Educadores


Ínicio : Arte : Teses : 

Categoria: Arte Teses
Fazer Download agora!Temporadas de Brincadeiras Popular Versão: PDF
Atualização:  16/3/2012
Descrição:
GUERRA, Vera Lucia

Este trabalho investigou a existência de marcas de sazonalidade no repertório lúdico infantil, verificando as relações entre lúdico, calendários, condições climáticas, elementos da flora e da fauna, festa e eventos sociais e religiosos, crenças, comércio e meios de comunicação. Cada jogo, brinquedo ou brincadeira foi analisado em seu contexto, considerando o período, o espaço e o ambiente em que foi realizado. A pesquisa qualitativa seguiu por caminhos da etnografia, da antropologia e da história cultural, e usou três tipos de fontes. O primeiro, constituído pelos registros dos estudiosos do brinquedo e do folclore brasileiro, português e espanhol, e textos memorialísticos e autobiográficos de autores brasileiros. O segundo, constituído por agências governamentais, grupos de preservação da cultura, artistas e museus portugueses, espanhóis, franceses, italianos e brasileiros. O terceiro refere-se à pesquisa empírica realizada em espaço de lazer e de circulação na zona urbana de Maracaju (MS). A comparação e análise dos dados indicam que as práticas lúdicas acompanham as transformações ocorridas na natureza, nos modos de produção, comunicação e de organização social de cada grupo. Dessa estreita ligação evidenciam-se as marcas sazonais, ou os fatores que favorecem ou interferem no brincar. Tais marcas não são localizadas apenas nas estações climáticas, mas nas significações simbólicas diferentes. Constatou-se a existência de temporadas de brincadeiras, apesar das alterações do repertório lúdico e das condições em que é praticado.

Palavras-chave: Jogos. Educação. Brinquedos. Brincadeiras. Crianças. Educação. Sazonalidade. Educação.

Downloads 860  860  Tamanho do arquivo 11.36 MB  Plataforma Universidade de São Paulo - USP  Site http://www.teses.usp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.