Educadores

Ínicio : Sociologia : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (6)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Título (A a Z)

Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Odisseu e o abismo : Roger Bastide, as religiões de origem africana e as relações raciais no Brasil Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
NUCCI, Priscila

Neste trabalho analisaram-se as formas como o sociólogo francês Roger Bastide (1898-1974) articulou os termos raça/ religião em sua obra e, a partir disso, elaborou reflexões peculiares sobre o preconceito e as relações raciais no Brasil. Para isso, a análise centrou-se em recortes específicos de sua obra, nos quais se pode perseguir a formulação que deu aos debates da aculturação/ interpenetração cultural, das religiões de origem africana no país, e das relações raciais. O candomblé de rito nagô apresentou-se, em seus textos, como caso suigeneris de integração e parece se constituir em chave para o entendimento das razões pelas quais o autor elaborou determinado tipo de imagem e análises acerca da população afro-descendente em dado contexto. Outras chaves seriam: a polêmica em torno das reportagens da Paris Match e de O Cruzeiro, referentes a rituais secretos do candomblé e os usos possíveis que o autor fez do surrealismo e da história nas narrativas de O candomblé da Bahia e em As religiões africanas no Brasil. Todas estas frentes auxiliam a matizar e redimensionar as funções e intenções de alguns dos principais textos de Roger Bastide, para o tempo em que foram escritos.

Palavras-chave: Sociologia. Brasil. Intelectuais. História. Relações raciais. Cultos afro-brasileiros.

Downloads 1705  1705  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Os discursos sobre a sustentabilidade: no Brasil e na Regiăo Metropolitana de Curitiba, de 1500 Popular Versão: PDF
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
STRUMINSKI, Edson

O autor defende aqui a tese de que a sustentabilidade, tema de discussão corriqueira nos dias de hoje, não representa um discurso recente e sim um processo, mais longo, de aperfeiçoamento das relações sociais e das relações entre sociedade e natureza na história do Brasil, não estando, portanto plenamente consolidada de forma institucional em nosso país, pois as doutrinas que influenciaram estas relações, ao longo da história brasileira não apresentariam todos os requisitos necessários para promover, isoladamente, ou em conjunto, a sustentabilidade, seja do ponto de vista econômico, social ou ambiental, sendo necessário um processo dialético para avançarmos para um estágio de maior sustentabilidade. O autor defende também a tese de que na Região Metropolitana de Curitiba os planos, programas, projetos e similares não estão, ainda, promovendo a sustentabilidade, em função de limitações nestes processos dialéticos.

Palavras-chave: Sustentabilidade. História brasileira. Região Metropolitana de Curitiba.

Downloads 1742  1742  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/3802
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Os sem-teto do centro de São Paulo : um balanço dos anos 2001-2004 Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
VERRI, Narcisa Beatriz Whitaker

Este trabalho trata dos campos de ação dos movimentos sociais, os componentes e o papel dos atores. São três os compartimentos com os quais se pretende abrir e iniciar um aprendizado sobre um setor do movimento de moradia em São Paulo, durante o governo PT entre 2001-004, momento intermediário entre a fase de reestruturação da produção capitalista no país, iniciada por um governo neoliberal, e a sua consolidação por um governo que se reivindica de esquerda: o primeiro, no terreno da institucionalidade; o segundo, no domínio político; e o terceiro, no campo categorial. Os três implicando em questões próprias a outros movimentos, apresentando problemas cujas causas endógenas ou exógenas não são jamais exaustivas, vislumbrando perspectivas ainda não distinguidas, são desenvolvidos na tentativa de encontrar respostas aos fenômenos comuns à metrópoles como São Paulo. A observação empírica dos movimentos de moradia leva a constatações relativas à dinâmica dos movimentos em relação às políticas públicas, aos partidos, à sua condição de pertencer a um domínio categorial, o de ser composto majoritariamente por mulheres e migrantes, e de existir graças aos teólogos da libertação. Algumas delas, admitidas há algum tempo pelos estudiosos ou teóricos de movimentos sociais, outras negadas ou rejeitadas, mas nenhuma das constatações leva em consideração o caráter de interdependência entre os três compartimentos citados acima. Uma análise mais aprofundada mostra que os movimentos que lutam por problemas específicos, mesmo conscientes dos problemas do conjunto da sociedade, tendem a permanecerem isolados e marginalizados se não conseguem criar a necessária constituição das relações de força sob determinadas condições, das quais uma delas é a independência do aparelho do Estado, que paradoxalmente encontra-se comprometida há alguns anos no Brasil.

