Educadores

Ínicio : Língua Portuguesa : Artigos : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Notas (Do pior para o melhor avaliado)

Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Leitura e escrita no Orkut: o que os professores veem e o que não veem Popular Versão: 
Atualização:  26/10/2012
Descrição:
BEZERRA, Benedito Gomes

A despeito do caráter multimidiático e multimodal que o caracteriza como ambiente baseado na Web, o site de relacionamentos Orkut ainda seria impensável a não ser como espaço de leitura e escrita. Apesar de isso, em princípio, apontar para uma potencial conexão com os interesses escolares, o que se verifica é o forte estigma que pesa, na escola, sobre os alunos que utilizam o site. À luz de concepções de leitura e escrita ancorados principalmente na Linguística Textual, buscamos, neste estudo, refletir sobre as possibilidades pedagógicas de uso do Orkut, segundo a percepção de professores do ensino fundamental e médio do interior de Pernambuco. O universo da pesquisa consiste de 36 professores, todos cursando Especialização em Ensino de Língua Portuguesa. Os resultados mostram que muitos professores têm pouca intimidade com as tecnologias digitais, além de alimentarem uma expressiva rejeição ao uso de sites "não-educativos" como o Orkut.

Palavras-chave: Leitura. Escrita. Orkut.

Downloads 530  530  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Anais Hipertexto 2009  Site http://www.ufpe.br/nehte/hipertexto2009/anais.html
Avaliação: 8.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Questões de estilo no gênero chat aberto e implicações para o ensino de Língua Materna. Popular Versão: 
Atualização:  29/10/2012
Descrição:
ARAÚJO, Júlio César; RODRIGUES, Bernadete Biasi

A Internet é uma invenção humana incrível que recebeu fortes influências da mistura dos serviços de telefonia com os serviços da informática, originando a telemática. Com isso, parece ser inconteste o fato de que está em sua gênese a vocação para a hibridização, pois as possibilidades combinatórias de linguagens, de gêneros e de estilo parecem ser inesgotáveis nesse ambiente discursivo. Por esta razão, entendemos a Internet como um espaço ou uma esfera de atividade humana, no sentido bakhtiniano do termo, no qual se ambientam inúmeras práticas discursivas singulares.

Palavras-chave: Gênero chat. Práticas discursivas. Linguagem.

Downloads 1421  1421  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://www.julioaraujo.com/site/interna/artigos.htm
Avaliação: 8.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Estilos: períodos curtos e longos Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
PINHEIRO, Célio
O tamanho dos períodos gramaticais é uma das marcas estilísticas. Período longo e tenso, fatores de época determinam escolas ou movimentos literários e com períodos curtos e períodos longos.

Palavras-chave: Períodos gramaticais. Unidade. Comunicação. Período. Gramatical. Agrupamento. Orações.


Downloads 10233  10233  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma In Revista Universitária, Faculdades Integradas To  Site http://www.portrasdasletras.com.br
Avaliação: 8.00 (4 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Concepções de linguagem e fazer docente: um olhar sobre as práticas pedagógicas do ensino da leitura Popular Versão: PDF
Atualização:  6/1/2016
Descrição:
SILVA, Silvio Profirio da

Durante décadas, o processo de escolarização brasileiro foi norteado por paradigmas tradicionais. Com isso, a prática docente do ensino da leitura concedeu primazia à Decodificação de Sinais Gráficos. O foco do ensino da leitura era, então, questões de cunho visual. De acordo com Koch & Elias (2006), nos dias atuais, pode ser percebida uma nova concepção de leitura como atribuição/produção de sentido, diretamente relacionada a perspectivas cognitivas, dialógicas, interativas, linguísticas e sociais, acompanhada de novos enfoques e estratégias de ensino. Essas diferentes práticas não emergem de forma neutra. Segundo Koch (2002), o tratamento dado à leitura, na Didática da Escolarização do leitor, tem como base de respaldo as Concepções de Linguagem. Recorrendo, teoricamente, ao trabalhos de Albuquerque (2006), Barbosa & Souza (2006), Bezerra (2010), Geraldi (1984), Kleiman (2008), Koch (2002), Koch & Elias (2006), Perfeito (2007), Santos (2002a), Silva (2012a), Soares (1998), este trabalho tem por objetivo abordar os reflexos das Concepções de Linguagem nas práticas docentes do ensino da leitura no processo de escolarização brasileiro. Decorrente disso, pretende-se traçar um breve resgate histórico do ensino da leitura dos anos 50 aos dias atuais, como também dos fundamentos teóricos, ideológicos, políticos e sociais, que nortearam tais práticas.

Palavras-chave: Educação. Modelos educativos. Procedimentos didáticos.

Downloads 4534  4534  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Revista Urutaguá  Site http://www.periodicos.uem.br/ojs/index.php/Urutagua/article/view/19487
Avaliação: 8.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Web 2.0 e as práticas de línguagem: novos gêneros?  Popular Versão: 
Atualização:  26/10/2012
Descrição:
ARAÚJO, Júlio César

As práticas de linguagem na web 2.0 demandam gêneros discursivos próprios que precisam ser sistematizados para melhor compreensão e uso. Em função dessa compreensão, o presente trabalho relata uma análise preliminar de dados oriundos de um projeto PIBIC intitulado "Práticas de linguagens na web: links entre gêneros, letramentos, hipermodalidade e convergências de mídias (Etapa I)". Nesse projeto, o objetivo foi estudar as práticas discursivas digitais para compreender os gêneros e os eventos de letramentos que emergem dessas práticas. Metodologicamente, recorreremos à produção desenvolvida por pesquisadores vinculados ao grupo de pesquisa Hiperged, do Programa de Pós-Graduação em Linguística da UFC, pois o nosso projeto faz um mapeamento das pesquisas feitas no referido grupo. Tais pesquisas correspondem à análise do fenômeno da intergenericidade no scrap do Orkut e da incorporação de características da hipertextualidade em transições de gêneros audiovisuais entre a web e a TV. A análise nos permite chegar à premissa de que a web e seu regime semiótico hipermodal influenciam sobremaneira as práticas de linguagem que ali se instauram. Tais resultados nos ajudam a colaborar com os estudos da linguagem na medida em que podem servir de base para o conhecimento e a compreensão dos fenômenos relativos às práticas de linguagens na web 2.0.

