Educadores


Ínicio : Pedagogia : Teses : 

Categoria: Pedagogia Teses
Fazer Download agora!Reuniões pedagógicas e autoconfrontações: possíveis espaços de desenvolvimento profissional na escol Popular Versão: PDF
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
FOGAÇA, Francisco Carlos

Esta pesquisa tem por objetivo estudar as reuniões pedagógicas e os procedimentos de autoconfrontação como possíveis espaços de desenvolvimento profissional e de formação continuada e os conflitos e as relações de poder neles vivenciados. Além disso, analisa o agir dos sujeitos da pesquisa em reuniões pedagógicas, suas representações iniciais sobre as reuniões e sobre os conflitos que nelas ocorrem – a pesquisa investiga se tais representações são mantidas, revistas, modificadas a partir das autoconfrontações. Descreve e analisa os tipos de conflitos, polarizações e relações de poder manifestadas nas reuniões pedagógicas e também nas autoconfrontações. Esta pesquisa foi realizada em um contexto de escola pública, em um município do estado do Paraná. Foram gravadas reuniões pedagógicas em vídeo, além de entrevistas e autoconfrontações (simples e cruzada) com os três sujeitos da pesquisa (um professor de geografia, uma professora de matemática e uma de inglês). Os dados da pesquisa são transcrições feitas a partir de entrevistas, de momentos selecionados das reuniões gravadas em vídeo e das autoconfrontações. Para a análise foram utilizados procedimentos oriundos do Interacionismo Sociodiscursivo (ISD), principalmente, e dos Estudos Críticos do Discurso, com categorias originadas a partir dos dados. As principais teorias e autores que embasam o estudo são o Interacionismo Sociodiscursivo (BRONCKART, 1998, 2003, 2006, 2007, 2008, 2009), as idéias de Vygotsky (2000, 2005) relacionadas a desenvolvimento e aprendizagem; a noção de discurso e poder a partir de Foucault (1982, 2006) e dos estudos Críticos do Discurso (Van Dijk, 2008); a escola como locus de formação continuada (CANDAU, 2003); as reuniões pedagógicas como espaços de desenvolvimento (VASCONCELLOS, 2009; TORRES, 2010) e as autconfrontações como procedimentos metodológicos de coleta de dados e de formação profissional (CLOT, 1998, 2004, 2006a, 2006b; FAÏTA, 1997; FAÏTA et AL, 2000). A pesquisa mostrou que tanto as reuniões pedagógicas como as autoconfrontações podem ser espaços de desenvolvimento profissional, desde que os conflitos (e relações de poder) que neles ocorrem possam agir como catalisadores de desenvolvimento, o que Bronckart (2007) chama de apropriação do debate interpretativo, ou a conversão de artefatos culturais em instrumentos (MACHADO e BRONCKART, 2009).

Palavras-Chave: Desenvolvimento profissional. Conflito. Relações de poder. Reuniões pedagógicas. Autoconfrontação.

Downloads 7405  7405  Tamanho do arquivo 1.31 MB  Plataforma Universidade Estadual de Londrina - UEL  Site http://www.uel.br
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.