Educadores



Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Uma análise do verbo tener à luz do confronto com o verbo ter Popular Versão: 
Atualização:  19/4/2012
Descrição:
LOPES, Kaarina Mirani Hamalainen

Este trabalho compara as construções existenciais do português do Brasil com as construções existenciais do espanhol. A pesquisa se situa no âmbito da Linguística Histórica, da análise sintática e semântica dos verbos HAVER e TER no espanhol e português atual e arcaico. As construções existenciais ou de tempo composto no espanhol ocorrem de modo distinto das do português, TER no espanhol somente constrói sentenças que expressam relações de posse. Levando em conta a origem das línguas portuguesa e espanhola e ainda as realizações de TER e HAVER no português e no espanhol arcaico, o objetivo deste trabalho é entender porque no espanhol não podemos formar sentenças existenciais como as do Português: 1. Por causa do feriado, há somente três alunos na sala. 2. Por causa do feriado, têm somente três alunos na sala. 3. Hay dos alumnos en el aula. 4. *Tiene una mujer en la cocina. No espanhol, o verbo TER somente é usado nas construções possessivas: 5. Yo tengo un gato y una perrita. Tendo como base princípios da teoria gerativa, busco fazer uma análise das estruturas sintática e semântica desses verbos e suas realizações, a fim de compreender as diferenças e semelhanças que existem nas construções existências no português e no espanhol.

Palavras-chave: Língua portuguesa.Língua espanhola. Sintática. Semântica. Verbo tener. Verbo ter.

Downloads 1370  1370  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.