Educadores

Ínicio : Língua Portuguesa : Teses : 

Produções de Profissionais da Seed: Teses (15)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (antigos listados primeiro)

Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Primeiras impressões: romances publicados pela Impressão Régia do Rio de Janeiro (1808-1822) Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
SOUZA, Simone Cristina Mendonça de

Dentre os muitos títulos publicados entre 1808 e 1822 na Impressão Régia do Rio de Janeiro, este trabalho se concentra nos romances. Os títulos dos documentos e das obras diversas publicados nesse período foram catalogados ainda no século XIX. Entretanto, boa parte dos exemplares já havia desaparecido, fazendo com que o método utilizado para identificação dos títulos incluísse os anúncios de jornais. Como também eram anunciadas publicações feitas em Lisboa, havia a dúvida quanto à delimitação das que efetivamente foram editadas na Impressão Régia do Rio de Janeiro. A confusão de locais de impressão levantava a hipótese de uma relação editorial entre a Impressão Régia estabelecida na colônia e sua congênere lisboeta. Tal hipótese foi refutada após investigarmos a casa impressora portuguesa e os títulos de romances nela editados. Concluímos que somente seria possível definir quais foram os romances feitos pela primeira casa impressora oficialmente instalada no Brasil com a localização dos exemplares e a confirmação, pelos dados das folhas de rosto, de que foram impressos no Rio de Janeiro. Por meio de buscas, localizamos quase todos os romances catalogados e delimitamos os que saíram dos prelos da Impressão Régia do Rio de Janeiro. No processo, traçamos a história editorial de cada um deles, verificamos de que maneira eram anunciados pelos livreiros nos jornais e analisamos esses livros do ponto de vista material e textual. Raros e de localização trabalhosa, esses romances são atualmente pouco lembrados ou totalmente desconhecidos. No entanto, têm sua importância nos estudos sobre a circulação de livros no período colonial e em anos posteriores e, certamente, fizeram parte da formação do gosto do público por livros do gênero.

Palavras-chave: Ficção-História e crítica. Leitura-História. Bibliografia-Primeiros
livros impressos.

Downloads 648  648  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Estadual de Campinas  Site http://http://www.caminhosdoromance.iel.unicamp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Presença do tolstoísmo na literatura brasileira Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
Este texto é parte dos resultados da pesquisa de pós-doutorado "João Antônio, Leitor de Lima Barreto", desenvolvida na Unesp-Assis/Fapesp, concluída em 2008.

ORNELLAS, lara Ávila

Ao se completarem cem anos da morte do grande escritor e pensador Leon Tolstói (1828-1910), que deixou, entre seus vários legados a doutrina filosófica e cristã do tolstoísmo, é importante retomar algumas bases de seu pensamento para verificar que ainda dizem muito à atualidade. Apesar da existência de referências ao tolstoísmo no Brasil por críticos e estudiosos, como José Veríssimo, Brito Broca, Boris Schnaiderman, Bruno Gomide, Maria Salete Magnoni, até onde se tem conhecimento, ainda não foi realizada uma abordagem que contemplasse a presença de elementos particulares dessa doutrina na literatura brasileira. É o que se busca fazer agora, ao se realizarem breves considerações sobre dois escritores e jornalistas, Lima Barreto (1881-1922) e João Antônio (1937-96), e suas relações com preceitos tolstoístas.

Palavras-chave: Leon Tolstói. Tolstoísmo no Brasil. Lima Barreto. João Antônio. Preceitos tolstoístas.

Downloads 564  564  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Rev. USP n.85 São Paulo maio 2010  Site http://www.revistasusp.sibi.usp.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-99892010000200011&lng=pt&
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Poética em Emiliano Perneta Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
COATI, Marly de Castro Campos

O Poético em Emiliano Perneta: Uma Abordagem Semiótica do Discurso Simbólico é um trabalho de interpretação a partir do estabelecimento de relações entre signos para alcançar a tradução do código da poesia. Abrange os quatro livros de poemas publicados : Músicas, Ilusão, Pena de Talião e Setembro; estuda a dimensão simbólica da obra poética, o universo semiológico em que se insere, a cosmovisão do autor, seu fazer poético e sua originalidade. E conclui que Emiliano Perneta se interessa pelo ser humano, seus problemas, conflitos, hesitações; a busca do eterno humano. Da visão simbólica da natureza, do folclore, do mito e da religião, chegou-se à singularidades da obra que repousam na pintura da natureza, pano de fundo para expressar a condição humana; na claridade representada pelo sol; na construção lingüística e na imagem poética carregada de valores culturais, onde o simbólico, o imaginário fundamentam e intensificam os ideais, as emoções, a vida em todas as manifestações. A obra de Emiliano Perneta é atual, na sua dimensão simbólica, expressão lingüística e beleza artística.

Palavras-chave: Poético. Semiótica. Simbólico. Músicas. Humano. Emoções.

