Educadores



Categoria: Ciências Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora! Ciências versus Biologia: (des)encontro entre Ensino Fundamental e Ensino Médio Popular Versão: PDF
Atualização:  5/6/2017
Descrição:
BOZZA, Elizangela Cristina

O presente estudo diz respeito a uma pesquisa de natureza qualitativa. Tem origem na experiência docente de sua autora em Ciências e Biologia, diante da recorrente problemática acerca da defasagem dos conteúdos biológicos pelos alunos na passagem do Ensino Fundamental para o Ensino Médio. Existe aí um hiato contraproducente à aprendizagem. Os alunos mostram dificuldades em acompanhar conteúdos dentro da disciplina de Biologia, os quais já teriam sido estudados durante o Ensino Fundamental, mesmo que em menor grau de profundidade e complexidade, na disciplina de Ciências. Assim, a questão de pesquisa que orientou este estudo consistiu em identificar qual é o repertório de conhecimentos em Biologia que estão presentes entre alunos iniciantes da 1ª série do Ensino Médio, para identificar uma possível defasagem e recolher dados que possam nortear ações que reduzam as deficiências de aprendizagem. Para isso, elaborou-se um Produto Educacional, o “Entrando no Ensino Médio: Caderno de Avaliação Diagnóstica de Conteúdos em Biologia”, que contemplou 10 questões de conhecimentos estudados em Ciências no Ensino Fundamental e que serão aprofundados em Biologia na 1ª série do Ensino Médio. Cada questão disposta em tal material agregou justificativas fundamentadas em autores da área de ensino de Ciências do exterior e do Brasil, além de justificativas emanadas da experiência docente da própria prática da autora/mestranda. O Caderno foi implementado em março de 2015 com três turmas de 1ª série do Ensino Médio de uma escola pública de Curitiba, Paraná, Brasil. A escolha das três questões para análise decorreu da ponderação sobre o número de acertos/erros e sobre considerações importantes nas respostas efetuadas. A metodologia utilizada foi a Grounded Theory (Metodologia Fundamentada nos Dados), em razão de ser uma abordagem que nasce da prática da pesquisa, permitindo que o problema proposto fosse aproveitado como fonte de informações, e as análises dos dados qualitativos pudessem ser enraizadas (grounded) nos dados coletados. A pesquisa abrangeu 116 alunos e os resultados indicam a existência de uma fragmentação de conhecimentos biológicos na interface Ensino Fundamental-Ensino Médio, que deriva de vários aspectos, dentre eles político, social e burocrático, mas também pedagógico, no qual os professores podem agir. A utilização do Caderno permitiu obter informações que se configuraram subsídios às estratégias de avaliação e ações futuras. Uma avaliação diagnóstica mostrou-se útil para que o(a) professor(a) possa analisar os conhecimentos trazidos por seus alunos, para então direcionar suas aulas, procurando adequar metodologias e conteúdos às necessidades mais relevantes da turma, buscar a articulação curricular, além de conceder a necessária atenção para o processo de avaliação, dentre outros, de modo que os discentes possam de fato compreender e participar das aulas. Afinal, se o professor não pode interferir nas condições de entrada do aluno, pode (e deve) interferir em suas condições de saída.

Palavras-chave: Avaliação. Ensino de Biologia. Transição entre etapas de ensino.

Downloads 3375  3375  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UTFPR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.