Palavras-chave: Web 2.0. Práticas de linguagem. Pesquisa.

Downloads 508  508  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Portal de Periódicos da Fale - Universidade Federa  Site http://aplicacoes.unisul.br/pergamum/biblioteca/index.php?resolution2=1024_1&tipo_pesquisa=&filtro_b
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Ricardo Reis e a negação do Cristianismo Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CHERPINSKI, Adriane

O presente estudo é resultado do projeto de TCC – Trabalho de Conclusão de Curso, que aborda alguns aspectos da poesia do heterônimo pessoano Ricardo Reis. Restringe-se a pesquisa à análise da negação do Cristianismo em algumas odes, uma vez que a gênese de sua poesia está ligada ao paganismo, epicurismo e estoicismo.

Palavras-chave: Cristianismo. Paganismo. Crença. Negação. Exaltação.
Ricardo Reis.

Downloads 9130  9130  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma   Site http://
Avaliação: 9.00 (5 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Gênero narrativo: uma dialogia entre a leitura e a escrita Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
CREPALDI, Nilza Pereira

Apresenta as concepções de Vygotsky e Bakhtin sobre o desenvolvimento da linguagem, situando o gênero discursivo narrativo (Contos de Fadas) como uma possibilidade do aluno internalizar abstrações e experiências, alargando os níveis mentais superiores, ajudando-o a reelaborar e reorganizar seus pensamentos e transformando-o psicologicamente. Essa abordagem reflete a importância do locutor e do interlocutor para a produção de um enunciado o qual é determinado pelo tema, composição e estilo, numa dada situação social. Mostra o ensino da leitura e da escrita como um processo externo, mediado pelo professor, provocando reflexões que possibilitam transformações internas e ações responsivas, levando o leitor-escritor a reelaborar sua fala interior, melhorando -a para um novo interlocutor, o que só se efetiva pela dialogia e pela interação social.

Palavras-chave: Discurso literário. Ensino. Sociointeracionismo. Leitura. Escrita.

Downloads 8054  8054  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PDE  Site http://
Avaliação: 9.00 (2 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!Tradição e Modernidade: confluências e contradições em manifestações orais narrativas de alunos Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
OLIVEIRA, Alessandro Eleutério

O trabalho de investigação que ora se apresenta surgiu a partir de constatações decorrentes de nossa participação em dois projetos distintos de extensão universitária da Faculdade de Ciências e Letras (UNESP) na cidade paulista de Araraquara.

Downloads 1667  1667  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UNESP  Site http://
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!O que é aprender a ler?  Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
FOUCAMBERT, Jean

Este artigo trata da defasagem das idéias e práticas herdeiras do passado, e por outro lado os saberes novos, mal difundidos, criadores de práticas desconcertantes, minoritárias, porém já portadoras de soluções (ainda que a escola não esteja pronta para adotá-las). Trata do problema com a leitura que se instaurou na escola nos anos de 1960 e 1970. Por fim, faz considerações importantes sobre leitura e assuntos relativos a este.

Palavras-chave: Aprender. Ler. Leitura. Siginificado. Escrita. Linguagem. Código. Professor. Leitor.

Downloads 5431  5431  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Artigo publicado em l'Éducatíon, 22 de maio de 198  Site http://www.portrasdasletras.com.br/
Avaliação: 9.00 (1 voto)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Língua Portuguesa Artigos
Fazer Download agora!A Estética da Recepção e Teoria do Efeito Popular Versão: 
Atualização:  26/3/2012
Descrição:
COSTA, Márcia Hávila Mocci da Silva

A teoria literária priorizou em seus estudos, ao longo do tempo, respectivamente, o autor, a obra e o leitor. Num primeiro momento, o autor era considerado o expoente máximo. Com o advento do formalismo e do estruturalismo, o texto passa a ser o centro das análises e, a partir dos estudos da recepção, o leitor, e não mais a obra ou o autor, torna-se o elemento fundamental para os estudos literários. Na recepção, o leitor é quem atribui significado ao texto, atualizando-o através da leitura, transformando-o pela sua ação e transformando-se a partir do diálogo com o mesmo. Por meio da recepção, o leitor concretiza a obra literária e essa concretização pode ocorrer tanto no momento de sua produção quanto no momento de sua leitura. Os estudos da recepção baseiam-se na Fenomenologia, concepção filosófica criada pelo alemão Edmund Husserl (1859-1938), que apresenta uma forma diferenciada de ver a realidade, propondo uma nova discussão em torno da separação do sujeito e do objeto, da consciência e do mundo.

Palavras-Chave: Leitor, recepção, leitura.

Downloads 5218  5218  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEM  Site 
Avaliação: 9.00 (2 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 (14) 15 16 17 »