologia aprovados no PNLD de Popular Versão: PDF
Atualização:  15/2/2017
Descrição:
OLIVEIRA, Naziel de


Investiga-se o tratamento que é dado aos conceitos de Natureza, Meio Ambiente e Ambiente nos livros didáticos de Biologia aprovados no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD) de 2012. Mais precisamente, a dissertação apresenta os contextos a partir dos quais ocorre a formação conceitual dos educandos quando se trata de estudos relacionados ao Ambiente, tendo como referência os conteúdos dos livros didáticos. A pesquisa qualitativa, de cunho exploratório, descreve os oito livros aprovados e encaminha uma análise dos capítulos que tratam dos temas escolhidos. Em conclusão faz-se uma discussão sobre os conceitos, remetendo a uma reflexão sobre os tratamentos didáticos mais adequados para uma postura crítica dos professores em relação ao que é apresentado nos livros didáticos.


Palavras-chave: Educação em Ciências. Livro Didático. Ambiente, Natureza, Conceito.

Downloads 1180  1180  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Implicações da inclusão de ciências da natureza no sistema de avaliação da educação básica para o am Popular Versão: PDF
Atualização:  15/2/2017
Descrição:
OSSUCCI, Rosana do Rosário


O Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), discutido a partir da década de 1980 e instituído na década de 1990 no Brasil, contou com a inclusão amostral de Ciências da Natureza (CN) e Ciências Humanas ( CH ) na aplicação das provas para o nono (9º) ano do Ensino Fundamental (EF) no ciclo de 2013, com perspectiva da inclusão definitiva nos próximos ciclos. O objetivo da presente pesquisa foi investigar sobre as possíveis implicações da inclusão de CN no SAEB para o ambiente escolar . Realizou-se, inicialmente, a pesquisa documental, seguida de pesquisa de campo, mediante entrevista semiestruturada, que contou com a participação de um representante do Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) e um representante da Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED), além de seis professores de Ciências da Educação Básica (EB) e uma pedagoga que atuam em cinco escolas estaduais jurisdicionadas aos Núcleos Regionais de Educação de Foz do Iguaçu, Jacarezinho, Laranjeiras do Sul, Telêmaco Borba e Toledo. A análise dos dados, de cunho qualitativo, embasou-se em contribuições da análise do discurso bakhtiniano e da sociologia da educação bourdieusiana. O enfoque foi sobre as condições de produção e apreensão do sentido dos discursos produzidos pelos entrevistados mediante os elementos da teorização bakhtiniana de Enunciação, Dialogismo e Polifonia como aportes metodológicos. Como aportes conceituais às análises realizadas utilizou- se dos conceitos de Habitus, Violência Simbólica, Campo e Capital Cultural, elementos da teorização da sociologia da educação bourdieusiana. As análises dos discursos indicam que incluir CN no SAEB pode apresentar implicações no sentido de: 1)valorizar a disciplina de Ciências; 2) envolver mais professores com as avaliações de sistema no ambiente escolar; 3) integrar as áreas do conhecimento; 4) orientar mudanças para o ensino de Ciências e trabalho docente; 5) estimular a cultura científica nos estudantes da EB; assim como, pode: 6) denegrir a imagem do professor de Ciências. Também há indicativos da necessidade de: a) difundir mais as informações para os professores e as escolas sobre o SAEB e a inclusão de CN no sistema de avaliação; b) promover o conhecimento aos professores sobre as matrizes de referência de CN e matrizes curriculares das escolas para relacioná-las; c) elaborar uma política estatal de avaliação que considere a diversidade educacional brasileira.

Palavras-chave: Sistema de avaliação. Saeb. Ciências da natureza. Ambiente escolar.

Downloads 936  936  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UNIOESTE  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Ensino de Biologia e Educação Ambiental: uma leitura peirceana das formas de relação dos animais hum Popular Versão: PDF
Atualização:  15/2/2017
Descrição:
FERREIRA RODRIGUES, Adriana Ribeiro

