Educadores


Ínicio : Sociologia : Teses : 

Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!A demografia da vida rural paulista Popular Versão: 
Atualização:  19/8/2013
Descrição:
RODRIGUES, Izilda Aparecida

Resumo: Após decrescer por três décadas consecutivas, a população rural do Estado de São Paulo apresentou uma retomada de crescimento nos anos 90. O rompimento da tendência de esvaziamento da área rural paulista levanta uma série de questões relacionadas à sua estrutura econômica e às características da população residente. Este estudo tem como objetivo principal avaliar as características demográficas da população residente no rural do Estado de São Paulo, relacionada com a dinâmica de ocupação socioeconômica da área rural nos anos 80 e parte dos 90. As informações sobre a população foram obtidas nos Censos Demográficos e as relativas à estrutura da área rural nos Censos Agropecuários, realizados pela Fundação IBGE. Do exame da distribuição da população, segundo a situação do domicílio, ressalta-se a importância da Região Metropolitana de São Paulo como a área responsável pelo crescimento da população rural estadual. Desta constatação formula-se a hipótese de que o crescimento da população rural paulista estaria mormente relacionado ao processo de expansão urbana sobre áreas rurais. Para sua verificação, as categorias usadas pela FIBGE na definição da área rural e urbana foram desagregadas, introduzindo-se uma área de transição entre o urbano e o rural. A área urbana fica então dividida em área de transição urbana e "urbana" e a área rural em transição rural e "rural". Com essa alternativa foi possível obter diferenças importantes na área previamente definida como rural, tanto na ocupação da população residente em atividades econômicas de caráter tipicamente urbano, quanto no perfil da população residente na área de transição rural e na área "rural". O crescimento da população na área rural metropolitana foi reavaliado com esta reclassificação da situação do domicílio, reforçando-se a expansão urbana sobre áreas rurais. As informações censitárias sobre a distribuição da população, com características ligadas à inserção nas atividades econômicas, à composição e movimentos populacionais entre as Mesorregiões estaduais, mostraram diferenças no crescimento da população rural entre regiões densamente povoadas e urbanizadas, e aquelas onde as atividades agropecuárias são mais relevantes. Por fim, as categorias que definem a situação do domicílio na área rural no Estado de São Paulo podem contribuir para investigações sobre a relação entre a ocupação do rural e o crescimento da população.

Palavras-chave: Desenvolvimento rural. Crescimento demográfico. Vida rural. São Paulo.

Downloads 427  427  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000222779
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.