Educadores

Ínicio : Filosofia : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (2)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Título (A a Z)

Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A presença de Nietzsche no discurso de Foucault Popular Versão: 
Atualização:  20/5/2010
Descrição:
Oropallo, Maria Cristina:

O presente trabalho pretende mostrar que, para constituir seu pensamento, Michel Foucault apropria-se e usa Nietzsche de maneira crucial, a apropriação de muitos elementos do pensamento nietzscheano, que permitem a Foucault construir, de forma autêntica e autônoma, a sua própria filosofia.

Palavras-chave: Nietzsche. Foucault. Estética. Ética.

Downloads 1785  1785  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USJ  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A questão da unidade e do ensino das virtudes em Platão Popular Versão: 
Atualização:  15/9/2011
Descrição:
Feitosa, Zoraida Maria Lopes

O objetivo deste trabalho está relacionado à questão de saber qual a natureza da virtude em Platão; para tanto, procuramos demonstrar que a virtude na ética platônica possui diferentes fases. A primeira, trata da virtude a partir da visão socrática, considerada a fase de juventude de Platão; nesta fase, o conceito de virtude coincide com conhecimento, ou seja, todo princípio ético deve estar fundamentado pela razão, portanto o conhecimento é o princípio fundamental e unificador de todas as virtudes.

Palavras-chave: Platão. Virtude. Natureza da virtude. Virtude e bem. Virtude e felicidade.


Downloads 529  529  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A realidade como ideologia: sobre o problema da ideologia na obra de Theodor W. Adorn Popular Versão: 
Atualização:  15/9/2011
Descrição:
PEDROSO, Gustavo Jose de Toledo

A tese propõe-se explicar as peculiaridades do conceito de ideologia na obra de Adorno, entendo-o como conceito central na filosofia adorniana. Para tanto, procura-se em primeiro lugar apresentar uma reinterpretação da articulação entre mito e Aufklärung tal como exposta no livro Dialektik der Aufklärung, a fim de se caracterizar o quadro histórico geral em que se coloca o problema para Adorno. A partir disto, são então analisados os fenômenos principais da reversão da Aufklärung em mito: o antisemitismo e a indústria cultural. Quanto ao primeiro, discutem-se os textos de Adorno produzidos no âmbito do Projeto de Pesquisa sobre o Anti-Semitismo e os Elementos do Anti-Semitismo buscando-se obter as bases psicológicas e do fenômeno e, através disso, o diagnóstico adorniano da contemporaneidade. Os resultados deste trabalho são então utilizados na análise da indústria cultural como forma por excelência da ideologia no capitalismo tardio.

Palavras-chave: Adorno. Anti-semitismo. Fascismo. Ideologia. Indústria cultural.

Downloads 1064  1064  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma FFLCH - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A realidade e seus signos na lógica de Guilherme de Ockham Popular Versão: 
Atualização:  21/6/2012
Descrição:
OLIVEIRA, Carlos Eduardo de

A “Exposição de Guilherme de Ockham para o Perihermenias de Aristóteles (i.e., o Sobre a Interpretação)” traz um problema para “a verdade os teólogos”: de acordo com Aristóteles, a proposição hipotética que contém um par de contraditórias sobre a mesma coisa futura e contingente não é verdadeira nem falsa de modo determinado – uma vez que nenhuma de suas contraditórias é verdadeira ou falsa de modo determinado. Sendo assim, antes que aquilo que é enunciado aconteça, ninguém pode saber com certeza a verdade ou a falsidade de proposições sobre o futuro contingente.

Palavras-chave: Ockham. lógica. Contingência. Predestinação. Futuros contingentes.

Downloads 534  534  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A relação entre liberdade e situação em Merleau-Ponty, sob uma perspectiva ontológica Popular Versão: 
Atualização:  15/9/2011
Descrição:
MOURA, Alex de Campos

Nossa pesquisa pretende mostrar a relação entre liberdade e situação presente na primeira fase da filosofia de Merleau-Ponty, especialmente na Fenomenologia da Percepção. Nosso objetivo é indicar que ela se apoia em uma dimensão ontológica, cuja característica principal é a recusa da tradicional separação entre ser e nada, e cujo fundamento encontra-se na temporalidade.

Palavras-chave: Liberdade. Nada. Ser. Situação. Temporalidade.

Downloads 1633  1633  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma FFLCH - Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A república e a democracia em Thomas Paine Popular Versão: 
Atualização:  30/4/2013
Descrição:
MAAMARI, Adriana Mattar

Esta pesquisa tem por objetivo o estudo dos escritos de Thomas Paine para poder elaborar filosoficamente sua concepção democrática republicana no contexto da Filosofia das Luzes e sobretudo, no quadro histórico das revoluções americana e francesa do final do século XVIII. A ambição deste escritor é precisamente ajudar à construção de um Estado em que as decisões políticas são tomadas pelo sufrágio universal, em que todo o povo é progressivamente incorporado à cidadania e tratado com igualdade de direitos, e que pela vocação laica este Estado mantêm-se completamente independente de toda tendência de natureza religiosa. Seus escritos, sua vida e algumas interlocuções com seus contemporâneos serão examinados ao longo deste trabalho.