Esta pesquisa discute as formas de relação dos seres humanos com os animais não humanos a partir da perspectiva da semiótica peirceana, do ensino de Biologia, da educação científica e da Educação Ambiental. O problema se constituiu em questionar qual a gama de entendimentos dos alunos e alunas do Ensino Médio acerca das relações dos seres humanos com os animais como signos produtores de interpretantes no contexto de um ensino dos conteúdos sobre vertebrados com abordagem ambiental. E, ainda, se essa abordagem aumentou a complexidade da compreensão sobre as relações entre humanos e animais. O objetivo traçado referiu-se a conhecer e identificar os interpretantes dinâmicos emocional, energético e lógico acerca das relações dos seres humanos com os animais produzidos num processo de ensino de Biologia com abordagem ambiental em interface com os fundamentos das Ciências Normativas de Peirce – estética, ética e lógica. A metodologia qualitativa de pesquisa para a análise dos dados fundamentou-se em três eixos teórico-metodológicos: a teoria dos interpretantes de Peirce, as Ciências Normativas e a Educação Ambiental. A análise dos dados construídos a partir de narrativas, entrevistas e produção de curtas-metragens dos alunos permitiu identificar os interpretantes e discuti-los em articulação com as Ciências Normativas e a Educação Ambiental. Constatamos que o processo de ensino e aprendizagem proposto, que relacionou a Biologia com a abordagem ambiental, promoveu a atualização dos signos, desencadeando novas semioses como cognição e ainda alterou os ideais de conduta dos referidos alunos e alunas. Tais achados abrem a possibilidade de pensar em uma Educação Ambiental que forme não apenas novas formas de sentir e pensar, mas também de agir.

Palavras-chave: Educação Ambiental. Ensino de biologia. Relações seres humanos e animais. Semiótica peirceana.

Downloads 620  620  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!Relação entre formação docente e desempenho de alunos dos anos iniciais do Ensino Fundamental na res Popular Versão: PDF
Atualização:  15/2/2017
Descrição:
MARTINS, Josiane Bernini Jorente

Inúmeros fatores internos e externos à escola afetam a organização escolar e, consequentemente, o processo de ensino-aprendizagem. Entretanto, reconhecendo como função primeira da escola a socialização do conhecimento científico, esta pesquisa objetiva investigar possíveis relações entre o desempenho na resolução de problemas matemáticos por alunos, por futuros professores e por professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental. A pesquisa desenvolveu-se dentro da perspectiva quanti-qualitativa, a partir da questão de investigação: há relações entre o desempenho docente e discente ao resolverem problemas matemáticos relativos ao conhecimento científico específico dos anos iniciais? Para responder a esta questão, realizou-se em um primeiro momento, uma revisão entre os anos de 2004 a 2014, junto à Biblioteca Digital de Teses e Dissertações – BDTD – buscando discutir a formação inicial dos professores para atuarem nos anos iniciais do Ensino Fundamental, com ênfase na apropriação dos conceitos matemáticos. Constatou-se que os professores dos anos iniciais apresentam lacunas em sua formação matemática, dificultando à escola possibilitar a muitos de seus alunos a apropriação dos conceitos matemáticos. Ainda, realizou-se uma pesquisa de campo, utilizando para coleta de dados: um questionário aplicado aos professores (62) que ensinam Matemática nos anos iniciais do Ensino Fundamental, no município pesquisado indagando suas principais dificuldades; uma prova modelo da Prova Brasil de Matemática, aplicada a alunos do quinto ano (278), a professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental (17), e a concluintes dos cursos de Formação de Docentes em nível médio (18) e de Pedagogia (18). A análise das respostas dadas ao questionário possibilitou constatar que os conteúdos Matemáticos que os professores consideram mais difíceis para ensinar referem-se aos números racionais, tanto na representação decimal quanto fracionária e suas relações com a porcentagem. Essa constatação vem ao encontro do verificado no desempenho dos sujeitos pesquisados uma vez que, na resolução da prova aplicada, o menor índice de acertos dos alunos do quinto ano (10,1%), dos professores dos anos iniciais (52,9%), dos concluintes do curso Formação de Docentes em nível médio (27,8%) e dos concluintes de Pedagogia (22,2%), referem-se à mesma questão, a qual aborda os conhecimentos sobre frações. Diante dessa constatação, presume-se que alunos, professores e futuros professores dos anos iniciais apresentam lacunas na apropriação do conceito de frações, e que o ensino de Matemática, mais especificamente dos números racionais, tanto na Educação Básica quanto na Educação Superior, pouco têm contribuído para a superação de possíveis obstáculos epistemológicos que surgem no processo de aprendizagem. A pesquisa revela ainda que os conceitos geométricos também constituem uma lacuna comum no conhecimento matemático de docentes e discentes, o que indica uma fragilidade no ensino desses conceitos. Destaca-se, portanto, a necessidade da formação docente continuada. Quando o professor não tem conhecimentos didáticos e/ou matemáticos conceituais bem construídos pode, 8 além de não contribuir para a superação dos obstáculos existentes, criar obstáculos didáticos – provindos da prática docente – dificultando o avanço no processo de escolarização e prejudicando seu desenvolvimento cognitivo.

PALAVRAS-CHAVE: Educação Matemática. Formação de Professores. Ensino Fundamental.

Downloads 215  215  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UNIOESTE  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


(1) 2 »