Educadores



Categoria: Geografia Dissertações
Fazer Download agora!A (Des)construção da paisagem nos itinerários Maringá-Londrina: ferrovia, BR 376 e BR 369 Popular Versão: 
Atualização:  14/5/2013
Descrição:
VENÁ, viviane de Souza

Esta dissertação pretende mostrar e consequentemente analisar o processo de (des)construção da paisagem nos itinerários Maringá-Londrina, em três eixos de circulação: a Ferrovia (Estrada de Ferro Norte do Paraná), a BR 376 e a BR 369, pois a construção de uma paisagem só ocorre em detrimento da destruição de uma outra. E um importante fator que influenciou neste processo de transformação da paisagem é a questão econômica, grande responsável pelo tipo de paisagem, bem como também pelo tipo de sociedade existente no local de estudo. Todavia, também não se deve esquecer de que são as sucessivas sociedades que constróem as sucessivas paisagens e de que estas devem sempre ser consideradas como uma herança de processos biológicos e fisiográficos e, ainda, patrimônio coletivo dos povos que historicamente as herdaram como território de atuação de outras sociedades. O presente trabalho, se apoiou, primeiramente em um estudo bibliográfico, objetivando a fundamental construção da base teórica e o resgate histórico do processo de ocupação do Norte do Paraná, e, após, em trabalhos de campo a partir de entrevistas com moradores, na realização de importantes registros fotográficos da área de estudo e além do mais, no uso de imagens de satélite e na construção de perfis geoecológicos que retratam as características da paisagem ao longo da Ferrovia, BR 376 e BR 369 entre Maringá Londrina, atualmente.

Palavras-chave: Paisagem. (Des)construção. Ferrovia. BR 376. BR 369. Sociedade.

Downloads 2462  2462  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.uem.br
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.