Palavras-chave: Habitação - Aspectos sociais. Participação política. Participação social. Feminismo. Racismo. Igreja e problemas sociais

Observação - Para baixar artigos, teses e monografias da Unicamp é necessário fazer um cadastro simples com e-mail e senha.

Downloads 289  289  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000443844
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Páginas de resistência : intelectuais e cultura na Revista Civilização Brasileira Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
Em meio às transformações políticas e culturais, à mudança estrutural decorrente das novas possibilidades de se conceber a produção cultural e a sua incipiência a partir de um mercado de bens culturais – concomitantemente à atividade política exercida, sobretudo, pelas forças de oposição ao regime militar – a década de 1960 representa um momento particular no entrecruzamento dessas questões. Assim, cultura e política não se distinguem quando assumidas como pressupostos de uma esfera pública ou de um espaço de debates sobre os inúmeros projetos nacionais. E como elemento representativo dessas preocupações, a Revista Civilização Brasileira (1965-1968) aparece como um momento importante na afirmação desse espaço, proporcionando um grande número de discussões acerca da literatura, do teatro, do cinema, das artes plásticas e da música produzidos no Brasil. Nesse sentido, tratou-se da produção cultural não apenas pela sua representatividade estética e artística, mas da vinculação da cultura à atividade política e à sua capacidade real de interferência nas estruturas de produção e recepção social de bens culturais. A Revista Civilização Brasileira representa, com seu grupo de colaboradores – entre eles, escritores, jornalistas, cientistas sociais e músicos – este espaço importante a partir do qual se reviram teorias e reformularam-se ideologias que orientaram essa nova condição. Mais que uma revista de ideias, a Revista Civilização Brasileira propiciou debates entre intelectuais e artistas acerca de projetos políticos-culturais e, em nome disso, fez frente ao regime militar e aos seus mecanismos de censura ideológica.

Downloads 1199  1199  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000349766
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Processo de trabalho em saúde, no Brasil, no contexto das transformações atuais na esfera do trabalh Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
PIRES, Denise

Resumo: Não Informado

Palavras-chave: Trabalho. Saúde e trabalho. Trabalhadores - Brasil. Inovações tecnológicas. Politica de trabalho - Brasil. Serviços de saúde.

Downloads 291  291  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=vtls000116005
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Projetando a Subjetividade: a construção social do amor a partir do cinema Popular Versão: PDF
Atualização:  7/2/2014
Descrição:
ROSSI, Túlio Cunha

Este trabalho investiga discursos e modelos de amor romântico construídos
em filmes do cinema hollywoodiano, especialmente nas décadas de 1990 e 2000. Debate-se o papel do cinema na constituição de referências sobre a idealização e a experiência de relacionamentos amorosos e como esse contribui para reproduzir crenças e valores morais a respeito do amor que são pertinentes à modernidade e suas especificidades sociais, culturais e históricas. Nisso, observam-se no período analisado citações constantes de produções de outras épocas, indicando, especialmente em um contexto de grande presença de mídias audiovisuais na vida cotidiana, que o próprio cinema se utiliza como referência ao tratar do tema amor e reproduz isso como algo corriqueiro e culturalmente estabelecido.

Palavras-chave: Amor. Cinema. Imaginação. Narrativa. Individualidade.

Downloads 1123  1123  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/8/8132/tde-26062013-093448/pt-br.php
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Raça e racismo na virada do milênio : os novos contornos da racialização Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
SILVERIO, Valter Roberto

Resumo: Não Informado

Palavras-chave: Relações raciais. Racismo. Ciências sociais.

Downloads 350  350  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=000210752
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Região, metrópole e interior : espaços ganhadores e espaços perdedores nas migrações recentes - Bras Popular Versão: 
Atualização:  20/8/2013
Descrição:
BAENINGER, Rosana Aparecida

Resumo: Não informado

Palavras-chave: Urbanização. Migração interna - Brasil.