Palavras-chave: Democracia. Independência Americana. República. Revolução Francesa. Thomas Paine

Downloads 1169  1169  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A temporalidade da presença: a elaboração heideggeriana do conceito de tempo Popular Versão: 
Atualização:  30/4/2013
Descrição:
KIRCHNE, Renato

Esta investigação baseia-se na obra de Martin Heidegger. Tem o propósito de ver entender como este pensador elabora seu próprio conceito de tempo a partir de uma interpretação peculiar da presença humana (menschliche Dasein), tendo em vista, também, a elaboração de uma ontologia fundamental. A tematização heideggeriana revela que o tempo não é nem objetivo, nem subjetivo. Sua tematização do tempo é uma tematização ontológica, razão pela qual está relacionada com a questão pelo sentido do ser. Tendo a hermenêutica fenomenológica como método de investigação, Heidegger mostra que o tempo “cada vez e sempre já” “se dá” enquanto modos próprios ou impróprios de temporalização. Na elaboração do conceito de tempo é preciso ver e entender “como” ele fundamenta e descreve a temporalidade originária, a ocupação cotidiana do tempo e a origem do conceito vulgar de tempo. A interpretação vulgar do tempo encobre a constituição ekstática e horizontal da temporalidade originária e, desse modo, tende a permanecer nivelada por esse encobrimento.

Palavras-chave: Fenomenologia. Ontologia fundamental. Presença humana (menschliche Dasein). Existência. Analítica existencial. Ser-no-mundo. Cura. Analítica temporal. Temporalidade. Temporalização. Cotidianidade. Historicidade. Intratemporalidade. Tempo ocupado. Tempo do mundo. Conceito vulgar de tempo

Downloads 4891  4891  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFRJ  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A transformação do Estado: a passagem do princípio da separação para o modelo de comunicação entre a Popular Versão: 
Atualização:  29/4/2012
Descrição:
RIBEIRO, Diógenes Vicente Hassan

Considerando as profundas transformações por que passa o Estado contemporâneo, decorrentes, especialmente, da globalização ou da mundialização econômica, que revela as diversas crises do Estado nos âmbitos conceitual, estrutural, constitucional, funcional e político, a tese apresentada se ocupa da comunicação entre os poderes do Estado, indicando o fim da noção de separação. O princípio da separação dos poderes do Estado, na sistematização de Montesquieu, que tinha como propósito principal evitar a concentração do poder e como propósito secundário organizar o exercício do poder do Estado, como solução e reação do pensamento liberal ao absolutismo, evoluiu com a teoria norte-americana dos freios e contrapesos, bem como com a consagração constitucional dos conceitos de independência e autonomia dos poderes, exercidos com harmonia. Posteriormente, sedimentou-se a ideia de especialização das funções do Estado, assim enfatizando a delimitação de competências, que também reduz a noção de poder, no sentido de mostrar que o poder do Estado não é apenas o poder oficial e formal, havendo outras fontes de onde emanam graves influências. E, recentemente, a Constituição da União Europeia incorpora o conceito de cooperação leal entre as suas instituições.

Palavras-chave: Poder. Estado. Funções do Estado.

Downloads 1859  1859  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade do Vale do Rio do Sinos  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A vontade de poder é incremento da vida - e nada mais! - na filosofia de Nietzsche  Popular Versão: 
Atualização:  29/4/2012
Descrição:
Oselame, Valmor Luiz

A Vontade de Poder no pensamento de Nietzsche é a expressão da vida, sem nenhuma outra conotação, seja metafísica, religiosa, moral ou psicológica. Para seu entendimento como filosofema foram analisados outros conceitos correlatos, tais como vida e existência, sendo a vida a expressão puramente biológica e a existência a construção psicológica que atribui um sentido à vida; ser humano, como o ente que se construiu, criando e desenvolvendo características específicas como a razão, a inteligência, a memória, o querer e a concrescência; o conhecimento, como recurso para construção da existência. Para o entendimento deste ser humano, no pensamento de Nietzsche, é necessário enquadrá-lo dentro daquilo que ele chama de espírito histórico, civilização, mundo e forças vitais.

Palavra-chave: Nietzsche. Friedrich Wilhelm. Vontade de poder.

Downloads 516  516  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul  Site 
Avaliação: 3.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Filosofia Teses
Fazer Download agora!A vontade livre em Nietzsche Popular Versão: 
Atualização:  30/4/2013
Descrição:
OLIVEIRA, Ana Marta Lobosque de

A tese sustenta que Nietzsche, por um lado, realiza uma severa crítica da doutrina da liberdade da vontade na tradição filosófica, e, por outro, apresenta uma concepção própria de vontade livre. Considerando o contexto mais amplo da crítica à vontade de verdade e da investigação genealógica da moral empreendida pelo filósofo, examinaremos as passagens de sua obra que criticam especificamente esse conceito, remetendo-nos a alguns dos autores que o constituem ao longo da história da filosofia, quais sejam, Platão, Aristóteles, Santo Agostinho, Kant e Schopenhauer. A seguir, investiga-se até que ponto Nietzsche interroga e promove a possibilidade de dar uma nova acepção à vontade livre.

Palavras-chave: filosofia, história da filosofia, liberdade da vontade, vontade livre, livre arbítrio.

Downloads 857  857  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFMG  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 (3) 4 5 6 7 8 9 10 »