Educadores


Ínicio : Arte : 

Categoria: Arte
Fazer Download agora!Quem é que Fala nos Filmes de Lucrécia Martel? O Olhar, a Narrativa, o Narrador e o Ponto de Vista Versão: PDF
Atualização:  9/1/2019
Descrição:
NANTES, Josiane V. Ribeiro

A presente dissertação objetiva refletir sobre a construção narrativa, do narrador e do ponto de vista nos longas-metragens de Lucrecia Martel, específicamente La ciénaga (2001), La niña santa (2004) e La mujer sin cabeza (2008). Considerando-se que as obras citadas se construíram em um momento histórico denominado como Pós-modernismo, utilizam-se alguns teóricos para a definição desse conceito e, assim, perceber que este período determina e influencia muitos dos campos da vida social, incluindo as artes e seu arcabouço estético. A narrativa, os narradores e o ponto de vista das obras da cineasta citada fazem parte deste grupo e, por isso, justifica-se um estudo mais aprofundado das questões pós-modernas. Lucrecia Martel possui uma forma peculiar de filmar e construir seu espaço narrativo - a sensação de desordem é constante - consequências da utilização da narrativa de fluxo. Além disso, utiliza-se ainda das técnicas da oralidade, tornando suas obras complexas, não somente em sua estrutura composicional, mas na totalidade delas. Seus narradores são híbridos, assim como o ponto de vista utilizado para contar/mostrar sua ficção. Obras pós-modernas se constroem sem fronteiras delimitadoras, elas deslizam entre os vários campos artísticos, tornando as representações culturais fragmentadas, efêmeras e fluídas, resquício da estrutura social. Para fundamentação teórica, buscam-se as proposições de Fredric Jameson ([1991] 1996), David Harvey ([1989] 2008) e Linda Hutcheon ([1988] 1991), a fim de abordar as questões do Pós-modernismo. Silviano Santiago ([1989] 2002) e Flavio de Campos ([2007] 2009), no que concerne às especificações dos narradores, Norman Friedman ([1967] 2002), quanto à especificação do ponto de vista e, quando necessário, a título de comparação teórica, de outros autores que tratam destes assuntos. Pretende-se, deste modo, discutir e empreender o delineamento de como se constrói a narrativa, o(s) narrador(es) e o ponto de vista nas obras cinematográficas de Lucrecia Martel.

Palavras-chave: Lucrecia Martel. Narrativa pós-moderna. Narrador. Ponto de vista.

Downloads 44  44  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.