Educadores

Ínicio : Ensino Religioso : Artigos : 

santo daime (0)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (novos listados primeiro)

Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!As concepções educacionais de Martinho Lutero Popular Versão: 
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
BARBOSA, Luciane Muniz Ribeiro.

Este artigo tem como objetivo apresentar a concepção de educação de Martinho Lutero no movimento da Reforma Protestante do século XVI, revelando aproximações entre história, religião e política. Em um século marcado por inúmeras indagações e mudanças, Lutero apresenta críticas em prol de uma Reforma na Igreja e também faz propostas para uma reforma da educação escolar de sua época, até então marcada pela formação exclusiva de religiosos e eclesiásticos. Ele propõe, em dois textos de sua autoria, uma educação escolar cristã que apresente uma nova organização em relação a: currículos, métodos, professores, formas de financiamento e manutenção das escolas. Também reflete sobre a utilidade dessa educação e propõe que ela: atenda a todos; seja criada e mantida pelas autoridades públicas e não mais pela Igreja; seja de frequência obrigatória, para a qual apela aos pais e às autoridades por essa tarefa. Ainda que algumas dessas características não apresentem Martinho Lutero como precursor, é inevitável o reconhecimento de que ele, aliado à figura de Filipe Melanchthon e às transformações ocorridas em seu tempo, contribuiu significativamente para a extensão do direito à Educação, marcada sobretudo em sua proposta de criação das escolas elementares, além da reorganização dos colégios secundários e da universidade, enfatizando a ação do Estado como responsável pela educação escolar.

Palavras-chave: Martinho Lutero. Reforma protestante. Direito à Educação. Estado e Educação.

Downloads 971  971  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Educ. Pesqui., jan./abr. 2007, vol.33, no.1, p.163  Site http://www.scielo.org
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Caminhos e Histórias: A Historiografia do Protestantismo na Igreja Presbiteriana do Brasil Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
WATANABE, Tiago Hideo Barbosa

Poucas obras, até o momento, pensaram o fazer histórico no protestantismo brasileiro, assim, evidenciando uma lacuna e procurando preenchê-la, faremos uma crítica à historiografia do protestantismo brasileiro (da década de 1950 a 1990) tendo como referenciais teóricos Michel de Certeau (teoria da resignificação e recepção das ideias) e Michel Foucault (teoria do poder). O local de produção dessa historiografia é de fundamental importância para a compreensão dos rumos e sentidos produzidos. Nossa hipótese é de que, ao contemplar as disputas pelo poder, a historiografia reproduziu narrativas apologéticas de posturas teológicas conflitantes da cúpula. A captura dos sujeitos religiosos, através de suas memórias, mostram um lado da historiografia não contemplado. Trata-se de apontar para uma outra história, que tem outra temporalidade e preocupações. Muitas vezes com desdém das disputas eclesiásticas, uma história preocupada com as necessidades e dificuldades desses sujeitos em seu cotidiano; um cotidiano imerso num campo religioso plural e difuso como o brasileiro.

Palavras-chave: Historiografia. Protestantismo. História eclesiástica. História cultural.

Downloads 705  705  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma REVER  Site http://www.pucsp.br/rever/rv1_2005/t_watanabe.htm
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Concepções escatológicas e vida social no Pentecostalismo Brasileiro Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
ROCHA, Daniel

Esta breve reflexão pretende discutir como as formulações teológicas internalizadas pelos fiéis e pregadas pelos sacerdotes lhes dão uma ideia de sentido para a história e influenciam sua participação na política e na sociedade. Para tentar atingir tal intento, analisaremos o desenvolvimento da escatologia, a doutrina das últimas coisas, no pensamento cristão e como ela influenciou e foi influenciada pelas conjunturas sociais. Por fim, analisaremos as concepções escatológicas do pentecostalismo brasileiro, à luz das suas expressões de fé, e suas consequências na vida social e política de seus fiéis e lideranças.

Downloads 936  936  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Em Nome da Caridade Cristã: O Papel da Igreja Católica Brasileira do Tratamento aos Leprosos Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
CÂMARA, Cidinalva Silva

Ao longo da história a lepra e leproso foram objetos de estigmatização e isolamento. No Brasil, não foi diferente. O modelo de tratamento para a doença foi fundamentado na exclusão do enfermo e no seu confinamento em instituições asilares. Inicialmente, a maioria destas instituições era mantida por ordens religiosas católicas que se dedicavam a cuidar dos leprosos em nome da boa caridade cristã. Porém, a partir do final do século XIX, o cuidado com os leprosos passou a ser responsabilidade exclusiva do poder público que passou a confinar os leprosos, muitas vezes de forma compulsória, em asilos-colônia, isto tudo feito em nome da saúde pública e da boa ordem social. Nesta artigo pretendo analisar ações e formas de intervenção desenvolvidas pela igreja católica direcionadas aos leprosos no Brasil. Pretendo identificar as instituições direcionadas aos leprosos mantidas por religiosos e ordens religiosas, bem como seu destino após a estatização do tratamento da lepra e dos cuidados com os leprosos.

Palavras-chave: Lepra. Igreja Católica. Isolamento.

