Educadores



Categoria: História Dissertações Produções de Profissionais da Seed: Dissertações
Fazer Download agora!A escola como lugar de memórias e de identidades: um estudo a partir de escritos de alunos do ensino Popular Versão: PDF
Atualização:  2/3/2017
Descrição:
SANTANA, Dorival Aparecido de


O presente trabalho aborda a instituição escolar, enquanto um local de memórias e de identidades, tendo como principal fonte de pesquisa os escritos de um grupo de alunos do ensino médio do Colégio Estadual Nossa Senhora de Lourdes de Londrina-PR (Brasil), matriculados nos anos letivos de 2013 e 2014. O ponto de partida das discussões são os dilemas identitários da sociedade contemporânea. As questões colocadas pela investigação inquirem sobre as relações entre memória e identidade no contexto da educação escolarizada, procurando analisar as conexões entre a memória da escola, as experiências dos alunos e o sentimento de pertença a uma instituição de ensino. A pesquisa atua em três frentes investigação: a construção de uma narrativa a partir de fragmentos de história e memória do Colégio Estadual Nossa Senhora de Lourdes –Londrina/PR; o mapeamento do perfil sociocultural dos alunos do ensino médio do mesmo estabelecimento, e a análise dos seus escritos. Sob o ponto de vista da metodologia e das fontes, a investigação integrou revisão de literatura, análise de fontes fotográficas, aplicação de questionários, depoimentos orais e análise textual discursiva dos escritos dos estudantes. As principais questões que nortearam os procedimentos de investigação foram as seguintes: Quais são os conceitos dos alunos sobre a memória? Que compreensões eles possuem sobre a escola enquanto um lugar de memória? Qual a consciência dos alunos sobre a historicidade da memória institucional e sobre a diversidade das experiências escolares? Os resultados indicaram que os participantes não priorizam a memória da instituição em suas respostas. No entanto, eles se mostraram sensíveis aos temas da pesquisa e atentos em relação às suas próprias experiências. Com base nos dados, o estudo desenvolve uma reflexão sobre os entrelaçamentos possíveis entre as diferentes modalidades de memórias nos processos de construção da identidade social da escola. Para que as escolas se transformem em lugares mais significativos, sugere-se que, sob o ponto de vista dos estudantes, elas compreendam melhor o contexto de diversidade e a realidade plural dos alunos. A identificação dos estudantes com a instituição escolar depende da criação de políticas de gestão democráticas no tocante ao acolhimento das diferentes memórias.

Palavras-chave: Identidade. Memória. Escola. Escritos de Alunos. Ensino Médio.

Downloads 393  393  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Os comentários são de propriedade de seus respectivos autores. Não somos responsáveis pelo seu conteúdo.