Educadores

Ínicio : Geografia : Monografias : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Popularidade (Do menos para o mais procurado)

Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!Análise dos impactos socioambientais resultantes da implantação da Pequena Central Hidrelétrica São  Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
LOPES, G. C.

O objetivo deste trabalho é discutir a problemática que envolve a construção/implantação da Pequena Central Hidrelétrica (PCH) São Francisco no rio São Francisco Verdadeiro, na divisa dos municípios de Toledo e Ouro Verde do Oeste, pela margem direita e esquerda, respectivamente, na região oeste do Estado do Paraná. A fim de alcançar os objetivos propostos foram analisadas questões referentes às Pequenas Centrais Hidrelétricas, tais como legislações do setor elétrico e ambiental, políticas de incentivos financeiros ao setor, além de programas e projetos de incentivos à geração de energias alternativas no Brasil. Foram considerados alguns pontos relevantes quanto à obtenção de licenças, estudo de viabilidade, incentivos governamentais, possíveis impactos socioambientais resultantes da implantação de tais empreendimentos. Com a finalidade de contextualização, foi efetuado ainda um breve histórico das PCHs, desde a implantação das primeiras usinas no início do século XX, passando por uma fase de “esquecimento” de tais empreendimentos pelo poder público até a sua revitalização a partir dos anos de 1990. Foi efetuada a análise da questão socioambiental no que se refere à implantação das PCHs, com ênfase ao estudo de caso da PCH São Francisco.

Palavras-Chave: PCH São Francisco. Pequenas centrais hidrelétricas. Energias alternativas. Energia elétrica.

Downloads 6775  6775  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!Áreas Verdes: uma percepção paisagística do refúgio biológico Bela Vista no meio urbano de Foz do Ig Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
MANTOVI, Valderes

As preocupações com o processo de urbanização ocorrem desde a cidade industrial no final do século (XIX), mas é no final da década passada que, no Brasil, essa questão ganhou destaque, alterando os padrões urbanísticos, desvinculando o olhar da cidade caótica para uma área ambientalmente mais saudável e mais verde. Este trabalho busca analisar a importância de áreas verdes e seu planejamento no meio urbano, mais especificamente o Refúgio Biológico Bela Vista criado pela Usina Hidrelétrica de Itaipu, em 1977, em Foz do Iguaçu – PR, posteriormente ocorrendo sua revitalização em 2001, a área em estudo compreende parte da micro bacia do Paraná Três. Neste ambiente destaca a necessidade e a importância de se conservar e preservar a biodiversidade existente nos ecossistemas do local, e principalmente o seu papel fundamental que desempenha como espaços de significação social, ambiental, lazer, estética e a melhoria da qualidade de vida da população da cidade.

Palavras-chave: Áreas verdes. Refúgio biológico. Meio urbano. Percepção da paisagem.

Downloads 9963  9963  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unioeste  Site http://www.unioeste.br
Avaliação: 9.00 (7 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!O roubo de cargas nas rodovias do estado de São Paulo Popular Versão: pdf
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
RIBEIRO, Flávio Alexandre

Este trabalho insere-se no campo dos sistemas de movimentos do território brasileiro, destacando-se por pesquisar o roubo de cargas no estado de São Paulo, em áreas urbanas e principalmente em rodovias. Dada a opção do Brasil pelo transporte rodoviário, realizou-se análises estatísticas sobre o roubo de cargas e sobre o crime de latrocínio. Visto que os roubos estão concentrados a uma distância de, em média, 150 km da capital paulista, enfatiza, também, a cidade de Campinas, ressaltando a malha viária que a integra. Representando um sério problema à atividade econômica do país, o lucrativo mercado alternativo do roubo de cargas encontra a conivência das autoridades para atuar livremente,causando prejuízos em vários setores e propiciando uma grande insegurança nas áreas urbanas, como também nas rodovias e aos motoristas de caminhões e seus ajudantes. Dá um especial destaque ao combate ao roubo de cargas, exemplificando, inclusive, ações preventivas, como o uso de geotecnologias para o rastreamento dos veículos e o seguro das cargas e caminhões. Como forma de melhor elucidar as informações, o trabalho apresenta mapas, gráficos, imagens e tabelas.

