Educadores

Ínicio : Espanhol : Dissertações : 

Produções de Profissionais da Seed: Dissertações (4)


Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Data (antigos listados primeiro)

Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!O cinema na aula de língua estrangeira: uma proposta didático-pedagógica para o ensino-aprendizagem  Popular Versão: 
Atualização:  24/4/2012
Descrição:
STEFANI, Viviane Cristina Garcia de

A nova configuração da sociedade pós-moderna tem exigido mudanças no âmbito de ensino. Vivemos em uma era em que a escola já não é considerada o principal local onde ocorre a aprendizagem, e o conhecimento é adquirido por meio da interação e do pertencimento às diversas redes sociais (FAIRCLOUGH, 2001) – fato que nos leva a refletir sobre novas maneiras de construir e lidar com o conhecimento. É preciso que o ambiente da sala de aula traduza as transformações da sociedade, de forma que possa configurar-se, efetivamente, como comunidade de prática, lugar de construção do saber.
O papel que a escola deve assumir, juntamente com o professor, é o de promover oportunidades para a construção de novos saberes e para o conhecimento e aproximação de outras culturas. Em se tratando de ensino e aprendizagem de língua estrangeira (LE) a proximidade entre culturas torna-se ainda mais relevante. Nos novos tempos o avanço da tecnologia tem propiciado um estreitamento cada vez maior do contato entre os povos, e é preciso conhecer não somente a língua, mas também a cultura do outro.
Aprender uma língua-alvo significa familiarizar-se com outros modos de agir, pensar e comunicar-se. Entendemos que essa prática pode ser favorecida por uma abordagem comunicativa de ensino, cujo foco é a busca pela construção conjunta do conhecimento por meio da interação e da negociação de sentidos, de forma que a aprendizagem seja significativa ao aprendente. Ao refletirmos sobre procedimentos que viabilizem a implementação de um ensino comunicativo de acordo com as novas exigências da sociedade moderna, de forma que promova oportunidades para a construção do conhecimento por meio da interação e da negociação de sentidos, e que, ao mesmo tempo, possa contemplar a abordagem de múltiplas variedades linguísticas e culturais do idioma espanhol, parece-nos oportuna a inserção do cinema como recurso didático para esse fim. Embora o cinema possa configurar-se como um recurso didático eficiente para a implementação do ensino comunicativo de línguas, por seu caráter lúdico e por sua capacidade de promover maior envolvimento dos alunos na realização de atividades significativas, percebemos que seu uso ainda é bastante limitado no âmbito de ensino de língua estrangeira. Considerando essa lacuna, o objetivo desta pesquisa qualitativa, de base etnográfica, foi investigar o uso do filme Diários de Motocicleta como conteúdo didático no contexto de ensino de espanhol como língua estrangeira, tomando por base os pressupostos teóricos da aprendizagem significativa (GEE, 2004; RICHARDS, 2005; SAVIGNON, 2001). A análise dos dados, obtidos por meio de questionários, grupo focal e notas de campo, revela que o filme representa uma maneira eficaz de apresentar o insumo linguístico contextualizado, de envolver os alunos em atividades de interação e negociação de sentidos, de estimular o pensamento crítico e o conhecimento de mundo, além de contribuir significativamente para o desenvolvimento da autonomia do aluno como aprendente de línguas.

Palavras-chave: Espanhol como língua estrangeira. Aprendizagem significativa. Ensino comunicativo. Filme. Cinema.

Downloads 854  854  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFSCAR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Entre línguas de negócios e de cultura. Sentidos que permeiam a relação do brasileiro com a língua  Popular Versão: 
Atualização:  24/4/2012
Descrição:
SOUSA, Greice de Nobrega e

Neste trabalho procurou-se analisar, a partir do lugar teórico da Análise do Discurso de linha francesa, a relação do aprendiz brasileiro com duas línguas estrangeiras: a Língua Inglesa (LI) e a Língua Espanhola (LE). Para tanto, foram exploradas as imagens detectadas nos comentários dos aprendizes sobre essas línguas estrangeiras, que foram recuperadas por meio de questionários aplicados a vários grupos. A imagem que marca a relação aprendiz/LI é a de que ela é uma língua de negócios; no caso da LE, aparece, primeiro, a imagem de 2ª língua de negócios, e depois, ganhando força ao longo do processo de aprendizagem a imagem de língua de cultura. Essas imagens foram interpretadas na sua relação com certas interpelações a que está exposto o sujeito contemporâneo e o funcionamento de certos pré-construídos pelos quais é capturado, no que se refere ao domínio de língua(s). Também foram estudas a constituição da LI e seu processo de expansão como língua internacional, e como ela funciona na escola brasileira, onde desde 1961 até o momento foi praticamente a língua estrangeira dessa instituição.

