Educadores


Ínicio : Espanhol : Teses : 

Categoria: Espanhol Teses
Fazer Download agora!A estrutura informacional e as duplicações: uma contribuição ao ensino de E/LE Popular Versão: 
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
VELOSO, Valdirene Filomena Zorzo

Esta pesquisa tem por objetivo verificar se os alunos-informantes, aprendizes brasileiros de espanhol como língua estrangeira, e futuros professores, utilizam a duplicação, assim como investigar se a hipótese de que a experiência em sala de aula focada no fornecimento de input abundante e centrada na comunicação pode levar a melhores resultados no uso de pronomes clíticos e das duplicações em comparação aos obtidos por meio de trabalho centrado na gramática. Para tanto, propusemos um experimento com três diferentes situações pedagógicas de expor os alunos-informantes às duplicações em estruturas com o pronome clítico em espanhol, a fim de comprovar se há diferença no resultado final da aprendizagem a partir de diferentes processos de manipulação do input (PMI). Como o fenômeno que analisamos está estritamente relacionado à organização da estrutura informacional visando à melhor veiculação da informação em benefício da comunicação, adotamos a Gramática Funcional da corrente holandesa (DIK, 1981, 1989, 1997) para o entendimento do referido fenômeno. Pela mesma razão, buscamos uma teoria de aquisição e aprendizagem que pudesse corroborar o experimento que realizamos com os alunos-informantes, com o intuito de verificar a validade de nossa proposta de diferença no output destes aprendizes em função de processos, também diferenciados, de manipulação do input. Deste modo, a Teoria do Monitor proposta por Krashen (1976 e 1982), mais especificamente, a Hipótese do Input, pareceu-nos pertinente para testar nossa hipótese sobre o uso da duplicação. Assim, pudemos concluir que os informantes, usaram a duplicação em suas produções a partir de uma situação comunicativa apresentada pela história em quadrinhos selecionada e que há diferença no output em função da metodologia de exposição dos aprendizes aos conteúdos estabelecidos. A proposta metodológica que apresentou input centrado na comunicação e contextualizado obteve resultados mais significativos em termos de output. Esta proposta de PMI atende à concepção funcionalista da linguagem, logo o input que deve ser dado aos aprendizes é aquele que mais se aproxima da situação real de comunicação, pois a estrutura informacional será compreendida, o input será compreensível e possibilitará o processo de aprendizagem/aquisição proposto por Krashen (1982) em sua hipótese do input.

Palavras-chave: Clíticos. Duplicação. Funções pragmáticas. Gramática funcional. Língua espanhola. Metodologia do ensino de espanhol como língua estrangeira.

Downloads 3305  3305  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.