Educadores

Ínicio : Ensino Religioso : Artigos : 

santo daime (0)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (antigos listados primeiro)

Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O "livro sagrado" do Santo Daime Popular Versão: doc
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
CEMIN, Arneide Bandeira

Este artigo interpreta parcialmente os símbolos que compõem o imaginário do "Cruzeiro", "Livro Sagrado" da religião daimista. O Santo Daime é um culto essencialmente musical. Um de seus ritos denomina-se "bailado" porque nele os adeptos (fardados) bailam em formação quadrilátera organizada por gênero, entoando hinos cujos compassos são marcados pelo toque dos maracás. Esses instrumentos cumprem, ainda, a função de "arma espiritual".

Downloads 9317  9317  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Monografias  Site http://br.monografias.com/trabalhos903/livro-sagrado-santo-daime/livro-sagrado-santo-daime.shtml
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Novas Peregrinações Brasileiras e suas Interfaces com o Turismo Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
CARNEIRO, Sandra Maria Corrêa de Sá

Neste trabalho procuro enfocar a “criação” ou “recriação” de novas rotas de peregrinação no contexto brasileiro e suas relações com o turismo. Analiso aqui a implantação de cinco rotas, conhecidas como Caminho do Sol (São Paulo), Caminho da Luz (Minas Gerais), Caminho das Missões (Rio Grande do Sul), Passos de Anchieta (Espírito Santo) e Caminho da Fé (São Paulo), que foram “inventadas” no Brasil, tendo por “modelo” o Caminho de Santiago de Compostela. O pressuposto que orientou o estudo é o de que tanto a peregrinação quanto o turismo podem ser entendidos como estruturas de significados, que apontam para as distintas possibilidades de se vivenciar estas práticas, bem como as suas possíveis transformações. Entendo que a principal diferença entre estas duas estruturas de significados (turismo e peregrinação) caracteriza-se pela externalidade do olhar e pelo grau de imersão que cada uma das experiências proporciona às pessoas que delas participam.

Downloads 835  835  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFGRS  Site http://www.seer.ufrgs.br/index.php/CienciasSociaiseReligiao/article/view/2267
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Nina Rodrigues, deuses e hierofanias para além da histeria Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
SERAFIM, Vanda Fortuna

A comunicação visa apresentar problemáticas de nosso projeto de mestrado em História apresentado à linha Instituições e História das Idéias da Universidade Estadual de Maringá. A pesquisa objetiva analisar como Nina Rodrigues, um intelectual inserido num país católico, elabora um discurso sobre as manifestações religiosas de tradição africana. Para isto utilizaremos como fontes as obras O animismo fetichista dos negros bahianos (1900) e Os Africanos no Brasil (1932). Nosso recorte histórico remete-se à transição do século XIX para o século XX, período em que o médico baiano dedica-se ao estudo das religiões dos afro-descendentes, instaurando-se enquanto um marco inicial para todas as pesquisas posteriores.

Palavras-chave: Deuses. Hierofanias. Nina Rodrigues.

Downloads 768  768  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Narrativas Biográficas: a Construção da Identidade Espírita no Brasil e sua Fragmentação Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
STOLL, Sandra Jacqueline

A biografia de dois médiuns brasileiros – Chico Xavier e Luiz Antonio Gasparetto –, constitui o objeto de reflexão deste artigo, que tem como propósito rever as relações construídas pelo espiritismo no campo religioso brasileiro, salientando, em especial, os diálogos estabelecidos com a religião hegemônica no país, o catolicismo e, mais recentemente, com o universo da chamada “Nova Era”. Na trajetória dos personagens em questão, o catolicismo ocupa lugar central: no caso de Chico Xavier como matriz de reinterpretação da doutrina espírita; no caso de Luiz Antonio Gasparetto, como alvo de crítica. Essas duas biografias caracterizam, portanto, momentos distintos da história do espiritismo no Brasil. Ao mesmo tempo, a convivência desses dois modelos evidencia modos concorrentes de sua expressão contemporânea no país.