Downloads 272  272  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Unicamp  Site http://libdigi.unicamp.br/document/?code=000175309
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Ser jovem e ser adulto: identidades, representações e trajetórias. Popular Versão: 
Atualização:  1/9/2008
Descrição:
PIMENTA, Melissa de Mattos

Esta tese retoma a problemática da transição para a vida adulta de uma perspectiva qualitativa e procura contribuir com uma compreensão sociológica desse processo no contexto do município de São Paulo contemporâneo. A partir de discussões em grupo focal e entrevistas biográficas com jovens adultos, de ambos os sexos e diferentes origens sociais, a pesquisa explorou representações sobre adolescência, juventude e idade adulta, modalidades de construção de identidades sociais e experiências pessoais diversas que nos informam acerca dos significados, valores, expectativas e auto-imagens associadas ao adulto hoje, num contexto de crescentes exigências quanto à escolaridade e qualificação profissional e intensa competitividade no mercado de trabalho. O estudo teve entre seus principais objetivos analisar diferenças de classe, gênero e raça, bem como a maior ou menor capacidade dos entrevistados de estabelecer perspectivas para o futuro e concretizar objetivos. Também procurou identificar as percepções dos sujeitos acerca de suas próprias experiências de transição, inclusive em comparação com os percursos biográficos de seus pais. As discussões e relatos colhidos apontaram a centralidade da família de origem como mediadora e/ou facilitadora do processo de transição e a importância dos valores na construção de projetos para a vida adulta. A análise também permitiu estabelecer de que forma fatores sociais importantes como o gênero, a origem socioeconômica e a cor da pele interferem nos percursos biográficos a partir da reconstrução de narrativas particulares, que permitem perceber, de uma perspectiva diacrônica, como fatores estruturantes, orientações e estratégias individuais se articulam para constituir trajetórias de vida.

Palavras-chave: Identidades. Jovens adultos. Representações. Trajetórias. Transição para a vida adulta.

Downloads 602  602  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://www.teses.usp.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Sociologia Teses
Fazer Download agora!Sindicalismo e trabalho em transiçăo e o redimensionamento da crise sindical Popular Versão: pdf
Atualização:  23/3/2012
Descrição:
BRIDI, Maria Aparecida da Cruz

Resumo: As transformações no mundo do trabalho vêm acompanhadas também de uma leitura de crise generalizante e apocalíptica para o trabalho e as organizações dos trabalhadores. Essa tendência teórica instigou o redimensionamento do conceito de crise a partir da realidade dos metalúrgicos ligados à indústria automobilística no Paraná. As manifestações de crise tais como: de representatividade e fragmentação; de identidade; de mobilização; da relação salarial, na perspectiva local/global, são analisadas de maneira contextualizada. As novas formatações das indústrias desconcentram o trabalhador no espaço produtivo e tornam mais heterogêneas as condições no processo de trabalho. A diversificação das formas contratuais – por tempo determinado, parcial, subcontratado, terceirizado – num mesmo espaço de produção, traz dificuldade ao sindicato em representar o conjunto dos trabalhadores, uma vez que, historicamente, constituiu-se como representante dos trabalhadores formais. A pulverização da classe trabalhadora e o sentido de polivalência ou multifuncionalidade no contexto da reestruturação das empresas implicam crise do sentimento de pertença a uma categoria. Atinge assim, a construção de identidade dos trabalhadores, pois estes vivem um processo de descontinuidade permanente. Os sindicatos perdem força na confrontação com um Estado mais hostil à organização classista, característico dos Estados neoliberais, que tendem para o desmonte do quadro regulatório que ampara os trabalhadores no plano institucional/legal. As transformações da relação salarial em curso ameaçam desintegrar os vínculos sociais que possibilitam a reprodução social. Esse cenário implica crises para os trabalhadores, no entanto, estas não têm a mesma extensão, forma, conteúdo e significado nos vários espaços. A abordagem de crise, nesta dissertação, enquanto transição e não declínio ou fim do sindicalismo, imbui-se da perspectiva de que este se encontra em processo de mudança nas suas formas de ação.

Palavras-chave: Crise. Trabalho. Reestruturação. Representatividade. Fragmentação. Identidade. Relação salarial. Transição. Sindicalismo. Neoliberalismo.

Downloads 912  912  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFPR  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/handle/1884/2545
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 (11) 12 13 »