Educadores

Ínicio : Pedagogia : Teses : Produções de Profissionais da Seed: Teses : 



Ordenar por:  Título () Data () Notas () Popularidade ()
Ordenados por: Notas (Do melhor para o pior avaliado)

Categoria: Pedagogia Teses Produções de Profissionais da Seed: Teses
Fazer Download agora! Carneiro Leão e a Educação Rural Brasileira: um Projeto Cultural, Político e Modernizador (1909-19 Popular Versão: PDF
Atualização:  8/6/2017
Descrição:
LIMA, Rosilene de

A pesquisa ora apresentada analisa a educação rural e suas relações com a modernização da sociedade brasileira com base nos escritos de Antônio Arruda Carneiro Leão (1887-1966), um intelectual pernambucano, de expressiva contribuição aos aspectos sociais e educacionais do país. Esta pesquisa aprofunda os estudos sobre seu pensamento, uma vez que analisa o posicionamento do autor acerca da sociedade rural, com ênfase nos enfrentamentos e embates que apresenta em relação à educação nos períodos que compreendem a Primeira República brasileira, haja vista que a produção de sua obra percorre enfaticamente tal período, além de momentos posteriores, observando a conjuntura do momento histórico em sua totalidade. Parte-se do pressuposto de que o projeto de sociedade expresso pelo autor tem significativa importância nos encaminhamentos educacionais brasileiros, visto abarcar os setores urbano e rural do país de forma ampla. Concentra-se na análise de como este intelectual pretendia contribuir para a modernização da sociedade brasileira implantando um projeto de desenvolvimento para a educação rural do país, enquanto o discurso recorrente no período priorizava a industrialização e a ampliação dos centros urbanos. São tomados como principais fontes o conjunto de livros de autoria de Carneiro Leão. Considera-se que no conjunto de sua produção apresenta elementos que podem ser avaliados como formadores de uma concepção de sociedade rural pautada em princípios sociológicos, a qual fundamenta as ações do autor em estudo. Para uma exposição que possibilite maior visibilidade aos resultados, é apresentado um panorama do contexto socioeconômico brasileiro na Primeira República brasileira, a fim de caracterizar o momento histórico no qual Carneiro Leão configurou suas teses e se debruçou sobre as causas educacionais do país; são destacadas as suas propostas que subsidiam o processo de modernização da sociedade brasileira, destacando suas concepções de educação, de sociologia, bem como a formação de professores; e, analisam-se o pensamento e a ação de Carneiro Leão como um projeto de desenvolvimento para a educação rural do país e sua modernização. Defende-se que, embora a historiografia brasileira destaque as discussões sobre questões urbano industriais ao tratar do processo de modernização da sociedade brasileira, há que se considerar as contribuições da educação rural para a efetivação deste processo. Neste sentido, a proposta de educação de Carneiro Leão para a educação rural configura-se em um projeto cultural, político e modernizador para a sociedade daquele momento.

Palavras-chave: Carneiro Leão. Sociedade Rural. Educação Rural. Modernização da Sociedade.

Downloads 462  462  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEM  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


Categoria: Pedagogia Teses Produções de Profissionais da Seed: Teses
Fazer Download agora!Uma Intervenção Pedagógica na Educação Básica com Potencial de Ampliar a Visibilidade da Produção Ci Popular Versão: PDF
Atualização:  8/6/2017
Descrição:
CORRÊA, Maria Lúcia

Uma das metas do Plano Nacional de Educação (2014) a ser atingida até o ano de 2024 é estimular a participação das mulheres nos cursos de pós-graduação stricto sensu, em particular aqueles ligados às áreas de Engenharia, Matemática, Física, Química, Informática e outros no Campo das Ciências. No entanto, tendo em vista que o conhecimento científico proporcionado na Educação Básica traz em sua essência um potencial produtivo quase que exclusivamente masculino, ocorre que poucas mulheres cientistas e suas contribuições criativas são apresentadas às alunas e aos alunos nessa etapa de estudos. Esse fato pode levar as meninas a pensarem que a Ciência não é um campo propício para as mulheres, causando desestímulos quanto a seguirem a carreira científica e mesmo dar a entender que a Ciência pode ser um campo hostil para elas. Sendo assim, buscamos em dissertações, artigos e livros da área, discussões a respeito do tema Ciência e gênero e elencamos alguns elementos que consideramos relevantes para problematizar uma Ciência androcêntrica, não com o intuito de apresentar às alunas e aos alunos uma Ciência mais feminina, mas sim uma Ciência mais abrangente às mulheres. Encontrados esses elementos, construímos uma Sequência Didática cuja aplicação pode nos fornecer subsídios para analisarmos se tais elementos possibilitariam a visibilidade da produção científica feminina em uma atividade escolar aplicada ao nono ano do Ensino Fundamental. Essa intervenção didática foi fundamentada na teoria da Aprendizagem Significativa. O instrumento heurístico “V” Epistemológico de Gowin foi utilizado durante o processo na condição de facilitador da aprendizagem e na coleta de dados. Com a articulação metodológica desses referenciais, este trabalho encontrou evidências de que a apropriação desses aspectos citados em uma Sequência Didática aplicada à Educação Básica pode possibilitar a visibilidade da produção científica feminina. As análises qualitativas dos dados coletados apresentaram indícios de aprendizagem significativa, considerando que observamos uma ampliação da visibilidade da produção científica feminina em atividades escolares.

Palavras-chaves: Gênero feminino. Construção do conhecimento científico. Produção científica feminina. Aprendizagem significativa. “V” Epistemológico.

Downloads 577  577  Tamanho do arquivo 0 bytes  Plataforma UEL  Site http://
Avaliação: 0.00 (0 votos)
Avaliar | Alterar | Informar erro | Indicar | Comentários (0)


« 1 2 (3)