Palavras-chave: Imagens de língua. Língua espanhola. Ensino/aprendizagem de língua estrangeira. Análise do discurso. Língua inglesa.

Downloads 899  899  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma USP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Corpus linguístico e a aquisição de falsos cognatos em espanhol como língua estrangeira Popular Versão: 
Atualização:  24/4/2012
Descrição:
ALONSO, Maria Cibele González Pellizzari

Constituiu objeto central deste trabalho, por meio da utilização de instrumentos da Linguística de Corpus, tais como concordâncias e descrição de língua baseada em padrões, a preparação de atividades destinadas ao ensino de falsos cognatos em espanhol como língua estrangeira (E/LE). A Linguística de Corpus é uma área da Linguística que se ocupa da coleta e da exploração de ‘corpora’, isto é, de conjuntos de dados linguísticos - cuidadosamente coletados - que servem de base para a pesquisa de uma língua ou variedade linguística. Trata-se da exploração da linguagem por meio de evidências empíricas, obtidas por computador.
O trabalho que ora se apresenta foi motivado pela necessidade de oferecer a meus alunos de espanhol, a professores e a autores de livros didáticos mais uma alternativa para a aprendizagem dos falsos cognatos. Constituiu propósito fundamental do trabalho enfocar a aquisição - por parte de alunos brasileiros - dos falsos cognatos em espanhol como língua estrangeira, visto que a maioria dos livros didáticos se dedica tão-somente à citação desses itens, ou seja, à menção dos deslizes linguísticos que os alunos costumam cometer durante suas produções, não se evidenciando, portanto, uma preocupação no sentido de se sanarem tais deslizes.
No presente estudo, analisaram-se os padrões mais importantes dos 10 (dez) falsos cognatos mais frequentes de uma lista de léxico básico mínimo, elaborada após análise de 4 (quatro) livros didáticos de espanhol como língua estrangeira. A partir da descrição desses padrões, organizaram-se atividades didáticas. Propuseram-se as seguintes questões de pesquisa: 1) Quais os padrões mais recorrentes de cada um dos 10 (dez) falsos cognatos em espanhol? 2) Quais os significados mais frequentes dos falsos cognatos analisados? 3) Como um ‘corpus’ linguístico pode auxiliar na resolução das interferências linguísticas causadas pelos falsos cognatos?
O ‘corpus’ empregado na pesquisa para a obtenção das linhas de VIII concordância analisadas foi o CREA - Corpus de Referência do Espanhol Atual da Real Academia Espanhola -, com aproximadamente 160 milhões de palavras.
Chegou-se à conclusão de que uma eficaz aquisição e apropriação dos falsos cognatos não exige a mera tradução dos mesmos. Há – isso sim – de se oferecer ao aluno as diversas possibilidades de usos e significados que um falso cognato pode assumir em função do contexto em que está inserido.
As atividades elaboradas representam uma alternativa de modelo de ensino e aprendizagem que pode estar em perfeita conformidade com os enfoques comunicativos, além de facilitar os processos de descoberta e resolução de problemas, levando-se em conta que o aluno é capaz de construir seu próprio conhecimento.
Dada a quase ausência de estudos baseados em Linguística de Corpus para o ensino de espanhol como Língua Estrangeira, a presente pesquisa assume a pretensão de contribuir com a área da Linguística de Corpus no ensino do espanhol como língua estrangeira.

Palavras-chave: Línguística de Corpus. Ensino/aprendizagem de língua estrangeira. Material didático. Léxico. Falsos cognatos.

Downloads 711  711  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma PUC-SP  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Aspectos interculturais no ensino de espanhol em contato com o português em canções em livros didáti Popular Versão: 
Atualização:  24/4/2012
Descrição:
SCHINELO, Lucimeiri Maria