Downloads 723  723  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.iea.usp.br/iea/revista/coletaneas/religioes/index.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Na Igreja, nas Casas e nas Ruas: Estratégias de Expansão e Participação na Visão Celular no Governo  Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
ANDRADE, Eliana Santos

Os últimos trinta anos do século XX provocaram mudanças radicais na configuração mundial representadas principalmente pelo avanço do capitalismo globalizado e das tecnologias sobretudo nas áreas de informática e telecomunicações. Como não poderia deixar de ser, a religião não escapa a estas transformações econômicas, políticas e sócio-culturais que perpassam toda a sociedade, ela acompanha as mudanças sociais tentando ajustar-se, adaptar-se a novas situações e novas demandas. Surgida neste contexto de transformações vivenciadas no protestantismo dos últimos anos, o movimento chamado de Visão Celular no Governo dos 12 abriga em si muitas das práticas difundidas entre os protestantes na contemporaneidade, como a adoção de modelos de gestão eclesiástica do tipo empresarial, a ênfase na guerra espiritual e a promoção de marchas. Esta comunicação tem como objetivo discutir algumas práticas e representações presentes neste novo movimento religioso surgido no meio protestante, privilegiando os aspectos sócio-políticos e tendo como campo empírico a cidade de Salvador na Bahia. Numa perspectiva da sociologia da religião , temos como referenciais teóricos Max Weber e Pierre Bourdieu.

Downloads 6045  6045  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O ambíguo da Rerum Novarum Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
BATISTA, Carolina de Almeida

A encíclica Rerum Novarum- sobre a condição operária de LEÃO XIII, nome pontifício do cardeal Gioachino Pecci, postulada em 1891 pode ser considerada um marco na história do catolicismo. Por mais de um século interpretações vêm sendo feitas e demonstrando a importância e atualidade que contêm o documento. Pretende-se entender aqui as bases que calcaram o seu autor e os motivos que tornam tal encíclica um divisor de águas na política da Igreja Católica. Primeiramente, nos ateremos aos pressupostos da política católica que a Rerum Novarum faz parte e que justificam algumas das posturas defendidas por LEÃO XIII. Discutiremos o que explicaria este “ultraconservadorismo” ou “ultramontanismo“ defendido por Gioachino Pecci, mas que começava dar abertura a modernidade através da Doutrina Social da Igreja. Em seguida, abarcaremos as próprias posturas do pontífice que traduzem a política ultramontana demonstrando este caráter inato em sua obra. E por fim, partiremos para o entendimento da ambigüidade explícita em LEÃO XIII que proporcionou uma fase de diálogo da Igreja com o mundo moderno e corporificado na Rerum Novarum.

Downloads 721  721  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O Alvo da História da Igreja e a História da Igreja como Alvo: O Exemplo da Idade Média Central (Séc Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
ALMEIDA, Néri de Barros

O ensino da História da Igreja medieval é perturbado por uma série de preconceitos. Deles decorrem abordagens desprovidas de dinâmica histórica e profundidade social. Pretendemos, através da apresentação de alguns destes preconceitos e de exemplos históricos, tratar da importância de uma apresentação mais cuidadosa do período e de sua relevância para a conformação da consciência histórica contemporânea.

