Educadores


Ínicio : Química : Teses : 

Categoria: Química Teses
Fazer Download agora!Relações entre Saneamento-Química-Meio Ambiente na Educação Profissional e Tecnológica numa Perspect Popular Versão: 2013
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
LEAL, Adriana Lopes

O ensino de Química em cursos Técnicos em Saneamento Ambiental/Controle Ambiental, orientado pelos pressupostos freireanos de educação e pelo enfoque CTS, pode se configurar como uma proposta que contribua para uma melhor compreensão e enfrentamento das questões sanitárias e ambientais a eles inerentes. Com esta tese, objetivamos discutir os limites e as possibilidades de conhecimentos e práticas disseminados por professores de Química, nos processos formativos dos Técnicos, referentes às compreensões de educação profissional, meio ambiente, saneamento e ensino de Química, com vistas à adoção de uma perspectiva de formação Crítico-Transformadora. O percurso metodológico de nossa pesquisa compreendeu desde uma investigação panorâmica de produções científicas da Química, relativas ao tema saneamento, seguida de uma análise de documentos oficiais e institucionais dos cursos investigados e, por fim, entrevistas Semiestruturadas com nove professores de Química de cursos TSA/CA de seis Institutos Federais, a saber: IFAC; IFPA; IFRN; IFSC; IFSudesteMG e IFTO. As informações qualitativas obtidas foram analisadas utilizando-se os procedimentos da Análise Textual Discursiva, recorrendo-se, principalmente, à concepção de educação transformadora de Paulo Freire e aos pressupostos epistemológicos de Ludwik Fleck, particularmente, à circulação intra e intercoletiva de ideias e práticas. Algumas situaçõeslimites à formação critico-transformadora foram identificadas, entre elas, a crença na neutralidade e objetividade conferida aos conhecimentos científicos e tecnológicos; o entendimento da Química focado na remediação dos problemas sanitários e ambientais (à semelhança do entendimento de saneamento como medidas técnico-instrumentais, que reforçam ações voltadas apenas ao saneamento básico); de uma visão naturalista, antropocêntrica e racional de meio ambiente e das perspectivas higienista-preventivistas e conservacionista dos problemas sanitários e ambientais. Apontamos para a existência de certas sintonias entre os coletivos de pesquisadores da Química e os professores de Química da EPT pesquisados, particularmente no que se refere a estudos voltados à Química do ambiente e à remediação dos problemas sanitários e ambientais. Por outro lado e em menor número, entre os professores também foram identificadas compreensões de EPT, saneamento, meio ambiente e ensino de Química que perecem superar a perspectiva técnico-instrumental de formação, mostrando que nos cursos TSA/CA se pode avançar em direção a uma abordagem de temas mais significativos, a partir de um enfoque CTS, da educação dialógico-problematizadora e da perspectiva da prevenção defendida pela Química Verde. Para tanto, apontamos para a necessidade de se promover processos inter-IFS de formação continuada e/ou em serviço desses professores, particularmente os de Química, cujo eixo pedagógico-epistemológico seja explorar as complicações dos diferentes estilos de pensar a formação técnica em saneamento e controle ambiental, problematizando as visões reducionistas, acríticas e orientadas pela perspectiva técnico-instrumental, visando à construção do inédito-viável: a perspectiva críticotransformadora.

Palavras-chave: Ensino Técnico. Enfoque CTS. Educação dialógica-problematizadora. Epistemologia Fleckiana. Ensino de Química; Química Verde.

Downloads 834  834  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PPGECT - UFSC  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.