Educadores



Categoria: Sociologia Dissertações
Fazer Download agora!Políticas setoriais para o aço : um estudo sobre as relações Brasil - Estados Unidos  Popular Versão: pdf
Atualização:  16/8/2013
Descrição:
SOUSA, Wagner Watson de

Resumo: Este trabalho tem como objetivo analisar as relações entre Brasil e Estados Unidos na siderurgia, de acordo com o conceito de “política de comércio estratégica”. A pesquisa traz um histórico do protecionismo norte-americano no setor, que remonta ao final da década de 60, reconstrói as negociações multilaterais, com especial ênfase para as negociações na Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE). Discorre sobre a ecessidade de políticas públicas para o aço, com as observações e pectativas dos atores envolvidos – Estado e setor privado – além de explicar, em linhas gerais, como funcionam os órgãos de defesa comercial dos Estados Unidos e sua interrelação com o regime de comércio internacional. O trabalho discute politicamente o sistema de defesa comercial dos EUA, as limitações da legislação internacional frente a mecanismos protecionistas nacionais, as posições de governo e empresas frente à questão de políticas para a indústria e o prevalecimento recente de uma visão estratégica, centrada na necessidade de inserção competitiva da siderurgia brasileira no comércio mundial, especialmente no pós-90. Nesse sentido, avalia que a ausência de uma política setorial bem estruturada com objetivo de internacionalização das empresas brasileiras fragilizou a posição do país, tornando o setor siderúrgico com clara tendência à desnacionalização frente às perspectivas predominantes entre vendedores e compradores de aço no mundo: concentração, protecionismo e internacionalização patrimonial. Nesta perspectiva, não se subestima a importância da eficiência econômica, no entanto, diferentemente do que defende a visão da economia política neoclássica, os fatores políticos são mais relevantes que as questões econômicas. Para esta avaliação foram consultados relatórios governamentais e de instituições privadas de pesquisa e trabalhos acadêmicos, e realizados contatos e entrevistas com analistas e participantes do comércio siderúrgico entre Estados Unidos e Brasil. Com tais instrumentos de análise, a pesquisa pretendeu explicitar a importância e a necessidade do ativismo estatal como estratégia para a obtenção de divisas no mercado internacional, em determinados setores, como o da siderurgia.

Palavras-chave: Relações Internacionais. Relações Brasil-Estados Unidos. Política Setorial. Siderurgia

Downloads 1300  1300  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/10596
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.