Historicamente, o ensino de línguas estrangeiras no Brasil esteve ligado a políticas linguísticas que, muitas vezes, determinaram as práticas pedagógicas e as condições de produção do mesmo. Apesar da existência dos Parâmetros Curriculares (PCNs) que valorizam o aprendizado holístico e o desenvolvimento da abordagem comunicativa, o componente sociocultural, os enfoques interculturais e o pluralismo linguístico, ocupam lugares acessórios nas grades curriculares e nas aulas dos cursos de língua estrangeira do país. Propomos-nos, nesta pesquisa, a observar como a visão de ensino, que permeou os diferentes momentos históricos, influenciou no tratamento das questões culturais nas atividades que envolvem canções presentes em quatro livros didáticos de Espanhol Língua Estrangeira, indicados pelo MEC. Partimos da perspectiva que tais canções são uma fonte de estudo que pode contribuir para que aspectos históricos e culturais passem a ser valorizados nas aulas de língua espanhola, ressaltando, assim, a importância de promover uma maior aproximação entre os países da América Latina, reconhecendo-nos como sujeitos de nossa história. Buscamos respaldo teórico nas concepções de abordagem comunicativa, e nas definições de cultura e de interculturalidade e suas implicações na área de ensino de línguas.
Acreditamos que o ensino de língua estrangeira moderna, a partir da contextualização e reflexão dos textos utilizados, possibilitou uma nova visão sobre língua e cultura, fato que pôde ser constatado na maneira como algumas manifestações históricas, culturais e linguísticas dos povos latinoamericanos aparecem de forma explícita ou implícita nas letras das canções selecionadas para o corpus. Tal estudo propiciou uma reflexão sobre o tema interculturalidade, contribuindo com o ensino-aprendizagem de línguas (português e espanhol) e gerando caminhos para a formação de um aprendiz crítico e consciente.

Palavras-chave: Espanhol. Português. Ensino de línguas. Interculturalidade. Livro didático. Canções.

Downloads 1649  1649  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFSCAR  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Entre infiéis e chirus: a representação do indígena nas obras de José Hernández e João Simões Lop Popular Versão: 
Atualização:  24/4/2012
Descrição:
GUIMARÃES, Rafael Eisinger

A literatura gauchesca configura um dos elementos-chave para o processo de mitificação do gaúcho histórico e a consequente transformação desse mito na base para a construção do pertencimento identitário de uma significativa parcela dos sujeitos argentino e sul-rio-grandense. Tendo em vista esse aspecto e a inegável relevância que o índio assumiu na formação étnica e cultural da identidade gaúcha, tanto no lado brasileiro como no lado argentino, investiga-se o papel que essa etnia assume nas obras literárias gauchescas.
Este trabalho descreve e analisa a forma como a imagem do indígena é elaborada nos poemas "El gaucho Martín Fierro" e "La vuelta de Martín Fierro", de José Hernández, e nos contos "Os cabelos da china" e "Melancia – coco verde", de João Simões Lopes Neto, contrapondo a representação dos autóctones argentino e sul-rio-grandense respectivamente às imagens do gaucho e do gaúcho. Uma vez que a análise está focada no contraponto que se estabelece entre identidade e alteridade, o referencial teórico escolhido compreende tanto as concepções da imagologia, corrente teórica dedicada ao estudo da imagem literária do estrangeiro, quanto as contribuições de pensadores dedicados à compreensão do processo de construção da identidade.
Para alcançar os objetivos estabelecidos, a metodologia adotada segue as propostas do teórico francês Daniel-Henri Pageaux, e inicialmente analisa a representação do autóctone nos níveis lexical e discursivo para, posteriormente, verificar o grau de conformidade da imagem literária às ideologias e ao imaginário dominantes no contexto de produção da obra.
A partir da abordagem do corpus, observa-se de imediato uma explícita distinção entre as representações do autóctone que Martín Fierro e Blau Nunes – narradores dos referidos textos de José Hernández e Simões Lopes Neto, fazem, uma diferença que, como se verifica, está diretamente relacionada aos projetos de construção de uma identidade nacional sustentados por esses dois escritores.

Palavras-chave: Alteridade. Identidade. Heteroimagem do índio. El gaucho Martín Fierro. La vuelta de Martín Fierro. Contos gauchescos.

Downloads 838  838  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UFRGS  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Espanhol Dissertações
Fazer Download agora!Fantomas contra los vampiros multinacionales, de Julio Cartázar: literatura e quadrinhos em meio imp Popular Versão: 
Atualização:  3/4/2013
Descrição:
CÉSAR, Daisy da Silva

Destacando em Fantomas contra los vampiros multinacionales, de Julio Cartázar, os aspectos relativos à arte e à literatura, torna-se essencial chamar a atenção para a presença de quadrinhos como parte constituinte da obra, que juntamente com ilustrações de outras naturezas, além da presença de discursos pertencentes a outras esferas das áreas humanas, conferem ao texto o status de híbrido. A partir disso, este estudo objetivo estudar a importância de palavras e imagens, e de sua imbricação, para a construção do sentido heterogêo do texto, além de fazer um cotejo entre diferentes versões da obra, em meio impresso e eletrônico, considerando as diferenças entre as suas versões.

Palavras-chave: Fantomas. Julio Cortázar. Heterogeneidade. Quadrinhos (Arte sequencial). Literatura.

Downloads 993  993  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma Universidade Federal do Rio Grande do Sul  Site https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/37475
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 (13)