Downloads 943  943  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Formação Histórica do Movimento Adventista Popular Versão: PDF
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
FILHO, José Jeremias de Oliveira

Pretendendo-ser efetuar uma história compreensiva da Igreja Adventista do Sétimo Dia, segundo a representação dos adeptos da “obra” e da “mensagem”, a formação da sua representação simbólica e as práticas organizacionais orientadas pela profetisa Ellen G. White, o artigo trata do surgimento, no millenismo, do movimento adventista que transformará a seita inicial em uma igreja estruturada burocraticamente, o “comissionamento” legitimado simbolicamente pela “missão”. A presença dos Adventistas no Brasil entre o final do Império e início da Primeira República sustenta as mesmas características iniciais do movimento, embora, por sua vez, gere a inúmeras
seitas.

Downloads 462  462  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.iea.usp.br/iea/revista/coletaneas/religioes/index.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Malleus maleficarum – a bruxaria como afirmação do poder espiritual Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
RODRIGUES, Márcia Cristina

Ao analisar a Idade Média, George Duby afirma que todo poder é de natureza doméstica, participando de uma forma ou de outra, do sagrado. Tal poder é exercido por homens, cabendo a uns preceder e a outros seguir. Não existia uma formação política particular, porém a Igreja Medieval, criava e modificava as ideias políticas e religiosas de acordo com seus interesses.

Downloads 505  505  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEM  Site http://www.dhi.uem.br/gtreligiao/st12.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Migração e Encantaria: a Identidade da Entidade Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
CASALI, Rodrigo

O objetivo do trabalho é mostrar como as religiosidades brasileiras constroem sua identidade e organizam sua representação no espaço simbólico social. Por meio da análise de um caso específico que é a entidade do baiano, busco refletir a construção social da Umbanda em seu diálogo com a sociedade e com seus partícipes. Existe um movimento dinâmico e dialético na organização desse processo que perpassa pela construção do discurso, da disputa de espaço simbólico tanto político quanto territorial, em que segmentos sociais são ajustados a participar desse processo.

Palavras-chave: Umbanda. História. Identidade. Representações. Religião.

Downloads 499  499  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Lá no pé do cruzeiro, ô Jurema... tem um pé de guiné Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
OLIVEIRA, Augusto Marcos Fagundes; SANTOS, Cosme Correia dos

Tentaremos refletir sobre o Toré e o Poransi, marca identitária e diacrítica das sociedades indígenas atuais: a palavra, seu provável deslocamento linguístico, suas performances e atores, sua representação como confluência de crenças e modelos de perceber e viver no mundo, como ânima da ciência do índio.

Downloads 506  506  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEM  Site http://www.dhi.uem.br/gtreligiao/st7.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Interfaces entre Religião e Ciência no Discurso de Saúde no Adventismo Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
SCHÜNEMANN, Haller Elinar Stach

A Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD) tem adotado em sua doutrina um espaço significativo para a dimensão de vida saudável. Na origem do movimento no século XIX nos Estados Unidos há entre alguns de seus fundadores uma ampla preocupação com uma vida saudável. Essa preocupação é levada em nível doutrinário pelas visões de Ellen White, líder espiritual da igreja. Com o passar do tempo são estabelecidos hospitais adventistas e uma escola médica nos Estados Unidos. Até hoje a Igreja Adventista tem dado grande ênfase sobre as questões de saúde. No entanto, há conflitos entre os conceitos partilhados originalmente por Ellen White, e dados disponibilizados pelo conhecimento científico atual, ao mesmo tempo em que a ideia de saúde cria um conceito de valor da ciência entre os adventistas. É interessante analisar como o discurso de saúde, tem por um lado uma fundamentação religiosa e por outro lado um apelo a uma fundamentação científica. O objetivo dessa investigação é mostrar como esses discursos se relacionam, de forma a tentar construir tanto um estilo de vida saudável, como construir uma visão de mundo, de modo a demonstrar as verdades religiosas pelo discurso científico.

Downloads 629  629  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Ensino Religioso Artigos
Fazer Download agora!Macumba e umbanda: aproximações Popular Versão: pdf
Atualização:  6/6/2012
Descrição:
MALANDRINO, Brígida Carla

É possível afirmar que a macumba e a umbanda se formam no início do século XX nos centros urbanos, em especial no Rio de Janeiro e São Paulo. 1 Sabemos que é um momento histórico importante para a sociedade brasileira, uma vez que, em 1888, há a abolição da escravidão e no ano seguinte, 1889, é decretada a República. Esses dois fatos históricos foram fundamentais para a formação de ambas, uma vez que causaram transformações no âmago da sociedade brasileira. Porém, o que observamos atualmente é que a macumba, muitas vezes, é utilizada, no senso comum, de maneira pejorativa para designar as religiões afro-brasileiras, em especial a umbanda. É possível afirmar que a macumba é apenas uma formulação preconceituosa da umbanda e de outras religiões afro-brasileiras? Trabalhamos com a ideia que a macumba é muito mais do que apenas uma qualificação preconceituosa. Sendo assim, o que é possível afirmar a respeito de sua relação com a umbanda? Buscando responder a essa questão, o presente trabalho tem como objetivo esclarecer as possíveis aproximações entre a macumba e a umbanda, tendo como base a influência banto na formação dessas duas expressões religiosas. Trabalhamos com a hipótese de que tanto a macumba quanto a umbanda são cultos religiosos que sofrem influência banto e, em especial, com a ideia de que a umbanda é uma derivação da macumba, no sentido de se apropriar e ressignificar seus elementos através da reconstrução interpretativa das tradições africanas, kardecistas, católicas, indígenas e orientais, dentro de determinado momento histórico.

Downloads 1187  1187  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ABHR  Site http://www.abhr.org.br/?page_id=57
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2) 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 »