Palavras-chave: Redes. Fluxos. Roubo de cargas. Combate ao roubo de cargas.

Downloads 13005  13005  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Puc-Campinas  Site 
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!A industrialização e a questão ambiental na Região Sudeste do Brasil Popular Versão: 
Atualização:  10/5/2012
Descrição:
ALMEIDA, Roberto Schmidt de

O estudo das conflituosas relações industrialização e o meio ambiente na região Sudeste do Brasil é o principal objetivo desse trabalho que está dividido em quatro partes principais. A primeira, apresenta os processos industriais e seus respectivos efeitos de poluição ambiental envolvidos, destacando os principais agentes poluidores do ar e das águas, e historiando a política de controle do meio ambiente na região. A segunda, identifica os principais focos de poluição, definindo três níveis de abrangência espacial para eles: o ponto, a área restrita e a área ampla, analisando-os em dois contextos distintos: o urbano e o rural. A terceira, exemplifica um processo de comprometimento ambiental de grandes proporções e as medidas mitigadoras que foram tomadas no caso da área de Cubatão em São Paulo. Finalizando, é feita uma análise das perspectivas futuras da relação industrialização x controle do meio ambiente nos contextos urbano e rural.

Palavras chaves: Industrialização. Meio ambiente. Poluição. Políticas de controle ambiental.

Downloads 21320  21320  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site 
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!Noções básicas de geomorfologia Popular Versão: 
Atualização:  5/9/2013
Descrição:
JATOBÁ, Lucivânio

Este trabalho apresenta um conjunto de informações introdutórias de Geomorfologia, destinadas a estudantes e professores de Geografia. Estão reunidos diversos resumos de aula utilizados pelo autor, ao longo dos últimos anos, em disciplinas ministradas no Departamento de Ciências Geográficas da Universidade Federal de Pernambuco e outros cursos de pós-graduação. São apresentadas ainda diversas definições de termos que são de grande utilidade à análise geomorfológica das paisagens.

Palavras-chave: Geomorfologia. Geografia. Paisagem. Geologia. Relevo.

Downloads 32597  32597  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site 
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Geografia Monografias
Fazer Download agora!A reprodução do espaço pontagrossense a partir da ação das elites políticas componentes do legislati Popular Versão: 
Atualização:  15/5/2013
Descrição:
MIODUSKI. Karyne aparecida

O presente tema procura realizar uma análise da ação dos agentes políticos representados pelos camaristas de Ponta Grossa na produção do espaço. A hipótese que o norteia é a de que o legislativo é um importante agente a ser explorado na análise geográfica. Assim, esta pesquisa analisa a produção do espaço através das ações das elites políticas que compuseram a Câmara de Vereadores de Ponta Grossa no período pós-ditadura de Vargas 30 - 47 até os dias atuais. Após este processo, foi estabelecido um recorte temporal para efetivar um estudo mais aprofundado sobre os temas que resultaram em leis sancionadas tomando as três últimas gestões como referencial empírico. Por fim, para efetivar a comprovação da hipótese de pesquisa, foi selecionado um dos componentes da Câmara de Vereadores, através do qual pôde-se comprovar a ação política e sua relação com o processo de produção concreta do espaço pontagrossense, bem como a ligação entre o poder legislativo e a população através de uma ligação bastante camuflada a qual será denominada de “bens simbólicos” (BOURDIEU, 1996, p. 177).

Palavras-chave: Elites. Estado. Espaço.

Downloads 35102  35102  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Seed  Site 
Avaliação: 9.00 (7 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2)