Downloads 8936  8936  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma ISEPERJ/Pós-Graduação  Site http://dspace.c3sl.ufpr.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Para além da amenidade - O Jornal das Famílias (1863-1878) e sua rede de produção Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
PINHEIRO, Alexandra Santos

A tese “Para além da amenidade - O Jornal das Famílias (1863-1878) e sua rede de produção” analisa a organização de um periódico que circulou durante 16 anos por várias províncias brasileiras e por, pelo menos, dois países estrangeiros, Portugal e França. A pesquisa consiste em investigar esse jornal, a começar pelo trabalho do editor Baptiste Louis Garnier e de seu cuidado com a materialidade do que era produzido por sua empresa. Atém-se, também, à lista de redatores e colaboradores, que teve Machado de Assis como o mais assíduo na seção Romance e Novellas. A partir do estudo da trajetória dos demais colaboradores, recuperamos nomes de intelectuais esquecidos atualmente, mas que fizeram parte dos grandes debates literários da época, alguns dos quais ocorriam no próprio Jornal das Famílias. Ao analisar a produção literária divulgada no periódico, constatamos que ao principal público leitor do Jornal das Famílias, as mulheres, não foram oferecidas apenas leituras amenas, como destacam alguns pesquisadores. As leitoras foram inseridas em debates importantes para o século XIX, como a consolidação de uma literatura nacional e a condição do escritor brasileiro. A análise das narrativas mostra que a literatura brasileira não foi construída apenas pelos literatos hoje consagrados pela crítica, mas também por um grupo amplo de escritores preocupados com questões estéticas, políticas e sociais e que as manifestavam também no Jornal das Famílias.

Palavras-chave: História da leitura. História da literatura. Periódico. Narrativa. Jornal das Famílias. Garnier.

Downloads 581  581  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Estadual de Campinas  Site http://http://www.caminhosdoromance.iel.unicamp.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Os professores diante de um novo trabalho com a leitura: modos de fazer semelhantes ou diferentes? Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
BUZZO, Marina Gonçalves

Esta pesquisa tem por objetivo mais amplo investigar as representações sobre o trabalho docente construídas em um texto oral produzido conjuntamente por duas professoras de língua portuguesa, após a realização de uma atividade específica de trabalho. Nela, investigamos se aparecem representações semelhantes ou diferentes nos turnos de cada uma delas e levantamos as características lingüístico-discursivas que contribuem para assinalar diferenças e semelhanças nos procedimentos didáticos. Por isso, evidenciamos os pressupostos teórico-metodológicos do interacionismo sociodiscursivo como fonte de referência maior (Bronckart, 1997/99; 2004c; 2006), associados aos aportes teóricos da Ergonomia da Atividade (Amigues, 2003 e 2004a; Saujat, 2002 e 2004a) e aos
aportes teórico-metodológicos da Clínica da Atividade (Faïta, 2004; Clot, 1999; 2004a) para o aprofundamento das questões ligadas ao trabalho educacional. Utilizamos para a complementação do modelo de análise dos dados, tal como sugerido por Bronckart (1997/99; 2004c; 2006) e reformulado por Machado (Machado, 2008/no prelo), alguns procedimentos de Kerbrat-Orecchioni (1990; 1996),
para a análise da conversação, e de Charaudeau (1992), para a análise das comparações.

Palavras-Chaves: Autoconfrontação cruzada.Interacionismo sociodiscursivo. Trabalho do professor. Diário de leitura. Comparações.

Downloads 1857  1857  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Puc - SP  Site http://www.pucsp.br/pos/lael/lael-inf/def_teses.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Os limites da prosa:"Em liberdade", de Silviano Santiago Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
DEMAMA, Noili

Este é um trabalho sobre liberdade, também sobre limites. Tendo como texto de apoio representativo o diário ficcional "Em Liberdade", do escritor brasileirocosmopolita Silviano Santiago, examino como a prosa literária de cunho confessional, do final do século XX, lida com o pacto que estabelece com o leitor para convencê-lo de sua urdidura. Essa obra, publicada em 1981, dialoga com outros escritos do autor e sintetiza as posições tanto políticas, quanto estético-literárias que manifestou ao longo de sua trajetória enquanto professor, ensaísta, poeta e prosador. "Em Liberdade", ao mesmo tempo em que dá mostras da fragilidade das categorias de análise que a teoria literária tradicional disponibiliza para a literatura contemporânea, desdobra-se metaliterariamente oferecendo – ela mesma – as formas de leitura mais condizentes com as demandas pactuais em tempos de estilhaçamento do eu.

Palavras-chave: Crítica e interpretação. Liberdade. Literatura brasileira. Santiago, Silviano.