Downloads 991  991  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma REVER  Site http://www.pucsp.br/rever/rv2_2004/t_almeida.htm
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O Brasil com Axé: Candomblé e Umbanda no Mercado Religioso Popular Versão: PDF
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
PRANDI, Reginaldo

Desde os estudos de Roger Bastide, na década de 1940, muita coisa mudou no Brasil, também no âmbito das religiões e das religiões afro-brasileiras. Velhas tendências foram confirmadas, novas direções foram se impondo. Religiões recém-criadas se enfrentam com as mais antigas, velhas religiões assumem novas formas e veiculam renovados conteúdos para enfrentar a concorrência mais acirrada no mercado religioso. Vou tratar aqui de um ramo religioso pequeno demograficamente, porém importante do ponto de vista de seu significado para a cultura brasileira e da visibilidade que transborda de seu universo de seguidores: as religiões afro-brasileiras. Trata-se de acompanhar as mudanças numéricas encontradas pelos censos para dimensionar os seguidores das religiões afro-brasileiras, e de examinar algumas de suas características, como cor e escolaridade, para então avançar, sem perder de vista as peculiaridades constitutivas e organizacionais dos cultos e terreiros, alguma explicação sobre mudanças pelas quais vêm passando essas religiões nos dias de hoje.

Downloads 618  618  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.iea.usp.br/iea/revista/coletaneas/religioes/index.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O Buddha Siddhartha e a Trajetória do Herói Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
CAMPOS, Eline de Oliveira; LIMA, Marileuza Fernandes; MIELE, André

A história de Siddhartha Gautama, o Buddha, traça uma trajetória que pode ser comparada ao “Monomito” ou “Mito do Herói”. Nesta perspectiva pretende-se analisar as narrativas de sua vida dentro deste esquema teórico-metodológico, considerando três fases a serem exploradas: de início a separação, medianamente a iniciação, e por fim, o retorno, as quais se configuram como as fases básicas da estruturação do Mito do Herói. Analisando a trajetória do Buddha Gautama, percebe-se a simetria nos acontecimentos de sua vivência com a trajetória do herói. Além desse primeiro ciclo, e indo um pouco além do esquema utilizado, vislumbra-se através dele, um ciclo metafísico de crescimento da individualidade que busca a integração com o todo ou essência divina, traçado exotericamente dentro do indivíduo, que poderia por similitude ser assim representado: desapego–superação–doação. Essa investigação, de cunho bibliográfico e caráter exploratório, busca traçar paralelos entre a história do Buddha Gautama e o ciclo percorrido pelo herói mitológico como forma arquetípica de vivência humana à procura da auto-superação enquanto caminho para a iluminação espiritual.

Palavras-chave: Mito. Monomito. Budismo.

Downloads 2066  2066  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!O Budismo Étnico na Religiosidade Nikkey no Brasil: Aspectos Históricos e Formas de Sobrevivência So Popular Versão: pdf
Atualização:  27/4/2012
Descrição:
SHOJI, Rafael

A partir de um conceito de grupo étnico baseado na interação social, pode-se analisar o comportamento religioso dos nikkeis enquanto comunidade que mantém fronteiras tanto para com brasileiros quanto para com japoneses, o que se reflete na prática e nas estratégicas de sobrevivência do Budismo étnico. Tem existido um esforço para uma adaptação cultural e lingüística nos templos, reflexo das novas gerações, mas ela não tem sido acompanhada de uma significativa abertura étnica, sendo mais destinado a atrair os descendentes que se identificam com uma identidade nikkey. Se as fronteiras com os brasileiros são além disso dadas com o poder político e sustentação financeira dados pelos nikkeis, diferenças com o Budismo japonês têm se intensificado devido a fatores particulares do Brasil enquanto ambiente de recepção. Como um ponto comum com japoneses e brasileiros, muitos nikkeis mantém uma convivência com diversas religiões, muitas vezes não sendo praticante formal de nenhuma. No caso dos nikkeis budistas, é possível identificar ainda hoje, como padrão mais geral, uma manutenção da identidade étnica através do Budismo e um pertencimento à sociedade majoritária principalmente através do Catolicismo, que foi o substituto histórico dos nikkeis para o papel que o Xintoísmo tem na religiosidade japonesa.

Downloads 830  830  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma REVER  Site http://www.pucsp.br/rever/rv4_2002/t_shoji.htm
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 (24) 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 »