Educadores


Ínicio : Ciências : Artigos : 

Categoria: Ciências Artigos
Fazer Download agora!Análise Hidrogeoquímica no município de Curitiba-PR Popular Versão: PDF
Atualização:  19/3/2012
Descrição:
MULLER, Camila de Vasconcelos; ATHAYDE, Gustavo Brabosa; FILHO, Ernani da Rosa; BITTENCOURT, Andre Virmond Lima; HINDI, Eduardo Chemas.

O estudo hidrogeoquímico determinou em escala de 1:300.000, a tipologia da água subterrânea do Município de Curitiba- PR, relacionando-as com influências urbanas, tipo litológico e bacias hidrográficas. O tipo bicarbonatada cálcica é o predominante e, as concentrações relativamente elevadas do cátion cálcio são observadas próximo da Zona de Falha do Passaúna, Bacias hidrográficas dos rios Belém e Barigui, em poços construídos sobre os sedimentos da Formação Guabiro- tuba. A recarga natural ocorre principalmente com a infiltração da chuva nos sedimentos da Formação Guabirotuba e, permite a substituição do cátion cálcio pelo sódio, marcando o segundo tipo predominante nas águas, tipo bicarbonatada sódica. As águas bicarbonatadas que tendem para cloretadas representam cerca de 3% do total de 227 análises físico-químicas e, ocor- rem principalmente na região mais antiga de Curitiba, na Regional da Matriz. Nesta região o íon cloreto associa-se ao nitrato e, esta interação reflete a influência do ambiente urbano na qualidade das águas subterrâneas, uma vez que a presença destes elementos na área caracteriza a contaminação por efluentes domésticos. A não potabilidade de algumas águas em Curitiba, visto que existe próximo de 1000 (um mil) poços tubulares na cidade, cria um grave problema municipal, por isso é necessário um monitoramento e a quantificação da qualidade da água.

Palavras-chave: Aquifero urbano. Complexo Atuba. Formação Guabirutuba. Hidrogeoquímica. Avaliação.

Downloads 388  388  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Águas Subterrâneas, v.22, n.01, p.25-­38 , 2008  Site http://ojs.c3sl.ufpr.br/ojs2/index.php/asubterraneas/article/view/17021/11540
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.