Educadores



Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!Análise das condições ambientais do parque Arthur Thomas e sua importância para a população de Londr Popular Versão: 
Atualização:  10/5/2013
Descrição:
BALLAROTTI, Lenita

O Parque Arthur Thomas, localizado dentro da malha urbana de Londrina, sofre as consequências diretas da ação antrópica, típicas de uma cidade com mais de quinhentos mil habitantes. Apesar das ações de organismos governamentais e não-governamentais, envolvidos na defesa dos interesses do Parque, há dificuldades na manutenção da integridade deste ecossistema, cuja importância para a cidade é inquestionável. Este trabalho teve como objetivo principal avaliar aspectos das condições ambientais do Parque Arthur Thomas, verificando sua importância como Unidade de Conservação, bem como área de estudos e de lazer para a população de Londrina - Pr. Buscando- se trabalhar de forma inovadora e socializante, foi empregada a Metodologia da Problematização, por meio do Arco de Maguerez, compreendendo cinco etapas: Observação da realidade; identificação de problemas e seus pontos-chave; teorização; proposição de hipóteses de solução e aplicação à realidade. Descrevendo um arco, esta metodologia parte da realidade, estuda-a de forma crítica e reflexiva e retorna a esta mesma realidade com possíveis propostas de solução. Como resultado da avaliação das condições ambientais do Parque, o trabalho enfoca alguns problemas existentes e sugere possíveis ações para a solução ou a amenização dos desequilíbrios constatados. A importância do Parque para a população de Londrina foi constatada mediante consulta junto aos visitantes, por meio de questionário. As respostas sugerem mudanças principalmente no atual modelo de gestão da unidade.

Palavras-chave: Proteção ambiental. Recursos naturais - Conservação. Meio ambiente.

Downloads 8201  8201  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Estadual de Londrina  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.