Educadores

Divulgação e Notícias

29/03/2021

Prêmio nacional de inovações científicas abre inscrições para o Ensino Médio

Assessoria de comunicação/Seed

A 8ª edição do Prêmio Respostas para o Amanhã, que contempla projetos científicos desenvolvidos por professores e estudantes do Ensino Médio da rede pública de ensino de todo o País, começou a receber inscrições esta semana.

O prêmio busca estimular, reconhecer e divulgar projetos de investigação e experimentação científica e/ou tecnológica desenvolvidos por estudantes com apoio de seus professores. As iniciativas promovem o ensino das Ciências com suporte na Tecnologia, na Engenharia e na Matemática, buscando soluções inovadoras de problemas reais em uma situação concreta.  

Em sete edições do prêmio, os estudantes paranaenses tiveram projetos de destaque em cinco delas (veja abaixo), sendo o mais recente no ano passado, quando a iniciativa “Reflorestamento utilizando minifoguetes: Pitanga e Ipês” de três alunas do Colégio Agrícola Estadual Adroaldo Augusto Colombo, de Palotina, foi à fase final (única das 10 na região Sul) e recebeu uma menção honrosa.

As inscrições vão até o dia 30/06, pelo site www.respostasparaoamanha.com.br, e devem ser feitas por um(a) professor(a) orientador(a) que, obrigatoriamente, deve lecionar para a equipe participante, com disciplinas nas áreas das Ciências da Natureza ou da Matemática e suas Tecnologias. Já os projetos devem ser realizados por equipes compostas por três a cinco estudantes do Ensino Médio matriculados na mesma turma de uma escola.

Iniciativa da Samsung, o prêmio tem coordenação do Cenpec Educação (Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária) e parceria da Unesco, Reduca (Rede Latino-Americana pela Educação), OEI (Organização dos Estados Ibero-americanos) e Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação).

Premiação - As 20 equipes semifinalistas vão receber mentoria on-line para o desenvolvimento do projeto e um notebook Samsung para o professor orientador e o professor(a) parceiro(a). Já as 10 equipes finalistas vão receber mentoria para o desenvolvimento do modelo/protótipo do projeto, participação na II Mostra do Prêmio Respostas para o Amanhã e um notebook Samsung para cada estudante.

As três equipes vencedoras e suas respectivas escolas ganharão prêmios adicionais da empresa conforme a classificação, bem como os vencedores pelo júri popular.

Histórico paranaense - Além da menção honrosa em 2020, o Paraná foi um dos vencedores pelo júri popular em 2018 com o projeto “Frestas... Nunca mais! Economia, Saúde e Conforto com sustentabilidade”, de estudantes do Colégio Estadual Profª Izabel F. Siqueira, em Reserva do Iguaçu, que reutilizava embalagens descartadas para fechar frestas de residências de madeira. Além disso, o estado esteve entre os 25 vencedores regionais com um projeto de revitalização do rio Lavapés, do Colégio Padre Arnaldo Jansen, em São José dos Pinhais.

Em 2016, o estado teve entre os vencedores da região Sul com um projeto de  gerenciamento de resíduos sólidos do CEEP (Centro Estadual de Educação Profissional) Pedro Boaretto Neto, de Cascavel. Na 2º edição do prêmio, em 2015, recebeu menção honrosa pelo projeto “Da horta mandala à agroindústria familiar: saberes e sabores do campo”, desenvolvido por estudantes do Colégio Estadual Duque de Caxias, em São Mateus do Sul. Na primeira edição do Respostas para o Amanhã, em 2014, o Paraná também foi representado com três projetos vencedores regionais nas cidades de Santa Helena, Fazenda do Rio Grande e Chopinzinho.

Esta notícia foi publicada no site http://www.educacao.pr.gov.br em 26/03/2021. Todas as informações nela contidas são de responsabilidade dos autores.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.