Educadores



Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Um retrato da formação de professores de espanhol como língua estrangeira para crianças: um olhar so Popular Versão: 
Atualização:  19/4/2012
Descrição:
RINALDI, Simone

Este trabalho trata da formação de professores de espanhol para crianças. A pergunta inicial que nos motivou foi: o ensino de espanhol para crianças é necessário e desejável? Textos legais, teóricos, pesquisadores e pais nos mostraram que sim, tanto desejável quanto necessário. A partir disso, buscamos saber como se dá a formação dos docentes que trabalham com a faixa etária dos 7 aos 10 anos. Explicitamos alguns pontos da história do ensino de línguas estrangeiras no Brasil, das abordagens e métodos de ensino de idiomas, da criação da Universidade de São Paulo e, com ela, a Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas e a Faculdade de Educação - ambas responsáveis pela formação de professores de espanhol - e da inserção da língua espanhola nas escolas brasileiras de Ensino Fundamental e Médio. A partir da análise de questionários respondidos por treze informantes de São Paulo - SP, Suzano - SP, Foz do Iguaçu - PR e Porto Alegre - RS, todos professores de espanhol que já atuam com crianças no nível escolar que nos diz respeito, traçamos o perfil da formação desses docentes, da sua atuação, bem como das dificuldades vividas por eles em sala de aula. Averiguamos que tanto os professores que cursaram Magistério quanto os que não optaram por essa formação secundária se valem de práticas semelhantes: usam as mesmas estratégias e as mesmas atividades. Constatamos, também que, embora as práticas utilizadas se assemelhem, as dificuldades que esses profissionais encontram em sua atuação diferem em quantidade, mas não em tipologia, ou seja, falta de atenção, problemas de concentração e de (in)disciplina dos estudantes. As dificuldades apontadas pelos docentes, associadas às lacunas em sua formação acadêmica, nos induzem a concluir que realmente falta um programa específico para professores de espanhol para crianças e, assim, sugerimos algumas opções de inserção desse tema nos vários níveis de formação: no Magistério (secundário e/ou superior), no curso de Graduação e na Pós-graduação. Está claro que não seria suficiente oferecer somente uma formação inicial. É importante a possibilidade de formação continuada, na qual os profissionais possam compartilhar experiências, além de aprofundarem seus estudos. Imprescindível seria, também, que se ampliasse a lei que habilita professores a trabalharem com as primeiras séries do Ensino Fundamental, para que profissionais com Licenciatura e Pós-graduação pudessem exercer plenamente essa função.

Palavras-chave: Crianças (estudo e ensino). Ensino de língua estrangeira. Ensino Fundamental. Formação de professores. Língua espanhola.

Downloads 812  812  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.