Downloads 785  785  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 10.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!O diário como ferramenta para a reflexão crítica Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
LIBERALI, Fernanda Coelho Liberali

Esta tese objetiva investigar a utilização do diário como ferramenta para reflexão crítica. A pesquisa tenciona contribuir para três campos de estudo: (1) o estudo da reflexão de coordenadores; (2) a compreensão da utilização de diários em processos reflexivos e (3) a relação entre linguagem e diferentes tipos de reflexão, buscando-se entender a relação entre a linguagem usada em diários de coordenadoras de escola e diferentes tipos de reflexão.

Downloads 2042  2042  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-SP   Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Identidade em Construção: Presenças Francesas, Brasileira e Paulista em Crônicas de Cultura da Revis Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CAMPOS, Maria Inês Batista

Este trabalho pretende analisar os vários discursos que circulam em Crônicas de Cultura, da Revista do Brasil, durante os anos de 1920 e identificar as vozes relatadas nas construções da identidade nacional.

Downloads 1636  1636  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.pucsp.br/pos/lael/lael-inf/def_teses.html
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Forças motrizes de uma contística pré-modernista : o papel da tradução na obra ficcional de Monteiro Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
BECKER, Elizamari Rodrigues

Este estudo objetiva analisar três forças motrizes que muito influenciaram a escritura de Monteiro Lobato: o conto, a tradução e a ideologia humanista. Conhecido por sua literatura infantil, pouco se estudou sobre sua obra adulta e menos ainda sobre sua profícua atividade tradutória. Como contista, Lobato pode ser dito – ao lado de Machado de Assis – um dos grandes incentivadores do conto, resgatando-o de sua posição marginal e elevando-o à categoria de gênero literário em uma época geralmente negligenciada pela crítica – sua produção anterior à Semana de Arte Moderna (1922) –, alcançando seu público através de estratégias de marketing inovadoras e, portanto, formando um novo público leitor brasileiro. Seus ideais nacionalistas e suas crenças ideológicas estão presentes em tudo o quanto escreveu, proporcionando ao leitor do século XXI um claro panorama de sua época. O humanismo é, se não a mais visível ideologia em sua obra, a que gerou maior conflito, sobretudo em contraste com sua formação cristã e seu refinado tom pessimista. Tendo traduzido mais de cem livros, Lobato contribuiu indiscutivelmente tanto para a circulação, quanto para a edição de obras traduzidas – inglesas e norteamericanas em sua maioria –, enriquecendo, dessa forma, nosso polissistema literário e promovendo uma sensível mudança no status da tradução, marginal e secundária na época. Ele consciente e cuidadosamente escolhia o que traduzia com o intuito de alcançar um objetivo: dar ao público leitor brasileiro – especialmente ao infantil – literatura estrangeira de qualidade. Segundo ele, Kipling estava arrolado entre os “sumos” contistas, o que o levou a traduzir e publicar suas obras, experiência que resultou tanto na apropriação, quanto na expropriação daqueles textos, o que pode ser facilmente verificado por qualquer leitor atento tanto da contística, como do epistolário de Lobato, nas muitas estratégias por ele empregadas: empréstimos, invocações de personagens, reconstrução de histórias e imagens das narrativas de Kipling.

Palavras-chave: Conto. Kipling. Rudyard. 1865-1936. Literatura comparada. Lobato. José Bento Monteiro. 1882-1948.

Downloads 1590  1590  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Institu  Site http://www.lume.ufrgs.br
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Teses
Fazer Download agora!Festa e la cruz del Sur memórias críticas e literárias em diálogo Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CASTRO, Marilda de Souza

Este estudo apresenta, como proposta básica, a análise da revista brasileira Festa e da revista uruguaia La Cruz del Sur, focalizando a produção crítica e literária nelas publicada. Ao escolher, como objeto de pesquisa, duas revistas especializadas, sendo uma brasileira e outra uruguaia, meu intuito é verificar o diálogo ocorrido entre intelectuais dos dois países que se encontra inscrito nas páginas de ambas as revistas. Inserindo Festa no contexto do Modernismo brasileiro, pretendo assinalar a divergência de atitudes ante as propostas de renovação observadas nos integrantes do grupo de Festa e nos reformistas de São Paulo. Vou destacar, sobretudo, a divergência de base que se refere à maneira de considerar o passado. Destacarei a narrativa de Adelino Magalhães, ressaltando os traços inovadores nela existentes.
Farei referência à troca de correspondência ocorrida entre intelectuais dos dois países, ressaltando o enriquecimento que decorre desse intercâmbio cultural.
Por fim, assinalarei a abertura da crítica literária contemporânea para a pesquisa de manuscritos e demais fontes primárias, material que representa o guardião da memória de uma cultura.

Palavras-chave: Festa. La Cruz del Sur. Modernismo. Adelino Magalhães. Memória.

Downloads 702  702  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma http://www.ufmg.br/  Site http://www.ufmg.br/
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 (2) 3 4 5 »